Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

Tarefas Matemáticas na Promoção de Capacidades de Raciocínio

No description
by

Daniela Mota

on 8 December 2014

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of Tarefas Matemáticas na Promoção de Capacidades de Raciocínio

Tarefas Matemáticas para Promover o Raciocínio Matemático de alunos do EB
Universidade de Aveiro
Departamento de Educação
Mestrado em Ensino dos 1.º e 2.º CEB

Daniela Mota

Prof. Doutora Celina Tenreiro Vieira (Orientadora)

2 de dezembro de 2014
Contextualização do Estudo
Capacidades matemáticas
Resolução de Problemas
Raciocínio Matemático
Comunicação Matemática
Raciocínio Matemático
Atendendo aos resultados de:
Estudos internacionais (TIMSS e PISA);
Relatório de exames nacionais.
Promover capacidades de RM dos alunos pela implementação de tarefas
Selecionar, reformular, implementar e avaliar o contributo de tarefas orientadas para promover capacidades de RM
Qual o contributo das tarefas orientadas para o RM na promoção de capacidades de RM dos alunos?
Quais as representações dos alunos sobre o contributo das tarefas realizadas orientadas para promover capacidades de RM?
Qual a opinião dos alunos sobre as tarefas orientadas para promover capacidades de RM?
Revisão de Literatura
Educação em Matemática
Raciocínio Matemático
"Os nossos alunos merecem e necessitam da melhor Educação Matemática possível."
Profissionais
Herança cultural
Comunidade científica e tecnológica
Prático
Equidade
Ensino
Aprendizagem
Tecnologia
Avaliação
Currículo
Educação Matemática de Qualidade
Capacidades de Raciocínio Matemático
A. Formular conjeturas
B. Testar conjeturas
C. Explicar procedimentos
D. Justificar
E. Argumentar
"Ser capaz de raciocinar é essencial para a compreensão da matemática"
Metodologia de Investigação
Opções Metodológicas
27 alunos:
15 sexo feminino

12 sexo masculino

(2 alunos NEE)

Caracterização do Contexto Educativo
Descrição do Estudo
Técnicas e Instrumentos de Análise de Dados
Tratamento de Dados
InvestigaçãoAção
Colégio em Aveiro
2.º Ciclo do Ensino Básico
6.º ano de escolaridade
Seleção e Reformulação das tarefas
Planificação
Implementação das tarefas
Adequadas ao 6.º ano de escolaridade
Apropriadas às características da turma
Pertencentes ao domínio OTD
Potencialmente promotoras de RM
Reformuladas para potenciar
Observação
Diário do Investigador
Inquérito
Questionário
Análise Documental
Instrumento de análise das produções dos alunos
Análise de Conteúdo
Produções dos alunos
Questionário

(análise estatística)
Resultados e Síntese Conclusiva
Referências Bibliográficas
Contributo das tarefas orientadas para o RM na promoção de capacidades de RM
Representações dos alunos sobre o contributo das tarefas realizadas orientadas para promover capacidades de RM
Opinião dos alunos sobre as tarefas orientadas para promover capacidades de RM
Promoção de RM
Prática frequente
Tarefas desafiantes
Partilha e confronto de ideias
Perceção de que as tarefas contribuíram para promover capacidades de RM.
Gostariam de continuar a desenvolver tarefas orientadas para promover capacidades de RM.
Destacaram a relação positiva com a professora estagiária investigadora.
Abrantes, P., Serrazina, L. & Oliveira, I. (1999). A Matemática na Educação Básica. Lisboa: Ministério da Educação Básica, Departamento de Educação Básica.

Bogdan, R. & Biklen, S. (1994). Investigação Qualitativa em Educação: uma introdução à teoria e aos métodos. Porto: Porto Editora.

Colégio (2013/2014). Plano de turma 6.º ano. Aveiro: Colégio.

Coutinho, C. P., Sousa, A., Dias, A., Bessa, F., Ferreira, M. J. & Vieira, S. (2009). Investigação-Acção: Metodologia Preferencial nas Práticas Educativas. Psicologia Educação e Cultura, 13 (2), 355 – 376.

Coutinho, C. P. (2011). Metodologia de Investigação em Ciências Sociais e Humanas: Teoria e Prática. Coimbra: Edições Almedina, S.A.

Ministério da Educação e Ciência (MEC) (2012). Metas Curriculares do Ensino Básico-Matemática. Lisboa: Direção Geral da Educação, Ministério da Educação e Ciência.

Ministério da Educação e Ciência (MEC) (2013). Programa de Matemática do Ensino Básico. Lisboa: Direção Geral da Educação, Ministério da Educação e Ciência.

National Council of Teachers of Mathematics (NCTM) (2008). Princípios e Normas para a Matemática Escolar (2.ª edição). Lisboa: APM. (obra original publicada em 2000).

OCDE (2014). PISA 2012: Results In Focus. What 15-years-olds know and what they can do with what they know. Paris: OCDE Publishing.

Quivy, R. & Campenhoudt, L. (1998). Manual de Investigação em Ciências Sociais (2.ª edição). Lisboa: Gradiva.

Tenbrink, T. D. (1984). Evaluacion: Guia Practica para Profesores (2.ª edição). Madrid: Narcea, S. A. De Ediciones.
Mais capazes de...
Testar conjeturas (B)
Justificar (D)

Igualmente capazes de...
Argumentar (E)
Mais confiantes quando têm de...
Explicar procedimentos (C)
Justificar (D)
Interessantes
Divertidas
Desafiantes
+
Interesse
Gosto
Desafio
-
Interesse
Gosto
Desafio
Tarefa 8
Tarefa 4
+
Fácil
+
Difícil
Tarefa 1
Tarefa 7
As tarefas implementadas, orientadas para o RM, contribuíram para a promoção de capacidades de RM dos alunos.
A sistematicidade da realização das tarefas, orientadas para o RM, ajudou os alunos a mobilizarem capacidades de RM.
A. Formular conjeturas
C. Explicar procedimentos
B. Testar conjeturas
E. Argumentar
D. Justificar
Planificação
Ação
Observação
Reflexão
NCTM, 2008, p. 4
(NCTM, 2008, p. 61)
Full transcript