Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

Oquê você precisa saber para ser uma soberana.

No description
by

Ligia Lavratti

on 17 May 2016

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of Oquê você precisa saber para ser uma soberana.

Etiqueta Social
Pontualidade:
ser pontual significa ter respeito e consideração pelas pessoas que fazem parte do mesmo compromisso que você.

Cumprimento:
cumprimentar a todas as pessoas sem distinção é sinônimo de educação, porém não cometa exageros..

Discreticidade:
ser discreto é ser elegante.

Refeições:
é importante mostrar-se respeitoso com o alimento por isso haja com delicadeza.

Andar
: é preciso tomar cuidado ao andar. matendo a postura.

Conclusão
- Seja simpático, pró-ativo, educado e responsável.
- Trate a todos com cordialidade.
- Procure agir com simplicidade e humildade.
- Vista-se de maneira comportada, evite expor o seu corpo à vulgaridade.
- Mantenha sempre uma postura ereta seja para caminhar, discursar, sentar a mesa.
- Agir com delicadeza evita gafes.
- Seja pontual. Pontualidade é uma grande virtude.
- Respeite a opinião e a liberdade dos outros.

Como conviver em sociedade

Ao longo do tempo, a civilização e a cultura foram impondo para a sociedade, determinados padrões de comportamento, que são considerados os adequados e corretos. Estes padrões originaram algumas regras que utilizamos em nosso dia-a-dia para conviver socialmente com os demais.

Mas cabe destacar que para ser uma pessoa sociável não basta apenas seguir estas regras. A forma como você se relaciona e se porta são as bases da construção da sua imagem para os outros. Não estamos falando de habilidades ou competências, mas sim de comunicação e relacionamento.



Etiqueta à mesa
Americana:
o garfo é usado na mão direita, enquanto a faca descansa na parte superior do prato, com a serra voltada para dentro. Na hora de usar a faca, troca-se de mão: o garfo vai para a mão esquerda e a faca é usada com a mão direita. Após isso, volta-se para a posição inicial: faca descansando, garfo na mão direita. Seguir as regras americanas implica em não usar a faca para “ajuda” a colocar a comida no garfo.

Europeu
: durante todo o tempo o garfo fica na mão esquerda e a faca na mão direta. Durante todo o tempo o garfo é usado com os dentes para baixo (a não ser, claro, quando seja impossível usá-los assim). No modo europeu é permitido usar a faca para colocar a comida no garfo, porém, somente apenas na parte traseira dele.
Regras gerais de etiqueta à mesa

1. Comece a usar os talheres de fora para dentro.
2. Após iniciar o uso dos talheres não coloque-os mais sobre a mesa.
3. Não gesticule com os talheres, ao falar apoie-os no prato.
4. Quando estiver satisfeito, coloque o garfo e a faca alinhados no prato.
5. Os talheres que não forem usados continuam na mesa, intocados.
6. As facas de carne são utilizadas apenas para carnes vermelhas e aves. Os peixes têm a sua faca própria. Legumes e outros alimentos devem ser cortados com o garfo.
7. Massas não devem ser cortados e sim enroladas no garfo.
8. Na hora de tomar uma sopa, leve a colher à boca pela lateral.
9. Utilize o guardanamo sempre antes de ingerir a bebida.
Falar
: Fale corretamente, faça uso de um bom vocabulário, evite falar alto e usar gírias ou palavrões..

Lembrancinhas
: leve apenas o que lhes for oferecido.

Horário:
não seja o último a sair da festa, cumprimente os anfitriões antes de ir embora,

Celular:
deixe-o no silencioso, se precisar usá-lo peça licença.

Dançar
: mantenha a postura também na pista, não faça danças vulgares ou chamativas.

Bebida
: Não exagere, beba socialmente.
Vestimenta
A escolha da nossa roupa diz muito sobre nossa personalidade e nossa educação, também. Uma escolha imprópria será lembrada por muito mais tempo do que uma escolha acertada.

Esteja sempre atento ao tipo de evento.
Escolha roupas confortáveis e que lhes dê segurança.
Cuidado com a moda, pois nem sempre o que é moda fica bem.
Considere o seu típo físico, sua idade e seu jeito.
As roupas devem estar de acordo com o lugar do evento, horário, situação e companhia.
Cuidado com o comprimento das peças, decotes, transparências para não ser vulgar.




Trajes

ESPORTE

simples e informal. Exemplos: almoços, exposições, churrascos, festas infantis. Conforto é a palavra de ordem, Vale calça jeans, mas com uma blusa mais elaborada e saltos. Também cabem vestidos leves, terninhos, bermudas e camisas. Evite muito brilho.

Trajes

PASSEIO
:
um toque de formalidade. Exemplos: reuniões formais, confraternizações de empresas, etc... O segredo está em balancear descontração com certa formalidade. Em eventos até as 18 h, aposte em vestidos de cores claras e pantalonas. Para a noite, prefira vestidos na altura dos joelhos.

Trajes

SOCIAL:

o traje é sofisticado e elegante. Exemplos: Coquetéis e jantares especiais, óperas e casamentos. Neste caso o uso do longo não é obrigatório, podendo ser utilizado o longuete, saias e blusas ou terninhos. As fendas e decotes estão liberados, mas sem exageros. O mesmo vale para bordados e brilhos.

Trajes

BLACK-TIE :
O traje para esse tipo de evento deve possuir alto grau de formalidade e sofisticação. Costuma ser escolhido para premiações e bailes de formatura.. Pode ser usado vestidos longos ou curtos desde que possuam muito requinte. Decotes, transparências, brilhos, bijuterias, echarpes, salto alto e carteira estão valendo.



Como se comunicar
A comunicação é uma habilidade imprescindível em qualquer âmbito da vida, seja na carreira profissional, no trabalho, no ambiente familiar, com os amigos etc. Sem comunicação não há como construir relações permanentes.

Mas conquistar essa tão almejada competência não é uma tarefa muito fácil. Alguns profissionais podem ter mais facilidade, porém, aqueles mais tímidos e introvertidos podem desenvolver algumas técnicas que ajudam a melhorar a oratória.





Dicas
Cuidado com a voz
: Mantenha um ritmo em sua fala e perceba as alterações em seu tom de voz. Se o seu desejo é chamar a atenção, fale em tom mais forte, se o que você pretende é apenas dar um recado, busque falar em tom neutro e quando quiser sensibilizar seus ouvintes, fale em um tom um pouco mais baixo. Outra dica é gravar e ouvir sua voz antes para perceber essas alterações.
Exercite sua comunicação:
A dica mais eficiente para obter uma boa comunicação é se comunicar. Quanto mais você exercita sua fala, mais segurança você sentirá, as ideias virão de forma muito mais tranquila e quando chegar a hora de se apresentar aos outros, tudo dará certo.



Se prepare antes:
Antes de qualquer apresentação, é essencial que haja preparação. Organize seu material com antecedência.
Mantenha a postura:
Outra dica valiosa na hora de falar para muitas pessoas é manter a postura sempre ereta e firme. A postura correta gera confiança e credibilidade em quem está te ouvindo.
Respira pausadamente
: Procure respirar profundamente entre uma frase e outra. Evite falar demais e só depois se lembrar de respirar. Respirar incorretamente dará a impressão de afobamento.
Fale corretamente:
Não tem nada pior do que ouvir alguém que fala errado. Fuja das gírias e concentre-se no português correto, na pronúncia das palavras, na conjugação de verbos e coerência nas frases.



Dicas
Vida em sociedade
Regras de etiqueta, convivência e comunicação.
Lígia Lavratti
Jornalista pela UFSM
Especialista em Marketing pela UCEFF



Enfim, para uma boa comunicação é preciso autocrítica e uma boa dose de treino. Preste atenção aos outros para aprimorar sua própria maneira de se comunicar e peça retorno para pessoas confiáveis sobre seu desempenho na arte de se comunicar. Pratique a empatia e a capacidade de saber ouvir. Desta forma, estará aberto a saber como é percebido pelos outros e ganhando uma grande chance de melhorar sua comunicação!
- Honestidade e sinceridade transmitem credibilidade.
- Fale o necessário, seja objetivo em suas colocações.
- Faça uso de um bom vocabulário, procure conhecer novas palavras e as pronuncie corretamente.
- Treine seu discurso.
- Nervosismo faz parte, confie em você, no que você sabe, e no que você é
.
Seja natural, discreta e GENTIL.

BOA SORTE.!!!


Conclusão
Vida em sociedade
Regras de etiqueta, convivência e comunicação.

MUITO OBRIGADA.
Full transcript