Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

CATEGORIAS DIDÁTICAS: Formas organizativas e avaliação.

No description
by

Benigna Costa

on 6 December 2013

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of CATEGORIAS DIDÁTICAS: Formas organizativas e avaliação.

CATEGORIAS DIDÁTICAS: Formas organizativas e avaliação do ensino.
A principal premissa da Didática é a possibilidade de organizar o ensino de modo a permitir a melhoria da aprendizagem.
Compete ao professor ter a organização do ensino como um trabalho consciente e sólido, é necessário que ele tenha em conta:
1- ano escolar do aluno,
2- a idade,
3- as características do desenvolvimento mental,
4- as especificidades do conteúdo a ser ministrado,
5- os procedimentos adequados que facilitem a aprendizagem
6- a forma de acompanhar até que ponto aconteceu o que se esperava.
Para organizar o ensino, portanto, o professor começará:
1. Pensando em como incentivar os alunos para querer aprender o conteúdo da aula. Há vários procedimentos: contar uma história, expor um problema, conversar sobre um acontecimento recente, propor um exercício com o conteúdo anterior já aprendido. Vale qualquer introdução capaz de despertar o interesse pela aprendizagem.
Em seguida, decidirá sobre a melhor forma de ministrar o conteúdo, porque a forma utilizada pelo professor para ensinar cumpre uma função social específica, da transmissão, da assimilação e da produção do saber. Para consolidar os conhecimentos.
3. o passo seguinte é escolher exercícios que favoreçam a aplicação daquilo que foi aprendido, pois é através deles que se criam hábitos de estudo e possibilita a capacidade de ampliação do pensamento.
4. Depois, o professor decidirá como irá cobrar a aquisição do conhecimento aprendido com tarefas que envolvam a aplicação em situações diferentes das requeridas nos exercícios.
5. Por fim, como último passo na organização do ensino, pela complexidade e subjetividade da avaliação, pela imposição da Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional (LDB), que obriga o professor
a adotar a avaliação contínua, cabe a ele escolher o instrumento que irá utilizar durante e no final da aula para ajudá-lo a decidir o que irá fazer na próxima: avançar na programação, revisar o conteúdo anterior, etc.


MODALIDADES ORGANIZATIVAS DOS CONTÚDOS ESCOLARES
Material de sistematização produzido por Rosaura Soligo, Rosângela Veliago e Rosa Maria Antunes de Barros a partir das contribuições de Delia Lerner em É possível ler na escola?, do livro Ler e escrever na escola - o real, o possível e o necessário, publicado pela Artmed em 2002.

Modalidades organizativas dos conteúdos escolares
AVALIAÇÃO
A avaliação, no que se refere ao projeto político pedagógico elaborado em uma visão crítica, segundo Veiga (1995), “parte da necessidade de se conhecer a realidade escolar, busca explicar e compreender criticamente as causas da existência de problemas, bem como suas soluções, suas mudanças e se esforça para propor ações alternativas (criação coletiva)”
A avaliação serve para verificar se houve progressono rendimento dos alunos, identificar aspectos positivos e/ou negativos do processo de ensino e onde se pode melhorar o planejamento, enfim, “a avaliação é uma maneira de tentar conhecer, com mais clareza, o que estamos fazendo, o que mais precisamos fazer e qual é a melhor forma de fazê-lo para atingir nossos objetivos” (FEUERSTEIN apud DALMÁS, 2001, p.104).
Brighenti citado por Dalmás (2001) indica que o processo de avaliação compreende três momentos:
1º) Localizar os problemas que ocorreram no desenvolvimento da ação;
2º) Fazer o confronto do resultado com o que foi planejado;
3º)Descobrir as causas dos desvios e encontrar alternativas que orientem a ação futura (p.106).
TIPO, FUNÇÃO E CARACTERÍSTICAS DA AVALIAÇÃO
FUNÇÕES
Full transcript