Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

INTRODUÇÃO AO BEHAVIORISMO RADICAL

No description
by

Julia Rocca

on 29 August 2016

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of INTRODUÇÃO AO BEHAVIORISMO RADICAL

Prof. Dra. Julia Rocca
(1) Antecedentes
(2) Ciência
(3) Comportamento

INTRODUÇÃO AO BEHAVIORISMO RADICAL
(1) ANTECEDENTES
IVAN PAVLOV (1849 - 1936)
Fisiologista russo

Trabalho sobre condicionamento reflexo de cães.
WILHEM WUNDT (1832-1920)
Médico e filósofo alemão

Fundou o primeiro laboratório de psicologia.
WILLIAM JAMES (1842-1910)
Filósofo, psicólogo e médico americano.


Propôs um projeto
de psicologia
científica e
pragmática.
SIGMUND FREUD (1856 - 1939)
Neurologista austríaco.

Trabalho na clínica.
Inventor da psicanálise.
JEAN PIAGET (1896 - 1980)
Biólogo francês.
Estudou desenvolvimento humano.

Seu foco era o
desenvolvimento
cognitivo.
LEV VYGOSTSKY (1896-1934)
Psicólogo russo.

Estudava desenvolvimento
infantil e
aprendizagem.

B. F. SKINNER (1904 - 1990)
Americano e formado em letras.

Dedicou-se à Psicologia e ao
Behaviorismo.


PRIMEIRA
GUERRA
1914-1918
SEGUNDA GUERRA
1939-1945
QUEBRA
DA BOLSA
1929
1934 - TESE DE DOUTORADO
"O conceito do reflexo na descrição do comportamento"
SEGUNDA GUERRA
1939-1945
Psicologia do início do século XX
Principais obras de Skinner
1930s
1934
1938
1945
1953
1956
1957
1959
1961
1938 - PRIMEIRO LIVRO
"O comportamento dos organismos"
1945 - CONFERÊNCIA
"A análise operacional dos termos psicológicos"
1948
1948 - ROMANCE
Walden II
1953 - LIVRO
"Ciência e comportamento humano"
1956 - LIVRO
"Esquemas de reforçamento"
1957 - LIVRO
"Comportamento verbal"
1959 - LIVRO
"Cumulative Record"
1969
1974
1971
1968
1961 - LIVRO
"Análise do Comportamento - Um livro para auto instrução"
1968 - LIVRO
"A tecnologia de ensino"
1969 - LIVRO
"Contingências de reforçamento: uma análise teórica"
1971 - LIVRO
"Além da liberdade e da dignidade"
1974 - LIVRO
"Sobre o Behaviorismo"
- Teoria geral e
especial da
relatividade de
Einstein (1879-1955)


- Física quântica
Constante de Planck em 1900
Descoberta dos fótons em 1926
NA FÍSICA
Influências no trabalho de Skinner
- Teoria da seleção natural de Charles Darwin (1809 - 1882)
NA BIOLOGIA
- Bertrand Russel (1872-1970)
Matemático e filósofo briânico

- Ernst Mach (1838-1916)
Físico e filósofo austríaco

- Percy Bridgman (1882-1961)
Físico experimental americano

E muitos outros...
NA FILOSOFIA
(2) CIÊNCIA
Definição de trabalho:

Provisoriamente, vamos definir ciência como
toda forma de conhecimento que:
(1) declara seu método e
(2) apresenta seus critérios de validade.
Sendo assim...

Temos que descobrir quais são os métodos do Behaviorismo Radical

E quais são os critérios de validade dessa teoria.
Sendo assim...

Temos que descobrir quais são os métodos do Behaviorismo Radical

E quais são os critérios de validade dessa teoria.
ONTOLOGIA

Qual a substância da realidade?

A realidade é a experiência. E a experiência é "isso que aparece",
ou seja,
o fenômeno ou o dado
.

O fenômeno não é material, nem mental, ele é
neutro
.
EPISTEMOLOGIA

Como
conhecer
a realidade?
Por meio da
experiência
.

E o que é a experiência?
Tudo
o que vivenciamos ao longo da vida, inclusive nossos pensamentos, sonhos, desejos.
EMPIRISMO RADICAL
EPISTEMOLOGIA

A experiência é um
fluxo
constante de sensações, sentimentos e pensamentos.

Como conhecê-la?

Devemos buscar
padrões
. Padrões são elementos que se repetem de forma organizada.
Influência de Bertand Russell
Influência de William James

Padrões são
relações
entre eventos.

Precisamos, então, identificar eventos cuja ocorrência esteja relacionada.

evento 1 - evento 2

Essa relação é comumente chamada de
"causalidade"
.

Entretanto, desde a crítica de Hume, o conceito de "causa"
deixou de ter sentido
para a filosofia.

Não há como
garantir
que uma coisa gera - de forma absolutamente certa - outra.

A FÍSICA DEIXOU DE USAR O CONCEITO DE CAUSA.
Como, então, funciona na
física
?

Vejamos alguns
conceitos
clássicos da física:

Velocidade = Espaço dividido por tempo.
Força = massa vezes aceleração.
Massa = densidade vezes volume.

Existem
medidas
e existem
operações.
O conceito que vai compreender o funcionamento das leis da física é o conceito de
função matemática.

Uma função é uma relação entre variáveis.
f(x) = x/y

A velocidade é uma função do tempo e do espaço.
Influência de Ernst Mach
Sendo assim, a ciência busca estabelecer
relações funcionais
entre
variáveis
.

Exemplo:
Dose do remédio 1
e diminuição da temperatura corporal.
Número de pássaros X
e número de cobras Y.
Métodos para estabelecer
relações funcionais
entre variáveis:

- Estudos
descritivos

- Estudos
correlacionais

- Estudos
experimentais
Objetivo da ciência:

Garantir
previsão
e
controle
dos fenômenos.

Com previsão e controle, podemos produzir
tecnologia
.
E com tecnologia, podemos viver
mais
e
melhor
.
(3) COMPORTAMENTO
CIÊNCIA DO COMPORTAMENTO

A Psicologia deve explicar o ser humano por meio de
relações funcionais
entre
eventos
.

Sendo assim, a Psicologia deve ser uma
ciência do comportamento.
MAS O QUE É COMPORTAMENTO?

Comportamento é definido como a
relação
entre um
organismo
e um
ambiente
.

Organismo - domínio da seleção natural.
Ambiente - domínio da física.
Comportamento - domínio da psicologia.

BEHAVIORISMO CLÁSSICO

Experimento com cães de Pavlov delimitou as
relações reflexas
.
Relações reflexas incluem um
estímulo
e uma
resposta
.

É possível gerar
novas relações reflexas
por meio do
condicionamento respondente
.

Ciência
X
Senso comum

"Ele brigou com o irmão porque é muito
emotivo"
.

"Ela se enfeitou toda porque está
apaixonada"
.

O senso comum usa
ficções explanatórias.

Descrição X Explicação

Ao descrever um fenômeno, podemos e devemos
dar nome
aos elementos verificados.

Mas não podemos achar que esses nomes são
explicações
para o fenômeno.
NORMAL
X PATOLÓGICO

Descrição de fenômenos biológicos baseia-se na
curva de Gauss.


Exemplo de
teorias descritivas

-
Anatomia
X Fisiologia

-
Zoologia e botânica
X Ecologia

E, na psicologia:
-
Psicopatologia
X Ciência do
Comportamento
BEHAVIORISMO RADICAL

A resposta é função de suas
consequências
, não de seu antecedente.

NÃO É ESTÍMULO-RESPOSTA!
BEHAVIORISMO RADICAL

A definição de comportamento inclui todas as
atividades humanas
:
- andar, dançar, correr
- falar, discutir, brigar
-
pensar, sonhar, imaginar
-
sentir, sofrer, amar
JOHN WATSON (1878-1958)
Psicólogo americano.

Um dos inventores do Behaviorismo.
Antecedente : Resposta -> CONSEQUÊNCIA
"Ciência é a disposição para aceitar fatos, mesmo quando eles se opõe aos desejos." (Skinner, 1953, p.12)
"Os homens agem sobre o mundo e o modificam e, por sua vez, são modificados pelas consequências de sua ação." (Skinner, 1957, p.1)
"Os métodos da ciência têm tido um sucesso enorme onde quer que tenham sido experimentados. Apliquemo-los, então, aos assuntos humanos." (Skinner, 1994, p.19).
Full transcript