Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

Slides TCC 3

No description
by

Carla Dagostin

on 22 November 2012

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of Slides TCC 3

22/11/2012 Pesquisa de campo Considerações finais Análise dos dados da loja Papelândia de Xanxerê-SC Foi possível analisar o que levou os clientes da loja Papelândia da cidade de Xanxerê-SC a ação de compra, quais os meios de comunicação mais utilizados por eles e entre outros fatores.

Foi possível traçar de maneira precisa quem é o público-alvo dos produtos da loja Papelândia, para desta forma, traçar estratégias de marketing eficazes e resultantes para o aumento das vendas e lucratividade.

Sugere-se, para estudos futuros, analisar se a empresa começou a utilizar ações de marketing para fortalecimento do nome da loja e aumento das vendas. E se os meios de comunicação utilizados para esse fim estarão possuindo eficácia. Agradecida! RELAÇÃO ENTRE A PROPAGANDA E A ESCOLHA DO CONSUMIDOR:
Um estudo de caso com os clientes da loja Papelândia
na cidade de Xanxerê Joaçaba Acadêmica: Carla Dagostin
Orientadora: Prof. Ms. Marilda Saccol Curso de Comunicação Social -
Habilitação em Publicidade e Propaganda Introdução Objetivo Justificativa Problema UNIVERSIDADE DO OESTE DE SANTA CATARINA Retratar o valor da loja Papelândia e o que ela representa para os públicos que atinge.
Analisar os clientes para melhoria do marketing da empresa.
Satisfazer as necessidades e desejos dos consumidores.
Tornar a empresa cada vez mais competitiva e lucrativa. Objetivo Geral Objetivo Específico Compreender a relação que a propaganda exerce nos consumidores para a procura dos produtos da loja Papelândia na cidade de Xanxerê. Compreender o conceito de consumo e consumidor.
Analisar a existência da relação entre publicidade e o consumo.
Compreender qual o valor da marca Papelândia e o que ela representa para os públicos que ela atinge. O tema de pesquisa justifica-se pois as práticas publicitárias são de grande valia para influenciar o comportamento do consumidor e de seu consumo, que buscam exclusivamente satisfazer suas necessidades e desejos.
Esse estudo contribui para esclarecer sobre os trabalhos produzidos por profissionais da área de Publicidade e Propaganda. Identificar o que leva os clientes da loja Papelândia a ação de compra e quais os meios de comunicação mais utilizados por eles para melhorar as estratégias de marketing da empresa. Metodologia Estudo de caso com os clientes da loja Papelândia, cunho exploratório.
Elaboração de questionário com perguntas quantitativas.
Aplicação do questionário com 60 clientes da loja Papelândia.
Analise dos dados. Fundamentação teórica Conceito do comportamento do consumidor: Christiane Gade (1998); Ernesto M. Giglio (2002); Blackwell, Miniard e Engel (2005).
Conceito do comportamento de consumo: Christiane Gade (1998); Ernesto M. Giglio (2002) (modelo de Engel).
Estímulos da publicidade: Malena Segura Contrera et al. (2003) e Christiane Gade (1998).
Linguagem publicitária: João Anzanello Carrascoza (1999). A maioria dos entrevistados são do sexo feminino, conforme esperado, visto que são elas que representam a maior força de compra na Papelândia. Pesquisa de campo Mais de 76% dos questionados limitam a sua educação ao segundo grau.
As estratégias e campanhas devem ser exemplificadas de forma que esses públicos tenham maior facilidade para compreender. Pesquisa de campo Predominância de um público mais maduro, sendo 63.3% dos entrevistados na faixa etária de 31 a 49 anos. Pesquisa de campo Carneiro et al. (2004) afirmam que as decisões de preço devem ser coerentes com as demais decisões de marketing e com as orientações estratégicas da empresa, contribuindo para o reforço do planejamento almejado. Pesquisa de campo Fator mais relevante: Preço 44.7%
Segundo Gade (1998) as atividades físicas, mentais e emocionais influenciam os clientes quando obtêm e consomem os produtos para satisfazes seus desejos e necessidades. Pesquisa de campo Fator mais relevante: Vitrine 62.9%
Traz consumidores para dentro da loja, representando a porta de entrada para o consumo. Pesquisa de campo O site “Tudo sobre Xanxerê” é o mais utilizado pelos entrevistados.
Facebook, meio que possibilita cativar o cliente com contato direto. Pesquisa de campo Mais da metade dos entrevistados acessa a internet diariamente.
Agir com ações de marketing virtuais para atingir o público desejado.
Pinho (2000, p. 74) afirma que no Brasil, “[...] a internet tornou-se um dos maiores fenômenos mercadológicos de todos os tempos". Pesquisa de campo Tamanaha (2006, p. 55) afirma que a televisão “É fonte de referência e de informação para a maioria dos telespectadores, que, [...] não tem acesso a outro meio de comunicação”. Pesquisa de campo Consegue transmitir as promoções ou mensagens divulgadas de forma clara. Pesquisa de campo Referências ADORNO, Theodor W; HORKHEIMER, Max. Dialética do esclarecimento: fragmentos filosóficos. Rio de Janeiro: Jorge Zahar, 1985.

ARISTÓTELES. Arte retórica e arte poética. Rio de Janeiro: Ediouro, 1967.

BLACKWELL, Roger D; MINIARD, Paul W; ENGEL, James F. Comportamento do Consumidor. São Paulo: Pioneira Thomson Learning, 2005.

BARDIN, Laurence. Análise de conteúdo. Lisboa: Edições 70, 1988.

BREI, Vinícius Andrade. Comportamento do consumidor. Disponível em: <http://pt.scribd.com/doc/50109787/5/O-que-o-Comportamento-do-Consumidor-Abrange>. Acesso em: 10 out. 2012.

CARNEIRO, Jorge Manoel Teixeira et al. Formação e administração de preços. Rio de Janeiro: FGV, 2004.

CARRASCOZA, Joao Anzanello. A evolução do texto publicitário. 2. ed. São Paulo: Futura, 1999.

CARVALHO, Nelly de. Publicidade: A linguagem da sedução. São Paulo: Ática, 2000.

CONTRERA, Malena Segura; HATTORI, Osvaldo Takaoki et al. Publicidade e cia. São Paulo: Pioneira Thomson Learning, 2003.

DYE, Renée. The buzzonbuzz. Harvard Business Review, v. 78, n. 6, p. 139-146, Nov. 2000.

ECO, Umberto. A estrutura ausente.7. ed. São Paulo: Perspectiva, 1991.

GADE, Christiane. Psicologia do consumidor e da propaganda. São Paulo: Pedagógica e Universitária Ltda, 1998.

GIGLIO, Ernesto M. O comportamento do consumidor. 2. ed. São Paulo: Pioneira Thomson Learning, 2002.

JAKOBSON, Roman. Linguística e comunicação. 2. ed. São Paulo: Cultrix, 1969.

KOTLER, Philip. Administração de marketing: Análise, planejamento, implementação e controle. 5. ed. São Paulo: Atlas, 1998.

KOTLER, Philip; KELLER, Kevin Lane. Administração de Marketing. 12. ed. São Paulo: Pearson Prentice Hall, 2006.

LAGNEAU, Gérard. Prolegômenos de uma análise publicitária: Os mitos da publicidade. Petrópolis: Vozes, 1974.

PINHO, José Benedito. Publicidade e vendas na internet: Técnicas e estratégias. São Paulo: Summus, 2000.

RIBEIRO, Fábio Viana. A publicidade e o consumo. Disponível em: <http://www.diaadiaeducacao.pr.gov.br/portals/pde/arquivos/955-4.pdf>. Acesso em: 12 out. 2012.

ROCHA, Everardo P. Guimarães. Magia e Capitalismo: Um estudo antropológico da publicidade. 3. ed. São Paulo: Brasiliense, 1995.

ROCHA, Everardo P. Guimarães. A sociedade do sonho: Comunicação, cultura e consumo. 2. ed. Rio de Janeiro: Mauad, 1995.

SCHIFFMAN, Leon G; KANUK, Leslie Lazar. Comportamento do consumidor. 6. ed. Rio de Janeiro: LTC, 2000.

SILVA, Marcus Vinicius Fernandes Andrade da. Influência da publicidade na relação de consumo. Disponível em:<http://jus.com.br/revista/texto/4982/influencia-da-publicidade-na-relacao-de-consumo>. Acesso em: 12 out. 2012.

TAMANAHA, Paulo. Planejamento de mídia. 2. ed. São Paulo: Pearson Prentice Hall, 2006. Carla Dagostin
carla_dagostin@hotmail.com
Full transcript