Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

Apresentação do mestrado de Psicologia Escolar e da Educação do ISMAI by Francisco Machado

No description
by

Francisco Machado

on 27 October 2014

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of Apresentação do mestrado de Psicologia Escolar e da Educação do ISMAI by Francisco Machado

Intervenção

Instituto Universitário da Maia
2014


Plano Curricular
Formação
Porquê Psicologia Escolar e da Educação
Mestrado de Psicologia Escolar e da Educação
Competências
Valorização Social da Psicologia Escolar e da Educação
Valorização Social da Psicologia Escolar e da Educação
Formação e Trabalho Diversificado
Trabalho multidisciplinar com contacto com diversos profissionais das ciências sociais

Crianças e
Adolescentes
Principais Alvos de
Intervenção
Principais Contextos de
Intervenção
Dimensões do trabalho
do\a Psicólogo\a Escolar
Principais
objectivos
Formar Psicólogos\as com conhecimentos
e competências pessoais, metodológicas e
técnicas que permitam o exercício da
Psicologia em contextos educativos e
que permitam um intervenção eficaz junto
dos principais alvos de intervenção da
Psicologia Escolar e da Educação: crianças,
adolescentes e famílias.
Famílias
(incluindo adultos)
Professores, Assistentes Operacionais e
outros agentes educativos
Profissionalização
Investigação
Desenvolvimento
Pessoal
Crescimento
Profissional
Equilibrado e
Sustentado


CONTACTO COM CONTEXTO DE TRABALHO EM PSICOLOGIA ESCOLAR E DA EDUCAÇÃO
VISITAS DE ESTUDO A INSTITUIÇÕES DE REFERÊNCIA

MAPADI
(Acompanhamento de crianças com Necessidades Educativas Especiais)

Escola da Ponte, Vila das Aves

Ênfase na Profissionalização e no contacto próximo com o(s) contexto(s) de trabalho.

Orientação Vocacional

Promoção de Competências em alunos, professores e auxiliares)

Accções de informação\sensibilização

Promoção de saúde psicológica


PROJETOS DE INTERVENÇÃO EM CONTEXTOS EDUCATIVOS, COM SUPERVISÃO
(MINI-ESTÁGIOS)

Ênfase na Profissionalização e no contacto próximo com o(s) contexto(s) de trabalho.

Ênfase na Profissionalização e no contacto próximo com o(s) contexto(s) de trabalho.

Contacto com profissionais experientes na área específica de trabalho (Workshop, tertúlias em áreas como avaliação e intervenção em perturbações da linguagem e intervenção em competências parentais)

Investigação - objetivos

ISIPAR – INTERNATIONAL SOCIETY FOR INTERPERSONAL ACCEPTANCE-REJECTION

Projetos Nacionais e Internacionais
Projetos a decorrer:
Aceitação-Rejeição Interpessoal
Sexualidade
Violência Escolar
Desenvolvimento Vocacional
Memória
Necessidades Educativas Especiais
Investigação - Recursos

Grupo de Investigação - Investigadores Responsáveis:

Prof. Doutor Francisco Machado (coordenador)
Prof. Doutora Márcia Machado
Prof. Doutora Marisalva Fávero
Prof. Doutora Helena Oliveira
Prof. Doutora Eduarda Pimentel
Prof. Doutora Ana Sofia Neves


Professora Doutora Ana Sofia Neves
Professora Doutora Anita Santos
Professora Doutora Carla Cunha
Professora Doutora Daniela Nogueira
Professora Doutora Diana Alves
Professora Doutora Eduarda Pimentel
Professora Doutora Eva Costa Martins
Professor Doutor Francisco Machado (Coordenador)
Professora Doutora Helena Oliveira
Professor Doutor João Salgado
Professora Doutora Liliana Meira
Professora Doutora Márcia Machado
Professora Doutora Maria João Cunha
Professora Doutora Marisalva Fávero
Docentes Residentes

Mestre Hugo Cruz (FPCEUP/ESMAE/C.M. Santa Maria da Feira)
Professora Doutora Rosa Lima (ESE Paula Frassinetti)
Dr.ª Teresa Dias (Colégio Novo da Maia)

Docentes Convidados

Ordem pronuncia-se na AR sobre os Serviços de Psicologia e Orientação

24.Setembro.2012

A Direcção da OPP foi ouvida no passado dia 20 de Setembro, pelas 12h, na Assembleia da República, pela Comissão Parlamentar de Educação, Ciência e Cultura. Esta reunião teve como intuito sensibilizar os deputados presentes para 4 questões relacionadas com a intervenção dos psicólogos em contexto escolar.

* Escolher 2 UC
Regime Horário: Possibilidades de frequentar um horário diurno ou pós-laboral, com a ocupação de alguns sábados no caso da realização de workshops ou outras atividades académicas.

* Escolher 2 UC

“A CONFAP congratula-se com a manutenção de Psicólogos (…) não só por atribuirmos um importante papel à orientação vocacional séria e consequente do 7º ao 12º ano, mas também porque têm estes técnicos desenvolvido um papel fundamental de ligação com as famílias, os alunos e a escola, bem como o trabalho com outros técnicos existentes na comunidade educativa, trabalho que desejamos possa ser aperfeiçoado e reforçado em todas as comunidades educativas.”

“O Bastonário deixou o apelo para a urgência do reforço de psicólogos nas escolas e centros de saúde, porque são estes que em primeira linha estão em contacto com as populações e podem intervir junto destas com maior rapidez e eficácia.”

“Não sei como é que uma escola pode viver sem um psicólogo. Numa altura de crise pode-se poupar em muita coisa, mas não nesta matéria. (…) O papel destes profissionais é também fundamental (…)”

“É notória a falta de outros profissionais e técnicos especializados com destaque para os psicólogos, auxiliares de acção educativa e terapeutas. (…) alerta ainda para a insuficiência de pessoal auxiliar educativo registada no início do ano lectivo e, em relação aos psicólogos, defende a necessidade de existir um destes profissionais em cada agrupamento de escolas.”

Emídio Guerreiro afirmou que o Governo tem de resolver este problema e tem de “devolver os psicólogos às escolas”. Voltando estes profissionais às escolas portuguesas, adiantou, estarão criadas as condições para que se possam dar novos passos e enquadrar os psicólogos naquilo que o PSD quer que seja a escola do futuro.

“O CDS/PP questionou hoje o Ministério da Educação sobre os atrasos na contratação de psicólogos para as escolas, sublinhando a importância destes profissionais no acompanhamento escolar, social e familiar dos alunos”

“O Bloco de Esquerda entregou na Assembleia da República um Projecto de Lei que prevê a criação de um regime de integração dos psicólogos contratados nas escolas públicas, determinando para o efeito a realização de um concurso de psicólogos escolares. Este Projecto surge num contexto de reconhecimento internacional do papel dos psicólogos em contexto escolar, com um papel determinante no apoio psicopedagógico e de orientação escolar.”

Contacto com uma diversidade grande de populações e contextos de trabalho
oportunidades de estágio profissional e emprego
Trabalho criativo, com
recurso a metodologias
diversificadas
Participação em projectos de investigação internacionais e eventos científicos com investigadores de reconhecido mérito
PROJECTO
"THE IMPORTANCE OF TEACHER LOVE"
Projecto que tem como objectivo analisar, ao longo de diversas culturas, os efeitos que a percepção de sermos aceites ou rejeitados pelos nossos\as professores\as tem sobre o nosso desenvolvimento e ajustamento psicológico ao longo do nosso ciclo vital
Participantes:
Artemis Giotsa, Univ. Ioannina, Grécia
Elias Kourkoutas, Univ. Creta, Grécia
Francine Jellesma, Univ. Amsterdão, Holanda
Harpreet Chhabra, Univ. Punjab, India
Nílton Formiga, Univ. Mauricio Nassau, Brasil
Sadiq Hussain, Univ. Karakorum, Paquistão
Sumbleen Ali, Univ. Punjab, Paquistão
Roberta Caldin, Univ. Bolonha, Itália
Roberto Dainese, Univ. Bolonha, Itália
18.Fevereiro.2014
A Ordem dos Psicólogos entregou recentemente uma providência cautelar no Tribunal Administrativo de Lisboa, a exigir a suspensão do despacho que obriga os psicólogos das escolas a trabalhar em simultâneo nos centros que vieram substituir as novas oportunidades.
Instituições de ensino (desde o pré-escolar à universidade)
Instituições de acolhimento de crianças e jovens em risco
Consulta Psicológica com crianças, adolescentes e famílias
Instituições de apoio a crianças e adolescentes com Necessidades Educativas Especiais
Projetos de intervenção psicoeducativa em contexto comunitário
Desenvolvimento de materiais de intervenção psicopedagógica
PROJETOS CRIADOS E A DECORRER NO ANO LECTIVO 2014-2015
A finalidade do projeto é a
criação de materiais de intervenção psicológica não-convencionais
e com maior potencial de serem assimilados pelas gerações mais novas, através de um
maior ajustamento aos seus canais de comunicação preferidos
, nomeadamente,
vídeo
(YouTube),
rede social
(facebook e twiter) e
internet
(site especializado)
PEE SOLIDÁRIO
Pretende-se com este projeto ter uma
influência muito direta sobre o bem-estar das comunidades e das suas populações
, com especial ênfase nas populações mais desfavorecidas, assim como desenvolver nos estudantes
competências de intervenção social e comunitária
, através de metodologias alternativas aos métodos tradicionais de intervenção psicológica
Psicologia
Educação
Escolar
focada sobre consulta psicológica e\ou intervenção comunitária
focada sobre o contexto escolar
Full transcript