Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

A contribuição da mídia na construção

No description
by

Marcos Gonçalves

on 22 March 2017

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of A contribuição da mídia na construção

“O erro nunca se apresenta em toda sua nua crueza, a fim de não ser descoberto. Antes, veste-se elegantemente, para que os incautos creiam que é mais verdadeiro do que a própria verdade.”

Irineu de Lyon (130-202 d.c.)
Antonio Gramsci (1891-1937)

Italiano, filósofo marxista, jornalista, crítico literário e militante político.

Foi preso durante o regime de Mussolini, escreveu cerca de trinta cadernos de análise (cadernos do cárcere), sobre teoria política, sociologia, antropologia e linguística.

Uma de sua obras é a teoria da hegemonia cultural. Esta teoria se volta para a explicação de como o estado usa a cultura para conservar o seu poder.
Algumas ideias revolucionárias baseadas no pensamento gramsciano atuantes na sociedade:

Ocupação de espaços

Fazer a apropriação e uso de todos os meios possíveis de divulgação.

Onde? Instituições de cultura, educação, jornalismo, entidades de classe, associações/agremiações.

Como? Expelindo os adversários e colocando no lugar os colaboradores e militantes políticos (ativistas).

Utilizam-se dos meios ocupados e falam em nome da liberdade de expressão, da igualdade e da democracia.
Programas de televisão
Amor & Sexo

A apresentadora Fernanda Lima, ao comentar o lançamento da temporada de Amor e Sexo, programa da TV aberta  que trata com naturalidade e respeito as questões LGBT, ressalta a importância da comunicação democrática:

"Defendemos uma causa nobre, que é a busca pela igualdade, pelo respeito às diferenças e às minorias".
Eventos esportivos
Revista Isto É
Pódio para a diversidade - Os Jogos do Rio 2016 se transformaram em uma bem-vinda manifestação de amor. Nunca uma edição teve a participação de tantos atletas assumidamente gays. A organização dos Jogos aderiu à campanha. Na cerimônia de abertura, a modelo transexual Lea T liderou o desfile da delegação brasileira. O COI publicou reportagens no site oficial exaltando o caráter tolerante do evento e abriu espaço para um pedido de casamento em plena premiação do rúgbi feminino.
Cobertura massiva de
todos os grandes jornais,
telejornais e revistas da
parada do orgulho LGBT
(Parada gay) realizada em
São Paulo desde o ano de 1997 e em outras cidades.
A contribuição da mídia na construção
da identidade de gênero

IPF-Igreja Presbiteriana Flamengo
Algumas ideias revolucionárias baseadas no pensamento gramsciano atuantes na sociedade:

Conquista social e a lei

Não reconhecem e/ou desrespeitam a propriedade privada;

Fazem a apropriação dos espaços antes individual ou das classes dominantes para criação de espaços comuns compartilhados ("devolução" aos seus legítimos donos, "a classe oprimida");

Se as minorias são discriminadas, portanto deve-se legislar em favor destas minorias. A interpretação da lei geral pode ser relativizada, desde que venha a gerar conquistas e direito as minorias.
Algumas ideias revolucionárias baseadas no pensamento gramsciano atuantes na sociedade:

Engenharia do pensamento


Apropriados os espaços, criam uma linguagem e pensamento comum (a construção do simulacro, lembrando Joseph Goebbels "Uma mentira repetida mil vezes torna-se um verdade").

Depois do "pensamento comum" disseminado, afirmam que estas ideias expressam e representam o consenso universal da sociedade.

Há um falso debate de ideias e uma falsa democracia. A verdade é substituída sutilmente pelo simulacro como pensamento geral.
Algumas ideias revolucionárias baseadas no pensamento gramsciano atuantes na igreja:

Movimento dos desigrejados


Aqueles que se achando “livres” utilizando da discórdia e rancor, pregam um luta contra a igreja na sua forma tradicional e institucional. Alegam que as igrejas e seus líderes somente se mantém no poder pela imposição de uma cultura religiosa (de tradição corrompida), que aliena o povo e mantém uma divisão de classes no seio eclesiástico. Pensamento baseado luta de classes:

Burguesia (líderes religiosos)
X
Proletariado (povo explorado).
Algumas ideias revolucionárias baseadas no pensamento gramsciano atuantes na igreja:

Movimento de igualdade


Há luta de classes entre homens e mulheres. A igreja é lugar de autoritarismo e falta de democracia, principalmente que se refere as funções eclesiásticas (sacerdócio feminino, submissão feminina).

A igreja que não aceita a igualdade entre homem e mulher, que não discute gênero nega os direitos humanos.

A igreja inclusiva. Se Deus é amor, toda forma de amor é válida. Todos tem direito a felicidade.
A contribuição da mídia na construção 
da identidade de gênero

Conquistados os espaços, despertado a luta de classes e interesses, é necessário também substituir gradualmente os pensamentos arcaicos e tradicionais da sociedade ocidental baseada no tripé dos princípios:

judaico-cristão (moral e religião)
grego (pensamento)
romano (direito).

Uma das maneiras: O domínio da mídia.
Utilização de todo e qualquer meio através do qual há difusão de informações: televisão, jornais, revistas, fotografia, internet (sites, blogs e redes sociais).
Fonte: http://g1.globo.com/sao-paulo/noticia/2016/05/com-17-trios-eletricos-parada-gay-reune-multidao-em-sao-paulo.html
Teledramatugia

Exploração de enredos de fácil aceitação pelo público, como histórias de amor e conflitos familiares e sociais.

Em aproximadamente 40 anos a Rede Globo produziu inúmeras novelas com personagens LGBT. Inicialmente sugestivo, sem criar aversão. Hoje totalmente direto criam empatia entre o público.

Segundo a emissora estas tramas levaram a sociedade a discussões sobre direitos, preconceito, gênero e conflitos familiares.
Fonte: Livro Bicha (Nem Tão) Má: LGBTs em Telenovelas (editora Multifoco, Fernanda Nascimento)
http://zh.clicrbs.com.br/rs/entretenimento/noticia/2015/11/em-43-anos-globo-produziu-62-novelas-com-personagens-lgbts-aponta-pesquisa-4896360.html
Comercias de televisão
Comercial dia dos namorados Boticário - Fonte:(https://youtu.be/p4b8BMnolDI)
Comercias de televisão
Comercial: Garoto da piscina (Pool boy) - Fonte:(https://youtu.be/wWBQP-bxfX0) 
Comercias de televisão
Propaganda horário eleitoral PSOL - Fonte:(https://youtu.be/FoWMzaJYu4E)
Algumas ideias revolucionárias baseadas no pensamento gramsciano atuantes na igreja:

Teologia da libertação
Parte da premissa de que o Evangelho exige a opção preferencial pelos pobres e de que a teologia deve usar também as ciências humanas (sociologia, filosofia, antropologia, psicologia, letras).

O Evangelho é um dos meios para libertação das injustas condições econômicas e do sofrimento dos pobres, daqueles a quem a sociedade marginaliza e oprime (política social).

Parte dos adeptos a teologia da libertação são favoráveis ao diálogo inter-religioso para atigir seus objetivos. Deus de todos. (ecumenismo).
Programas de televisão
Encontro (Fátima Bernardes)

O programa Encontro, apresentado pela rede Globo pelas manhãs, abordou mais uma vez a questão das crianças transgênero.
Fátima Bernardes anunciou logo no início que iria falar sobre “crianças que não se identificam com o sexo com que nasceram”.
O psiquiatra que participou do programa fez questão de frisar que “Não tem nada de errado com as crianças que desde cedo acreditam ter nascido no corpo errado”.
Citou ainda que atende meninos e meninas com “3 ou 4 anos de idade”.
Programas de televisão
Estação plural

É um programa de entrevistas e debates que conta com três apresentadores, todos ligados ao universo LGBT (uma lésbica, um transexual e um gay).
Toda semana, eles recebem um convidado para tratar de pautas de comportamento. 
O objetivo das conversas é construir um debate rico e plural, a partir de óticas singulares. Ao fim de cada episódio, o programa apresenta algum tema ligado ao universo LGBT, mas de interesse ou curiosidade do público, em geral.
Programas de televisão
Casos de família

O programa é baseado nos conflitos interpessoais que acontecem entre membros da mesma família, vizinhos e até no ambiente de trabalho. Os problemas do cotidiano de qualquer família são abordados, independente da classe social.
Casos de Família registra excelentes índices no ranking geral das audiências, na média das 15h46 às 16h46, o programa comandado por Christina Rocha marcou 6.4 pontos de média, 7.5 pontos de pico e garantiu a vice-liderança do horário.
Fonte: http://istoe.com.br/podio-para-diversidade/
Veja
Constituir uma família - seja por adoção ou inseminação artificial - ainda é um desafio para casais gays em diversos países, que impõem inúmeras restrições. Um casal da África do Sul, no entanto, conseguiu ter trigêmeos com material genético de ambos, em um caso raro que é o primeiro da história.

Christo e Theo Menelou sonhavam em ter uma família, mas tinham muita dificuldade. Então, conheceram uma vizinha que se dispôs a ser barriga de aluguel para eles. Para fazer a inseminação, foi usado material biológico dos dois, para que as chances de gravidez fossem maiores.
IstoÉ
Um caso inusitado entre mãe e filho ocorrido em Detroit, nos Estados Unidos, chamou atenção do mundo. Isso porque os dois decidiram mudar de gênero juntos e se tornaram pai e filha.

Foi Corey, 15 anos, quem deu força a sua mãe e a fez ter consciência de sua própria sexualidade. A jovem declarou que se via como mulher desde 2013, mas foi só no ano passado que percebeu que a mãe também tinha problemas de identidade de gênero. Então, eles realizaram apenas tratamentos hormonais para a mudança.
Estadão
A cerimônia ecumênica teve oficiantes de vários credos religiosos: uma ministra Católica, um Pr. Anglicano, uma espírita kardecista e um pai de santo.

“Eu me propus a ter uma vida aberta para que as pessoas pudessem ver que os homossexuais não são diferentes dos heteros”.

“Fizemos questão desse momento para dizer a todos que nos amamos. Corrupção é feio, lavagem de dinheiro é feio, mas o amor é muito bonito.”
Folha São Paulo
Qual é a diferença entre a união de um casal gay e um casamento heterossexual? Na Igreja Anglicana de Santo Amaro, zona sul, é a mudança de uma frase e de um verbo.

"Em nome de Deus eu te recebo", proferida nos 300 casamentos realizados pelo reverendo Aldo Quintão, à partir do ano de 2015, virou "Em nome do amor que eu sinto por você eu te recebo" nas 5 celebrações entre homossexuais feitas no ano passado.
Portal Golpel Prime
“A teologia tem se modificado. As pessoas têm aberto mais o pensamento e visto que aquilo é um conceito histórico.”

"Não há base bíblica para condenar as relações entre pessoas do mesmo sexo. Os textos sagrados são registros históricos que não foram feitos para esse tempo, pelo menos a parte que trata sobre homossexualismo."
Estado de Minas
"Descobrimos que Deus te aceita assim, que você pode ser evangélico e ser gay."

"Então, nos apaixonamos pela igreja e um pelo outro."

"A união é ainda mais especial, pois representa uma quebra de preconceitos e uma prova de que o amor sempre vence."
Portal G1
“A Bíblia não condena o amor entre pessoas do mesmo sexo. Ela condena a promiscuidade, a falta de respeito e a traição. Jesus é amor. Onde tem amor tem a presença de Jesus.”

"Queremos ser referência de amor e fidelidade. Este casamento foi o resgate de sonhos, de planos. O amor sempre vence. É a declaração da vitória”.

“O que existe é um grande desejo de formar uma família”.
Portal UOL
"Foi tudo muito difícil e doloroso. Deixar para trás o meu casamento, o meu ministério, encarar a vida como uma lésbica evangélica! Eu sei que para muita gente isso pode parecer absurdo, mas para Deus não é!”

“Me dediquei aos estudos, fui conhecer a Bíblia mais a fundo e descobri que Deus também ama e abençoa o amor entre pessoas do mesmo sexo."

"Somos pastoras, continuo servindo a Deus com a minha voz e levamos o amor de Jesus a todos, sem distinção."
Portal UOL
"Sou cristão e gay. Jesus e a Bíblia são meus modelos de comportamento. Acredito no casamento e meu sonho de construir uma família se tornou realidade."

"Deus não queria uma torre onde todas as pessoas falassem a mesma língua, Ele sabia que haveria a pluralidade e ela existe, está em todo lugar. Minha mensagem segue a mesma: amar, como Jesus fez. Ele não se preocupava em caracterizar uma pessoa pelo pecado, cor, classe ou religião. A gente só precisa amar!"

"Estou certo de que a Bíblia não condena os gays."
Sabe por que muitos não querem conhecer a verdade?

"Você precisa entender, a maioria destas pessoas não está preparada para despertar. E muitas delas estão tão inertes, tão desesperadamente dependentes do sistema, que irão lutar para protegê-lo."
Morpheus – Matrix (1999)
Portal Gospel Prime
“Nesta próxima quarta-feira de cinzas, ao verem o glitter, os cristãos homoafetivos não se sentirão  desrespeitados. Eles reivindicam seu direito como filhos de um Deus que os ama, exatamente como eles são.”

“Quando essas cinzas brilham, emitem o reflexo da luz e da vida do próprio Cristo, oferecido como um presente para todas as pessoas.”
Classe artística
Artistas e apresentadores de que assumiram sua homossexualidade: Clodovil Hernandes, Ney Matogrosso, Marco Nanini, Luiz Fernando Guimarães, Leão Lobo, Mamma Bruschetta, David Brazil, Paulo Gustavo, Thammy Gretchen, recentemente a apresentadora do Globo Esporte Fernanda Gentil.
Classe artística
Na década 80/90 cantores que assumiram sua homossexualidade: Renato Russo, Cazuza, Cássia Eller, Sandra de Sá, recentemente as irmãs Pepê e Neném, Adiana Calcanhoto, Maria Gadú, Ana Carolina. Um bom exemplo de militante é a cantora baiana Daniela Mercury que virou ícone ao assumir seu relacionamento com a jornalista Malu Verçosa. As duas oficializaram a união em 2013.
Full transcript