Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

Degradação e esgotamento dos solos decorrente das tecnicas d

No description
by

on 6 October 2014

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of Degradação e esgotamento dos solos decorrente das tecnicas d

Formação do solo
Solo: elemento natural fonte de recursos vitais.

Assentamento do material original de que o próprio solo deriva;
Clima e topografia da área;
Organismos presentes no solo;
Tempo geológico em que esse solo se desenvolveu.

Questão Ambiental
Um solo rico -> possibilidade fértil; melhores ambientes para o nascimento da vida;

Fatores ambientais devem ser considerados para que o solo seja promovido com cuidado levando-o a diversas aplicações (adubação; reflorestamento; e interação com animais e outros seres vivos);

Fatores que devem ser lidados com extrema cautela e em menor escala em relação ao solo: desmatamento e degradação do solo -> técnicas de produção humana que hostilizam e desnaturalizam o solo.
Modificações do solo
Dados estatísticos

O manejo agrícola inadequado e a consequente desertificação respondem pela degradação de 40% das áreas de cultivo no mundo todo;

Estima-se que a perda de grãos derivada da desertificação chegue a 20 milhões de toneladas anuais, suficientes para atenuar o problema da fome no planeta;

Afeta de forma direta mais de um sexto da humanidade (1,2 bilhão de pessoas);

Já causou o êxodo de 135 milhões de indivíduos nos últimos 50 anos;

Esterilizou 27% do território da China;

A desertificação ameaça já um quarto da superfície do globo: os desertos estão se expandindo a um ritmo de 60 mil² por ano.
Consequências
Infertilização do solo, afetando a produção de alimentos;

Instabilidade econômica;

Migração da população para os centros urbanos;

Modificação do clima;

Efeito estufa;

Enxurradas;
Medidas mitigadoras adotadas
Recuperação de Solos:

Prevenir a erosão do solo;

Manutenção da matéria orgânica do solo;

Utilização de sistemas de manejo restauradoras;

Desintoxicação do solo;

Preservar a diversidade ecológica;

Adaptar um mecanismo natural de ciclagem de nutrientes para evitar a lixiviação e consequentemente a perda de nutriente.
Conclusão
Podemos concluir, portanto, que a utilização do solo de maneira incorreta e inconsequente é extremamente prejudicial para a vida na Terra, trazendo, desta maneira, diversas consequências.
Isto posto, constatamos também a necessidade da criação de alguns mecanismos de preservação do solo para que possamos, o quanto antes, ter um solo melhor e mais fértil.
OBRIGADO!
Degradação e esgotamento dos solos decorrente das técnicas de produção
Beatriz Freires - N 04
Fábio Augusto - N 10
Henrique Soares - N 16
João Marcus - N 19
Nathália Sayuri - N 30

Camadas horizontais da crosta terrestre:

Condicionado a desgaste ou alteração;

Fatores ambientais.
Características de cada solo:
Tipo de rochas que se desagregaram;

Ambiente no qual se desenvolveram.
Desgaste dos solos e das rochas;
Pela ação de agentes exógenos;
Há transporte de pequenos detritos de um lugar para outro.
Variam desde a retirada de uma pequena camada de terra no chão até a formação crateras.
Desencadeam problemas socioambientais, como:
Deslizamentos;
Enchentes;
Redução da biodiversidade;
Redução da área de plantio;
Desertificação.

Salinização
Desertificação
Poluição do solo
Uso de fertilizantes e defensivos agrícolas
Deposição de resíduos sólidos
Desmatamento
Lixiviação
Erosão
Acumulação de sais no solo;
Principalmente em áreas áridas e semiáridas;
Sais solúveis se precipitam à superfície ou no interior do solo;
Afetam negativamente o crescimento das plantas, ao ponto de matá-las.

Ex. de sais:
Cloreto de sódio (NaCl);
Sulfato de cálcio (CaSO4);
Sulfato de magnésio (MgSO4);
Bicarbonatos (CHO3-).

Determinado solo é transformado em deserto;
Através da ação humana ou processo natural.
Solo perde suas propriedades;
Torna-se infértil (perda da capacidade produtiva).

Consequências:
redução da fertilidade e produtividade do solo;
redução da biodiversidade;
desenvolvimento de fluxos migratórios.

Contaminação do solo;
Substâncias que provocam alterações significativas em sua estrutura natural.

Causas:
Acúmulo de lixo sólido (embalagens de plástico, papel e metal) - Principal causa;

Acumulo de produtos químicos (fertilizantes, pesticidas e herbicidas).


Produtos químicos, físicos ou biológicos;
"Agrotóxicos";
Usados no controle de seres vivos nocivos ao homem, sua criação e suas plantações;
Envenenam outros animais e plantas, inclusive os benéficos (como minhocas, abelhas e peixes), além do homem.
Preocupação com seu uso e abuso.

Conjunto de resíduos sólidos -> “lixo”.
Não é um agente causador de doenças própriamente dito.
Cria condições para a proliferação de vetores que podem disseminar doenças variadas.

Degradação da vegetação nativa de uma região;
Provoca processo de desertificação.

Fatores:
Mau uso dos recursos naturais;
Poluição;
Expansão urbana.

Deslocamento dos minerais mais solúveis do solo para horizontes (ou camadas) mais profundos;
"Lavagem do solo";
Torna o solo infértil;

Causa:
Exposição do solo (queimadas e desmatamento);

Pode ocasionar erosões graves;

Full transcript