Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

Copy of Copy of Copy of Banco de Dados Multimidia

No description
by

on 24 May 2014

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of Copy of Copy of Copy of Banco de Dados Multimidia

Disciplina: Banco de Dados Avançados
Introdução
Mas,
o que é BLOB?
São Objetos Binários que armazenam informações multimidia no formato Binário, Atributos do tipo campo longo ou BLOB (Binary Large Object);

BLOB; CLOB; NCLOB; BFILE.
Bancos Normais dão suporte a textos, números, datas e etc....

Os arquivos que não se encaixam nesse suporte são armazenados como BLOB.
CLOB - Character Large Objects: São objetos criados para armazenar dados de texto longos, em forma de caracteres;

NCLOB - National Character Large Object: Trata-se de um subtipo do CLOB mas, nacionalizado e de tamanho fixo;

BFILE - Binary File: Arquivo binário armazenado a parte do banco de dados;

Formas de Armazenamento de Dados MM
Para o gerenciamento de dados multimídia são utilizadas formas de armazenamento distintas, que podem ser classificadas em:
armazenamento por referência
,
armazenamento por dados não interpretados
,
armazenamento por funções externas
e armazenamento através de
orientação a objetos.

Áreas de Aplicações
Multimídia
Gerenciamento de documentos e registros (Bibliotecas Digitais);

Educação e Treinamento;

Marketing, Propaganda, Vendas;

Entretenimento (Provedores de Acesso, Provedores de Jogos, TV Digital, Rádios On-Line);

CAD (Projeto assistido por computador);

Aplicações Médicas;

GIS (aplicações geográficas);
Ferramentas
Mais uma vez
NÃO EXISTEM SGBDs MULTIMÍDIA NATIVOS
!

“Ou seja”

-Projetados unicamente para o manuseio de dados multimídia.

-Com funcionalidade para suportar todas as aplicações de gerenciamento da informação multimídia



Ferramentas

São exemplos de Sistemas Gerenciadores de Banco de dados (SGBD) que oferecem suporte a tipos de dados multimídia

-DB2 – IBM
-Oracle
-CA-Jasmine
-Sybase



Framework
Oracle SQL Developer

Extensão do Oracle para desenvolvimento e visualização dos dados multimídia.
BD Multimídia
Alunos: Heverthon Silva
Marcelo Santos
Marco Antônio

FIM
Definições
BDMM:
Base de dados que trata de aplicações interativas, que tem acesso a um grande número de dados diversos.

SGBDMM:
Um SGBD multimídia é um framework que gerencia diferentes tipos de dados potencialmente representados em diferentes formatos e em diferentes fontes de mídia [Subrahmanian: 2001].

O que é MMBD?
SGBD X MMBD
SGBD ( Sistema Gerenciador de Banco de dados)- Utiliza dados simples como texto;

MMBD (Sistemas de Bancos de Dados Multimídia)- Utiliza seleções e dados mais complexos;
- Prover consultas baseadas em conteúdo dos objetos;

- Consultas baseadas no conteúdo dos documentos, capaz de fazer a interpretação dos dados com a identificação de objetos conceituais nele contido e seus relacionamentos;

- Tempo x Complexidade;

- Armazenamento e recuperação rápida dos objetos;
Características
- Controle de Integridade;
- Controle de Acesso;
- Controle de Concorrência, Persistência;
- Recuperação;
- Flexibilidade;
- Integração de Dados;
- Eficiência, Processamentos de Pesquisa.
• Os SGBDs encontram-se atualmente consolidados;

• O aumento da demanda de conteúdo multimídia;

• São dados como imagens digitais, áudio, vídeo, animação e gráficos, juntamente com dados e textos;

• O uso de PCs mais difundido, dispositivos que captam dados multimídia (Câmeras digitais, scanners, smartphones, monitores e impressoras);

• Dispositivos de armazenamento de alta capacidade e redes de internet mais velozes;

• MMBDs têm de lidar com o aumento do uso de um grande volume de dados multimídia;

• Os MMBDs devem oferecer todas as ferramentas que os bancos normais oferecem, mas agregando valor com novas funcionalidades e características.

Arquitetura
Principio da Autonomia
Princípio da
Uniformidade
Princípio da Organização Híbrida
Multimídia,
um pouco de história
• Em 1959, surgiu a primeira referência ao termo multimídia, na área da Educação.

• O termo surge da justaposição dos termos: multi + media, ou seja, vários meios ou formatos de imagem, vídeo, áudio, entre outros.

• Hoje a multimídia é empregada largamente, desde computadores dispositivos eletrônicos, TV interativa, jogos, e-commerce dentre outras aplicações.

Organizados em uma Mídia

Única Estrutura

Algumas mídias próprios indices
(Uniformidade)
Outras se Unificam
(Autonomia)

A evolução dos Sistemas Multimídia, cronologia
• Comunicação em massa por jornais e rádio (Texto, imagem, gráficos);

• O cinema e a TV a natureza da comunicação foi modificada, trazendo o vídeo para o público;

• Mas a Multimídia só veio se popularizar na década de 90’, com a redução de preços dos PCs e Redes mais rápidas com protocolos de hipertexto.


Classificação dos Tipos de Mídia
• Mídia de Percepção: São aquelas onde os sentidos do ser humano podem ser explorados.
Ex.: A Televisão;

• Mídia de Representação: São as representações internas em um computador, é como a informação é codificada.
Ex.: Caracteres de texto ASCII.

• Mídia de Apresentação: São aquelas utilizam dispositivos de entrada e saída de dados.
Ex.: Monitor, teclado, mouse, etc.



• Mídia de Armazenamento: São aquelas onde as informações são armazenadas.
Ex.: Cd, Dvd, Disco Rígido, Pen drive, etc.

• Mídia de Transmissão: São as que se referem ao meio de transmitir a informação, que podem ser mídias guiadas ou mídias não guiadas.
Ex.: Fibra Ótica, Cabo Coaxial, O ar.

• Mídia Discreta/Contínua: podem ser divididas em dois tipos:

Independentes do tempo (Mídia Discreta)
Ex.: Texto, Gráficos e Imagens estáticas.
Dependentes do tempo (Mídia Contínua)
Ex.: Digitalização de sinais, áudio, vídeo.

Classificação dos Tipos de Mídia(cont.)
Formação de Imagem BITMAP(Dados Raster)
• Imagens do tipo bitmap, inúmeros pixels, como uma grade, quanto mais pixels, maior a resolução.
Porém se dermos um zoom na imagem, poderemos
ver o formato quadrado dos pixels.

Imagem normal sendo visualizada.

Imagem 20x20 ( total de 400 pixels)

• Obs.:
Cada um destes quadrados, representam uma informação de cor referente àquela parte da imagem (um ponto de pixel), usando o padrão RGB, sigla em inglês: 
red
,
green
 e 
blue
.

Ex.:
Vermelho (255,0,0)
Verde (0,255,0)
Azul cobalto (0,0,255)

Banco de Dados Multimídia pode ser organizado de três maneiras, podendo ser conforme os
princípios de autonomia
,
princípios de uniformidade
e
princípios de organização híbrida.
Banco de dados
Multimídia

Considera-se um banco de dados como sendo multimídia quando este armazena além de textos, outros tipos de informações como imagens, vídeos, sons e etc. além de serem essenciais no cotidiano moderno.

OBS: Não existem SGBDs específicos para MM.
O que ocorre é que alguns dos Sistemas Gerenciadores de Banco de Dados comerciais tem suporte a definição e manipulação de dados multimídias.


SGBDs com Suporte a Multimídia
Banco de Dados Multimídia Vantagens
Extensibilidade:
inclusão de novos tipos de dados e novos dispositivos de armazenamento e edição;

Flexibilidade:
no armazenamento, transferência e edição das informações multimídia;

Eficiência:
no armazenamento e transferência de dados multimídia;
 
Multidisciplinar:
ter aplicabilidade em áreas como:
- inteligência artificial;
- recuperação de informação;
- processamento de imagens;
- computação gráfica.


Banco de Dados Multimídia
Desvantagens
Falta de um SGBD específico;

Indexação de Imagens;

Problemas na Recuperação de Textos;

Geralmente são Bancos de Dados que requerem grande espaço em disco;


as imagens, os vídeos e os documentos, são organizados dentro de
uma mídia - específica para cada tipo de mídia.

é usado uma única estrutura "A"onde é indexado todos tipos de mídia (imagem, vídeo, documento, áudio, etc.).

uma terceira possibilidade é usar o princípio híbrido, onde certos tipos de
mídia usam os próprios índices, enquanto outros usam índices unificados.

Divide os campos em mais de um tipo diferenciado apenas pelo tamanho:

TinyBlob - 255 bytes
Blob - 64 kb
MediumBlob - 16 Mb
LongBlob - 4Gb
MYSql
Possui os tipos BLOB e CLOB.

O BLOB armazena Objetos binárias;

O CLOB armazena objetos de caracteres simples como texto.
Oracle
Banco de dados do Tipo Text, image e Ntext.

Aceita arquivos Multimidia de até 2Gb de tamanho.
SQLServer
Produto: Oracle 9i
- InterMedia Audio, Video, Image Cartridge
- Oracle Context


Subtipos:

- TINYBLOB: campo blob de armazenamento máximo igual a 255 caracteres (8 bits) mais 1 de controle;

- MEDIUMBLOB: o mesmo que o tinyblob, porém armazena até 16777216 caracteres (24 bits) mais 3 de controle;

- LONGBLOB: o mesmo que o tinyblob, porém, armazena até 4294967295 caracteres (32 bits) mais 4 de controle;

BLOB = Large Object
Objeto Grande

São maiores que os campos convencionais dos principais gerenciados de BD.

Não é necessário declarar o tamanho dos campos BLOB.
http://www.devmedia.com.br/artigo-da-sql-magazine-34-banco-de-dados-multimidia/6800

http://www.linhadecodigo.com.br/artigo/900/mysql-banco-de-dados-multimidia.aspx
 
http://pedrogalvaojunior.wordpress.com/2012/07/20/dica-armazenando-arquivos-de-imagem-no-sql-server-2008-e-r2-atraves-do-comando-openrowset-em-conjunto-com-a-opcao-bulk/
 
http://prezi.com/xnxlrg8vgdiw/copy-of-copy-of-banco-de-dados-multimidia/
 
http://dspace.c3sl.ufpr.br/dspace/bitstream/handle/1884/4683/?sequence=1
 
http://docs.oracle.com/cd/B12037_01/server.101/b10759/statements_5007.htm#i2092417
 
http://javafree.uol.com.br/wiki/ODB%20Banco%20de%20dados%20Objeto
 
http://plsql-tutorial.com/

Referências
Scripts
SQL Developer


*Definindo um diretório

CREATE DIRECTORY DIRETORIO_PDF
AS 'C:\teste';

*Criando a tabela

create table tabe_impressora (
id_impressora number,
cor varchar (15),
modelo varchar(50),
ano varchar(15),
pdf_impressora blob); <-- Atributo do tipo “blob” onde será armazenado uma imagem.


*Inserindo dados no Banco de Dados

DECLARE
I_BLOB BLOB;
I_BFILE BFILE;
BEGIN
INSERT INTO tabe_impressora (id_impressora, cor, modelo, ano, pdf_impressora)
values (1, 'preta', 'HP DeskJet F4180', '2010', empty_blob())
RETURN pdf_impressora INTO I_BLOB;
I_BFILE := BFILENAME('DIRETORIO_PDF', 'ManualImpressora.pdf');
DBMS_LOB.FILEOPEN(I_BFILE);
BMS_LOB.loadfromfile(I_BLOB,I_BFILE,DBMS_LOB.GETLENGTH(I_BFILE));
DBMS_LOB.fileclose(I_BFILE);
COMMIT;
END;



Armazenamento
por referência externa
Os dados são armazenados fora do SGBD,
no sistema de arquivos, dispositivos de
armazenamento removíveis ou CDs.

Armazenamento
por dados não interpretados
No armazenamento por dados não interpretados,
os dados são armazenados em colunas do tipo
BLOB como uma sequência de bytes não interpretados.


Armazenamento
por funções
São funções externas que surgiram como um esforço para suprir a falta de recursos para manipulação de dados multimídia.

PL / SQL bloco consiste em três seções:
A seção de Declaração (opcional).
A seção de Execução (obrigatório).
A seção de exceção (ou de erro) Manipulação (opcional).

Armazenamento
Orientação a Objetos
Essa abordagem oferece mecanismos para
extensão de tipos existentes e a definição
de novos tipos (classes) junto com suas
operações e oferece o suporte mais flexível,
além de permitir a modelagem de
relacionamentos complexos entre as entidades.


Banco de Dados Orientado a Objetos:

db4o 
NeoDatis ODB



*Consultando e visualizando os dados

select * from tabe_impressora;

select modelo, cor from tabe_impressora where ano = 2010;



Scripts
SQL Developer
Scripts
SQL Developer
Full transcript