Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

ALPARGATAS

No description
by

daiane reitz de albarnaes

on 24 October 2013

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of ALPARGATAS

História...
Tudo começou em 03 de abril de 1907, quando o escocês Robert Fraser veio da Argentina e associousse a um grupo de ingleses.
Missão...

Conquistar os consumidores por meio de marcas e produtos diferenciados e de alto valor percebido, criando valor para acionistas, empregados, fornecedores e clientes, e atuar com responsabilidade social e ambiental.
Propagandas da Havaianas...
Estrutura organizacional
(Governança)
Pertence ao grupo de empresas Nível 1 de Governança Corporativa da BM&FBOVESPA, comprometendo-se com padrões ainda mais elevados de gestão e comunicação com o mercado.
Conselho de Administração:

Presidente
Márcio Garcia de Souza

Conselheiros
Cláudio Borin Guedes Palaia
Fernando A.C. de Arruda Botelho
Gilberto Mestriner Stocche
João José Oliveira de Araújo
Silvio Tini de Araújo

Conselho Fiscal
Adalgiso Fragoso de Faria
Carlos José Cantú
Jorge Michel Lepeltier
José Ferraz Ferreira Filho
Marcelo de Andrade

ll
Alunas:
Ana Caroline Gonçalves
Daiane R. de Albarnaes
Eloiza Zilda de Assunção
Priscila C. Rodrigues
Em 1910:
O sucesso imediato com o uso delas nas lavouras de café;
Dificuldades com a falta de materia-prima e a gripe espanhola.
1920:
No fim desta década, a crise econômica provocada pela superprodução de café e pela quebra da Bolsa de Valores de Nova York faz cessar a produção das Alpargatas Roda, um dos calçados mais acessíveis e populares do País.
1930:
Aconteceu momentos de instabilidade e violencia sobre todo o país;
a alpargatas em uma manobra arriscada retomam sua produção, e voltam a fabricar as alpargatas rodas, mas desta vez apostam nas de couro, com uma sofisticação muito maior.
Nessa mesma época, a empresa mudou-se para a argentina, mas logo após no ano de 1948 aconteceu um gradativo processo de nacionalização do capital, que trouxe novamente para São Paulo em 1982 a empresa que deixou de ter participação argentina e passou para o total controle do Grupo Camargo Corrêa, que se tornara seu maior acionista.

Em 2008 adquiriu mais de 60% das ações da Alpargatas Argentina, sua antiga controladora, passando a ser a maior calçadista da América do Sul.
A governança da Alpargatas é exercida pelo Conselho de Administração e pela Diretoria, que contam com o apoio do Conselho Fiscal, órgão de caráter permanente, de acordo com o Estatuto Social.
A condução dos negócios da Alpargatas é de responsabilidade da Diretoria, composta por um diretor-presidente e por nove diretores.
A Alpargatas é uma das maiores organizações privadas brasileira, presente no mundo todo, o Grupo Camargo Corrêa é acionista estratégico da Alpargatas, detendo 44,2% do capital total.
Onde ela está hoje...
A Alpargatas está sediada em São Paulo e possui 13 unidades de produção no Brasil, sendo cinco fábricas e oito satélites.

As operações internacionais próprias estão sediadas em: Buenos Aires, Nova York, Madri, Paris, Londres e Bolonha.

Na Argentina, a produção é realizada em oito fábricas distribuídas no país.
Visão...

Ser uma empresa global de marcas desejadas nos segmentos de calçados, vestuários e acessórios.
Valores...

Comprometimento;
Respeito às pessoas; Empreendedorismo;
Satisfação dos consumidores;
Ética.


Obrigada...
Full transcript