Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

Física Moderna

No description
by

Renan Almeida

on 14 October 2014

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of Física Moderna

Teoria da Relatividade
Física Quântica
Teoria das Cordas
Física Moderna
O que é a Mecânica Quântica?
Interpretações da Mecânica Quântica
Uma breve introdução ao problema da medida na Mecânica Quântica e Movimento Browniano
Objetos clássicos e quânticos: conceitos de onda e partícula e dualidade onda-partícula
Teoria Unificada.
O que é a teoria das cordas?
A Mecânica Quântica é a parte da Física (mais particularmente, da Física moderna) que estuda o movimento das partículas muito pequenas.
Heisenberg
O princípio da incerteza de Heisenberg consiste num enunciado da mecânica quântica, formulado inicialmente em 1927 por Werner Heisenberg, impondo restrições à precisão com que se podem efetuar medidas simultâneas de uma classe de pares de observáveis em nível subatômico.
Teoria do todo é uma teoria científica hipotética que unificaria em uma só estrutura teórica todos os fenômenos físicos. É como se fosse uma versão extendida do que Maxwell fez com o magnetismo, a eletricidade e a óptica ao formular o eletromagnetismo.
Teoria M
É uma teoria que unifica as 5 diferentes teorias das cordas, a supersimetria e a supergravidade. Essa teoria diz que tudo, matéria e campo, é formada por membranas, e que o universo flui através de 11 dimensões.
Por ser uma partícula muito pequena, é impossível descobrir ao mesmo tempo qual a posição exata e a velocidade de uma partícula. A mecânica quântica é a que descreve o movimento de sistemas nos quais os efeitos quânticos são revelantes.

A mecânica quântica utiliza dois conceitos de extrema importância: onda e partícula. Porém, ao contrário da noção comum que temos sobre tais conceitos, a física quântica trata deles com definições subjetivas. Temos de acordo com a física clássica partícula como um corpo com massa de forma esférica enquanto ondas são perturbações causadas a um meio, e na ausência desde, pela propagação de prótons. Está nessa última afirmação a primeira problemática.
É necessário o uso das definições quânticas do assunto para sua solução, a dualidade onda-partícula. Esta relação demonstra que, em determinadas situações, ondas comportam-se como partículas e partículas como ondas.
Na física, espaço-tempo é o sistema de coordenadas utilizado como base para o estudo da relatividade especial e relatividade geral. O tempo e o espaço tridimensional são concebidos, em conjunto, como uma única variedade de quatro dimensões a que se dá o nome de espaço-tempo.
Da mesma forma que em geometria em 3 dimensões os valores para as coordenadas x,y,z e t dependem do sistema de coordenadas escolhido e isto inclui escolhera direção do eixo de tempo.
Teoria das supercordas:
A teoria das supercordas, ou teoria das cordas supersimétricas, é uma versão da teoria das cordas, que incorpora férmions e supersimetria.

A teoria da relatividade é composta de duas outras teorias: Teoria da Relatividade Restrita, que estuda os fenômenos em relação a referenciais inerciais, e a Teoria da Relatividade Geral, que aborda fenômenos do ponto de vista não inercial. Apesar de formar uma só teoria, elas foram propostas em tempos diferentes, no entanto ambas trouxeram o conhecimento de que os movimentos do Universo não são absolutos, mas sim relativos.


A teoria das cordas tenta explicar todos os micros e macro eventos , como rotação de planeta e movimentação de cargas em volta do núcleo de atomo, através de vibrações das cordas ( que seriam menores que os próprios quarks. Essas vibrações seriam a interação
da matéria e energia.
A problemática seriq que essas cordas precisam de mais dimensões do que os humanos conseguem ver, sentir (tempo, altura, largura e profundidade), elas precisam de 10 dimensões.
Full transcript