Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

Sebastião Salgado

No description
by

Maisa Alves

on 31 May 2011

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of Sebastião Salgado

Sebastião Salgado Sebastião Ribeiro Salgado, natural de Aimorés, Minas Gerais, onde nasceu em 1944. Um dos repórteres fotográficos contemporâneos mais respeitados no mundo, Sebastião Salgado recebeu praticamente todos os principais prêmios de fotografia existentes, como reconhecimento do seu trabalho. Adepto da fotografia engajada, que faz pensar os problemas da sociedade, expõe a realidade, seus problemas e contradições. 1973 Trabalhou para a Organização Internacional do Café, especialista na fiscalização de plantações africanas, quando trocou a economia pela fotografia aos 29 anos. Ele já publicou pelo menos dez livros e realizou inúmeras exposições, conquistando os prêmios mais importantes neste campo e honrarias recebidas na Europa e na América. 1974-94 Eleito membro da Magnum Photos, uma cooperativa internacional de fotógrafos. 2000 “Êxodos e Crianças”, retratando a vida de retirantes, refugiados e migrantes de 41 países. 2001 Nomeado Representante Especial da Unicef em 3 de Abril. Formado em economia em Vitória/ES, com mestrado pela Universidade de São Paulo e Vanderbilt University (EUA) e doutorado em economia pela Universidade de Paris em 1971. “Você fotografa com tudo que você é. Venho de um país subdesenvolvido onde os problemas sociais são muito intensos. E assim torna-se inevitável que as minhas fotos reflitam isso...creio que exista uma forma latino-americana de se ver o mundo. É algo que não se pode ensinar, porque simplesmente faz parte de você.” 1974-75 1975-79 Trabalhou para a agência francesa de fotojornalismo Sygma. Em 1994 fundou sua própria agência de notícias, a Imagens da Amazônia, que representa todo seu trabalho. Em 1975-79 agência Gamma. 1997 1986 a 1992 Produziu “Terra: Luta dos Sem-Terra”, sobre a luta pela terra no Brasil, com 109 fotos, prefácio de José Saramago e CD com músicas de Chico Buarque. Fez “Trabalhadores”, documentário fotográfico sobre o fim do trabalho manual, com 350 fotos e atingindo 26 países. Integrantes:
Felipe Mendonça
Maisa Alves
Marina Bordon
Paula Camargos
Tereza Coelho Referências
www.girafamania.com.br/montagemfotografo-sebastiao-salgado.html
www.netsaber.com.br/biografiasver_biografia_c_985.html
www.amazonasimages.com/
www.studium.iar.unicamp.br/19salgado/SSALGADO.pdf · Arquivo PDF. The Rolling Stone, 619-620, 12-26 December 1991. Estudo de John Mraz 
www.pamaltadomontijo.blogspot.com/2009/04sebastiao-salgado.html
www.poseculoprodigioso.blogspot.com/2005/12salgado-sebastio-fotografia.html Morando em Paris, Salgado viajou para cobrir acontecimentos como as guerras em Angola e no Saara Espanhol, sequestro dos israelitas em Entebe, os incêndios dos poços de petróleo no Kuwait e o atentado contra o presidente norte-americano Ronald Reagan, único a documentar tal acontecimento. Paralelamente, passou a dedicar-se a projetos de documentários mais elaborados e pessoais. 1986 Foi a pé a povoados remotos, onde capturou imagens das diferentes culturas da população rural e da resistência cultural dos índios e de seus descendentes no México e no Brasil.
Full transcript