Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Análise da obra "Os cus de Judas

No description
by

Dieila dos Santos

on 23 September 2013

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of Análise da obra "Os cus de Judas

Análise da obra "Os cus de Judas"
Antunes nos mostra a realidade do país onde passou meses lutando, as dificuldades que os angolanos enfrentaram para sobreviver a uma guerra que muitos deles nem entendem o porquê de existir.
Aspectos históricos
• Guerra de Angola

• A independência de Angola teve início em 1975

• Antônio Lobo Antunes, recrutado pelas Forças Armadas Portuguesas, combateu os movimentos nacionalistas angolanos durante os dois anos do serviço militar obrigatório (1971-1973)

Aspectos sociais
• Engajamento social

• Desconhecido na sua própria casa e país

• Critica o sistema de seu país

• Conflito instaurado entre o jovem que era, o que os outros desejariam que ele fosse

Conclusão
Podemos concluir que autor aproveita o livro para denunciar as atrocidades enfrentadas pelos soldados e pelo povo angolano durante aquela terrível batalha, a independência de Angola.
Ana, Dieila, Laura e Lilian
Introdução
O autor e a obra
António Lobo Antunes nasceu em 1942, em Lisboa. Formado em Medicina, com especialização em Psiquiatria, serviu como tenente e médico do Exército português em Angola, nos últimos anos de guerra naquele país, entre 1970 e 1973.
Lançada originalmente em 1979, é hoje considerada uma das mais importantes da literatura portuguesa contemporânea. O livro, que recebeu o prêmio Franco-Português conferido pela Embaixada da França em Lisboa, já foi traduzido em 15 países, entre os quais Inglaterra, França, Itália, Alemanha e Suécia.
Opressor X Oprimido
Segundo Pepetela (1989)

Metamorfose
Opressor = Vítima
Vítima = Vazio

Memória gasta pelo sofrimento do trauma, uma memória que vive em conflito constante...
Referências
ANTUNES, António Lobo/ Os cus de Judas- 2.ed.- Rio de Janeiro: Objetiva,2007. 196p. Romance Português

ANTUNES, António Lobo/ Os cus de Judas- Rio de Janeiro: Objetiva, 2004. Romance Português

SANTOS, Artur Pestana (Pepetela). MAYOMBE: ESPAÇO E POLIFONIA NA CONSTRUÇÃO DA NAÇÃO - Ano da Edição / Impressão / 1980. Editora: Dom Quixote.

www.Wordspress.com
Full transcript