Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

BASES NEUROLÓGICAS DO DESENVOLVIMENTO HUMANO E APRENDIZAGEM

No description
by

ELAYNE SÂMYA TORQUATO MOTA

on 17 September 2016

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of BASES NEUROLÓGICAS DO DESENVOLVIMENTO HUMANO E APRENDIZAGEM

ENCÉFALO
BASES NEUROLÓGICAS DO DESENVOLVIMENTO HUMANO E APRENDIZAGEM
E pelo órgão nos tornamos:
NEUROCIÊNCIA
Objetiva compreender como
o Sistema Nervoso funciona
COGNITIVO
Compreende os mecanismos neurias responsáveis pelas atividades mentais superiores do homem: a consciência, a imaginação e a linguagem.
A pesquisa neste nível investiga como a atividade do ENCÉFALO cria a MENTE.
Bases estruturais do Sistema Nervoso
CRIANÇA:
cérebro intermediário - Sistema Límbico, Emoções.
ADULTO:
cérebro racional - Atividades intelectuais, neocórtex.
EVOLUÇÃO DO CÉREBRO HUMANO:
2º COMPONENTE - A PORÇÃO INTERMEDIÁRIA:
formada pelas estruturas que regem as nossas emoções, as estruturas do sistema límbico.

3º COMPONENTE - A PORÇÃO EXTERNA DO CÉREBRO:
conhecida como cérebro superior ou racional, compreendendo a maior parte dos hemiférios cerebrais (formado por um tipo de córtex mais recente - o neocórtex
REGIÕES E FUNCÕES CEREBRAIS
HEMISFÉRIO CEREBRAL ESQUERDO - HIPOATIVO
Especializado nas funções da linguagem. Tem problemas com vários aspectos de processamento da linguagem (leitura, escrita e, ocasionalmente fala). Dificuldades com a linguagem também estão associadas à fraca compreensão e memória para materiais verbais.
HEMISFÉRIO CEREBRAL DIREITO - HIPOATIVO/É HIPERATIVO
Organiza e processa informações não-verbais. Tem problemas com o senso de tempo, consciência corporal, orientação espacial, percepção e memória visual.


A alegria; o prazer; o riso e a diversão; o pesar; o luto; o desalento; a lamentação
Dessa maneira adquirimos:
Sabedoria, conhecimento, enxergamos, ouvimos, sabemos o que é justo e imjusto, bom, ruím, doce, salgado, feio, bonito, alto, baixo.
Loucos, delirantes, medo, temores que nos assombram.
COMO COMPREENDER ESSE FUNCIONAMENTO?
NÍVEIS DE ANÁLISES
: Molecular
Celular
De Sistemas

Comportamentais

Cognitivos
COMPORTAMENTAIS:
estudam como os sistemas neurais trabalham juntos produzindo comportamentos integrados. Existem diferentes formas de memórias.
Ex.:
Onde agem as drogas que alteram a mente?
Qual a contribuição desse sistema para a regulação
do humor e do comportamento?
De onde vêm os sonhos?

Neurônios
Sinapse
Transmissão do Impulso Nervosos
Mecanismos Celulares da Aprendizagem: processos que controlam a comunicação sináptica que são vitais na aprendizagem e na memória.
Neuroplasticidade
Organização do Sistema Nervoso
Ao longo de sua evolução, o cérebo humano adquiriu 3 componentes que foram surgindo e se superpondo:
1º componente: A PARTE INTERIOR
- a mais primitiva, cérebro dos répteis, responsáveis pelas ações involuntárias e o controle de certas funções viscerais (cardíaca).
APRENDIZAGEM É...
AQUISIÇÃO:
de conhecimentos ou especialização;
MUDANÇA:
permanente mudança de comportamento, resultado de exposição a condição do meio ambiente;
PROCESSO EVOLUTIVO E CONSTANTE:
forma global física e biológica;
VISÃO NEUROLÓGICA:
nínguém é incapaz, é preciso ESTIMULAR para haver uma reação; e...

ESCOLA:
é na escola que há um vínculo integrativo da sociedade, é a principal forma de ação sobre o
INDIVÍDUO
em seu desenvolvimento globla: prestar atenção, compreender, aceitar, reter, transferir, agir.

ALGUNS COMPONENTES PRINCIPAIS DA APRENDIZAGEM:
se não ocorrer, com o aprendiza, implica que há um
DISTÚRBIO DE APRENDIZAGEM. Vejamos:
DISTÚRBIO - pertubação, transtorno.
PERTUBAR - alterar, modificar, mudar, transformar.
TRANSTORNO - alterar a ordem, desorganizar.

DIFICULDADE DE
APRENDIZAGEM?

Há um potencial normal de aprendizagem, caracterizado por discrepância entre as capacidades e o nível de realização.
É uma situação momentânea na vida do aluno.
Abrange causas relacionadas ao sujeito que APRENDE, aos CONTEÚDOS PEDAGÓGICOS, ao PROFESSOR, aos METÓDOS DE ENSINO, ao AMBIENTE FÍSICO
e SOCIAL DA ESCOLA.
É um déficit específico de atividades acadêmicas. Podem ocorrer concominantemente como: alterações sensoriais, retardo mental, distúrbio emocional ou social, ou mesmo influências ambientais de qualquer natureza.

DIFICULDADE DE APRENDIZAGEM?

É um grupo heterogêneo de desordens manifestadas por dificuldades significativas.

CAUSAS MAIS FREQUENTES
:
1º ESCOLA -
inadequação de currículos, de programas, de sistemas de avaliação, de métodos de ensino, e relacionamento professor-aluno.
2º FATORES INTELECTUAIS OU COGNITIVOS;
3º DÉFICITS FÍSICOS OU SENSORIAIS;
4º DESENVOLVIMENTO DA LINGUAGEM;
5º FATORES AFETIVOS - EMOCIONAIS;
6º FATORES AMBIENTAIS (nutrição e saúde);
7º DIFERENÇAS CULTURAIS E OU SOCIAIS;
8º DISLEXIA;
9º DEFICIÊNCIA NÃO VERBAIS.
DISTÚRBIO DE APRENDIZAGEM?

É uma alteração quisição e/ou no desenvolvimento de habilidades necessárias para execução de atividades.
Caracteriza-se pela presença de uma DISFUNÇÃO NEUROLÓGICA, ou seja, dificuldades específicas e pontuais, como: AUDIÇÃO, FALA, LEITURA, ESCRITA, RACÍOCINIO OU HABILIDADES MATEMÁTICAS, que se referem as difunções do SISTEMA NERVOSO CENTRAL - SNC.
Não deve ser confundida com deficiência mental.
As crianças com distúrbios de aprendizagem NÃO SÃO INCAPAZES DE APRENDER.
São crianças que apresentam dificuldades de aquisição matéria teórica, embora apresentem inteligência normal, e não demosntrem desfavorecimento físico, emocional ou social.


CARACTERÍSITCAS DO DISTÚRBIO DE APRENDIZAGEM

a) Não apresenta um desempenho compatível com sua idade;
b) Apresenta discrepância entre seu desempenho e sua habilidade intelectual em uma ou mais áreas: EXPRESSÃO ORAL E ESCRITA, COMPREENSÃO DE ORDENS ORAIS, HABILIDADES DE LEITURA E COMPREENSÃO, CÁLCULO E RACÍOCINIO MATEMÁTICO.

CRITÉRIOS NO DIAGNÓSTICO DE DISTÚRBIO DE APRENDIZAGEM
A criança deverá:
a) Apresentar problemas de aprendizagem em uma ou mais área;
b) Apresentar uma discrepância significativa entre seu potencial e o seu desempenho real;
c) Apresentar um desempenho irregular, isto é, a criança tem desempenho satisfatório e insatisfatório alternadamente, no mesmo tipo de tarefa;
d) O problema de aprendizagem não é devido a deficiências visuais, auditivas, nem a carências ambientais ou culturais, nem problemas emocionais.
DIAGNÓSTICO PARA AS DIFICULDADE DE APRENDIZAGEM
É composto por vários momentos temporal e especialmente tomam dimensões diferentes conforme as necessidades de cada caso. Vejamos:

1º ANAMNESE - só com os pais;
2º COMPREENSÃO - das relações familiares em sessões com toda a família presente;
3º AVALIAÇÃO - da produção pedagógica;
4º VÍNCULOS - com objetos de aprendizagem escolar;
5º DIAGNÓSTICO OPERATÓRIO - busca da contribuição e do funcionamento das estruturas cognitivas;
6º DESEMPENHO - em testes de inteligência e visomotores;
7º ANÁLISE - de aspectos emocionais por meio de textos expressivos;
8º SESSÕES - de brincar e criar.

TRANSTORNOS DE APRENDIZAGEM
Compreende uma inabilidade específica como:
a)
TRANSTORNO DE LEITURA
- é caracterizado por uma dificuldade específica em compreender palavras escritas;
b) TRANSTORNO DA MATEMÁTICA
- dificuldade da criança associar as habilidades matemáticas básicas como o mundo que o c;
c) TRANSTORNO DE EXPRESSÃO ESCRITA
- refere-se a ortografia ou caligrafia bem como outras atividade.
EXEMPLOS DE COMPORTAMENTOS
PROBLEMÁTICOS EM PESSOAS COM DIFICULDADES DE APRENDIZAGEM
Comportamento que surge das condições neurológicas que causam problemas de aprendizagem:
a) FRACO ALCANCE DE ATENÇÃO:
a criança distrai-se com facilidade; perde rapidamente o interesse por novas atividades; pode saltar de uma atividade para outra.
b) DIFICULDADE PARA SEGUIR INSTRUÇÕES
: a criança pode pedir ajuda rapidamente
Full transcript