Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

Alma-Grande

No description
by

Renata Sampaio

on 3 June 2014

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of Alma-Grande

Alma-Grande
Miguel Torga
--Miguel Torga, pseudónimo de Adolfo Correia da Rocha, nasceu em São Martinho de Anta, 12 de Agosto de 1907 — faleceu em Coimbra, 17 de Janeiro de 1995).
--Foi um dos mais influentes poetas e escritores portugueses do século XX. Destacou-se como poeta, contista e memorialista, mas escreveu também romances, peças de teatro e ensaios.
Resumo
Este Conto, fala-nos de um "abafador" de nome, Alma-Grande.
Quando alguém da aldeia adoecia, sem esperanças de viver, estava-lhe encarregue a tarefa de "abafar" essa pessoa para acabar a sua dor.
Este era chamado:
-Tio Alma-Grande! Ó Tio Alma-Grande!
Dirigia-se à casa, entrava, atravessava impávido e silencioso a multidão, metia-se dentro do quarto , fechava a porta, e pouco depois saía com uma paz no rosto pelo menos igual à que tinham deixado o morto.

Caracterização
das
Análise do Conto
O Alma-Grande
de
Miguel Torga
Descrição da Capa
Editora:Leya
Coleção:Bis
Género Literário:Contos
Nº de Contos:22
Esta obra retrata a vida árdua no mundo rural português, tendo como plano de fundo as aldeias transmontanas.

Nos Novos Contos da Montanha, Miguel Torga deu-nos a conhecer o Alma Grande, uma personagem fantástica criada a partir da lenda do Abafador. Segundo se consta, no tempo dos Cristãos Novos, existia uma figura - o Abafador - cuja função consistia em acabar com o sofrimento alheio. Quando alguém se encontrava às portas da morte, o Abafador era chamado para cumprir o seu desígnio e pôr fim à sua agonia. O prestígio, e a função social, do Abafador eram enormes e quem tinha a seu cargo essa importante missão era alguém muito respeitado na comunidade.
Até que um certo dia, ele foi chamado pelo Abel(que não sabia o que ia acontecer, pois sua mãe o pedira para o chamar) para "abafar" um homem de nome Isaac, que tinha adoecido já 15 dias .
Pelo caminho Abel perguntou ao abafador o que ele ia fazer.
Alma só lhe disse que o ia visitar.
Alma-Grande entrou para o quarto, de mãos abertas, joelho dobrado ia a cair sobre Isaac , quando uma voz diferente fê-lo parar.
-Não...Ainda não...Ainda não...
Ficaram durante algum tempo com os olhos cravados um no outro. Até que Abel entrara no quarto
Alma-Grande sairá, pois este não era capaz de matar com uma testemunha.
Esse dia viria a mudar a vida, dos três , Isaac, Alma-Grande e Abel.




Vinte dias depois, Isaac já estava curado, como se nada tivesse acontecido, e nele havia um desejo de vingança para com o Alma-Grande. O Alma, cada vez mais culpado, olhava e via medo. Abel, via apenas a angústia de não entender o que se passava .

Num certo dia, vinha o Alma-Grande de ver a filha e os netos, quando Isaac, que seguia-o lhe saltou à entrada.
Testemunhas, só Deus e Abel(que sem o pai desconfiar, acompanhava, e olhava a cena atrás de um fogão.)
-Não matarás
-Não...Não...
Isaac era o mais novo e o mais forte.
Quando Alma foi dar conta dele, já estrebuchava no chão, de costas, com o pescoço apertado nas mãos e com a tábua do coração sob o peso infinito de um joelho .
-Não ...Não...
Alma acaba por morrer
Estavam os três em paz. Isaac tinha a sua vingança, o Alma-Grande já não sentia medo, e a criança compreendera ,afinal
Personagens
Alma-Grande
Caractezização Física:

Corajoso/Calmo "-e pouco depois saia com uma paz no rosto pelo menos igual à que tinha deixado ao morto."
Ocultador:"-E que é que o Tio Alma-Grande lhe vai fazer?
- Vê-lo... "
Obediente: "-Tio Alma-Grande! ó Tio Alma-Grande!
-Lá vai..."



Direta:
Indireta:
Alto, de nariz adunco.
Caracterização Psicológica:
Abel
Caracterização psicológica:

Indireta:

Obediente:"Quando a hora do Isaac chegou, foi um filho, ... como a mãe o mandara chamar o Tio Alma-Grande..."
Curioso:"- E que é que o Tio Alma-Grande lhe vai fazer?
- Vê-lo..."
Duvidoso:"- O que é que ele lhe vai fazer? - perguntou de novo o Abel"
Direto:
nervoso, inquieto, confuso
Direto:
Mal encarado
Caracterização Física:
Direto:

Criança
Isaac

Caracterização Psicológica:

Caracterização Física:
Direta:
Forte

Indireta:
Vingativo:"O Isaac, cada vez mais dorido, olhava, olhava, e via a vingança"

Direta:
Confiante
Personagens:
Principal:
Isaac
Abel
Alma-Grande
Figurante:
Missa e Sabath.
Cunhada
Daniel(irmão do Isaac)
Padre
Dr.Samuel
D.Rosa
Lia(mãe de Abel)

Narrador
Presença
Heterodiegético
Ciência
Omnisciente
Modos de Representação
Narração:
Dialógo:
Descrição:

- Tio Alma-Grande! ó Tio Alma-Grande!

Alto, mal encarado, de nariz adunco, vivia no Destelhado,...
O Isaac tinha a sua vingança, o Alma-Grande já não sentia medo, e a criança compreendera, afinal.
Full transcript