Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

Abraham Maslow: Teoria Holístico-Dinâmica

No description
by

Vagner Medeiros

on 13 May 2015

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of Abraham Maslow: Teoria Holístico-Dinâmica

Necessidade
De Estima

Auto-Realização
Sociais:
Necessidades de amor e pertencimento

Necessidade de Segurança
Necessidades Fisiológicas
Abraham Maslow: Teoria holístico-Dinâmica
Teoria holístico-Dinâmica
A pessoa, em sua totalidade, está constantemente sendo motivada por uma necessidade ou outra;

Os indivíduos têm potencial para crescer em direção à saúde psicológica, ou seja, a autorealização.
Considerações Finais
A motivação é um fator interno.
Não se pode motivar alguém.
Mas quais são essas necessidades?

Cinco delas foram postas em forma de pirâmide. São as necessidades básicas (conativas)
As necessidades de nível mais baixo devem ser satisfeitas em sua maior parte para que a imediatamente acima seja ativada
Hierarquia das necessidades
São os princípios básicos para a sobrevivência,
como a alimentação,
água, respiração,
sexo, homeostase, etc.
Do corpo, emprego, recursos, moralidade, família, saúde, etc...
É a maneira pela qual o indivíduo se vê, sua autoconfiança, independência, e autonomia.
Esta é a única necessidade que o alcance da anterior não necessariamente leva a esta. É a necessidade interior que o indivíduo sente de atingir seu potencial mais elevado como a moralidade, criatividade, espontaniedade, ausência de preconceitos e aceitação dos fatos (Valores B). Onde se torna completamente humano
Não depende das necessidades de nível mais baixo.
Receita
PRESSUPOSTOS BÁSICOS
Abordagem holística da motivação: a pessoa inteira, não uma parte ou função, é motivada.
Amizade
Necessidade de parceiro, família, filhos...
Amor
“Uma sopa de primeira categoria é muito mais criativa que uma pintura de segunda(...) - Abraham Maslow
Ingrediente único:
CARACTERÍSTICAS
GERAIS DAS NECESSIDADES CONATIVAS (NECESSIDADES BÁSICAS)
As inferiores possuem mais força, que as superiores;
As superiores surgem mais tarde na vida;
Necessidades de Déficit;
Necessidades de Crescimento.
Ordem (as vezes invertida)
Comportamento imotivadoa é causado por outros fatores, como o reflexo condicionado, uso de drogas
Comportamento expressivo (sem meta)
Comportamento de enfrentamento (motivado)
Privação de necessidade leva a patologia (privação de valores B leva
a metapatologia)
ALÉM DAS CONATIVAS, TEMOS AINDA AS
NECESSIDADES ESTÉTICAS, COGNITIVAS E NEURÓTICAS

AS COGNITIVAS SÃO...
“As necessidades inatas de conhecer e entender”


Estudos mostram que animais exploram seu ambiente (desejo de conhecer e entender);
Conhece e Entender está acima da segurança;
Pessoas saudáveis são atraídas por eventos inexplicáveis
Essas 2 necessidades se sobrepõe à hierarquia das 5 necessidades

NECESSIDADES ESTÉTICAS


“Necessidade que o ser humano tem de estar sempre belo e em harmonia com os padrões de beleza e organização vigente”
O estudo dos Auto-Realizadores
• Auto-realização: Desenvolvimento pleno das habilidades de um indivíduo e a realização de seu potencial.
“O que um homem pode ser, ele deve ser.
A essa necessidade podemos dar o nome de auto-realização"
- Abraham Malow

METAMOTIVAÇÃO:
Implica uma condição na qual a motivação, tal como a conhecemos, não desempenha nenhum papel. / Pessoas auto-realizadoras não são motivadas a lutar por um objetivo particular; / costuma-se dizer que se desenvolvem a partir de seu interior.

METANECESSIDADES: estados de crescimento ou existência em direção aos quais os auto-realizadores se desenvolvem.
METAPATOLOGIAS: Um impedimento do auto desenvolvimento relacionado ao fracasso em satisfazer as metanecessidades.
Metanecessidades
Metapatologias
Verdade
Bondade
Beleza
Vivacidade
Singularidade
Justiça
Desconfiança, ceticismo
Ódio, repulsa, aversão
Vulgaridade, perda de bom gosto
Morte, robotização, sensação de estar sendo totalmente controlado
Perda do sentimento do self e de individualidade
Raiva, cinismo, desconfiança
Entre os auto realizadores que Maslow estudou estavam figuras famosas como:
Albert Einsten
Thomas Jefferson
George Washington
Eleanor Roosevelt
Harriet Tubman
Malow inferiu algumas caracteristicas as quais os auto realizadores possuiriam:
• Percepção clara da realidade
• Aceitação de si, dos outros e da natureza
• Espontaneidade, simplicidade e naturalidade
• Dedicação a uma causa
• Independencia e necessidade de privacidade
• Vigor de apreço
• Experiencias culminantes
• Interesse social
• Relações interpessoais profundas
• Tolerancia e aceitação dos outros
• Criatividade e originalidade
• Resistencia a pressões sociais


Foco em problemas externos a si mesmo
: Os auto-realizadores possuem uma consciência de missão, um compromisso ao qual devotam sua energia. Não tomam conta de suas tarefas por dinheiro, fama ou poder, mas sim para satisfazer as metanecessidades.


Relações interpessoais profundas
: Embora o círculo de amigos não seja muito grande, os auto-realizadores possuem amizades profundas e duradouras. Atraem com frequencia admiradores ou discípulos.
Estrutura democrática de caráter
: Os auto-realizadores são tolerantes e compreensivos com a personalidade e o comportamento dos outros. Não apresentam preconceito racial, religioso ou social; anseiam ouvir e aprender com qualquer um capaz de ensiná-los e raramente se comportam como grandes sábios.
“Passamos constantemente por estas escaladas, perspectivas, questionamentos; estamos sempre correndo atrás de algo; é tão complexo, que não conseguimos identificar o que seja, e a importância real deste “desejo” para nossa existência, mas o que não podemos fazer é deixar de correr atrás, porque se não criarmos necessidades, não conseguiremos sobreviver, em nossa concepção, nunca temos o suficiente, pois deixar de almejar algo, principalmente relacionado ao aspecto material, poderá ser fatal ao nosso dia-a-dia.
Tanta energia utilizada, ou melhor, inutilizada, pois nunca pensamos no que realmente poderia trazer a sonhada satisfação, e dificilmente enxergamos que ela está conosco, bastando colocá-la no local certo e na hora certa, e consequentemente todos os setores da vida, inclusive o profissional, ocupariam sua real posição”
Abraham Maslow
A Avaliação na Teoria de Maslow
O foco inicialmente não era na auto realização. Mas devido a uma curiosidade desperto em Maslow com relação a duas pessoas que tinham algumas qualidades que as separava da maioria dos indivíduos.

Buscou avaliar outros indivíduos em diferentes momentos da vida.
Maslow identificou algumas pessoas auto realizadas, como: pessoas de sua época e figuras historicas.
Para avaliar as figuras historicas, Maslow utilizou materiais biográficos, para identificar características pessoais similares,.
Já, nas pessoas vivas, a base foi em entrevistas. Devido a vergonha de muitas pessoas na entrevista, muitas vezes era forçado a estudar indiretamente. Mas ele explicou claramente como era.

A Pesquisa na Teoria de Maslow
Maslow em suas pesquisas não utilizou-se de estudos de caso e métodos experimentais.

Os métodos de Maslow no estudo de pessoas auto realizadas recebeu muitas críticas, por não serem rigoros.
Maslow concordou com as críticas feitas ao seu estudo, pois ele sabia que suas pesquisas não supriam as exigências da pesquisa científica.
Ele sugeriu que devido a impossibilidade da auto realização ser estudada havia duas alternativas: esperar até surgir técnicas apropriadas ou não estuda-lá,. Só que ele era impaciente para adiar sua pesquisa pois acreditava que poderia ajudar a humanidade.
Convicto de que seus estudos eram validos tinha aexpectativa de que futuramente sua teoria fosse assegurada por outros pesquisadores.

Inventário da Orientação Pessoal
Um questionário de auto - relato, composto de 150 pares de afirmações

Exemplo:
Itens da amostra do Inventário de Orientação Pessoal. Os analizados selecionam o item de cada par que melhor os descreve.
Faço o que os outros esperam de mim.
Sinto-me à vontade para não falar o que os outros esperam de mim.

Devo justificar minhas ações em busca de meus próprios interesses.
Não preciso justificar minhas ações em busca de meus próprios interesses
e pontuada através de duas escalas principais, competência do tempo e direcionamento interno.


Estudos Correlacionais com o POI
A pontuação indicativa da maior auto realização está relacionado positivamente a fatores como: saúde emocional,criatividade, bem estar após terapia, realização acadêmica, autonomia e tolerância racial.
Em um pesquisa realizada com mulheres entre 19 e 55 anos elas afirmavam que a auto realização acontece no decorrer da vida.
As pesquisas foram correlacionadas, e que não existe uma medida independente e que seja válida de auto realização

A Hierarquia das necessidades
Foi realizado uma pesquisa com estudantes analizando a satisfação para com as necessidades de segurança, afiliação e estima. Mostrou que estima era mais popular que afiliação.
Auto estima
Pessoas com auto estima elevada se sentem mais confiantes, são mais produtivas do que as com baixa auto estima.
Em um estudo realizado com estudantes em busca de emprego notou-se que os de auto estima elevada recebiam mais propostas.
Sugerido por pesquisas duas definições de auto estima. Auto suficiência e auto afeição.
Em estudo realizados revelou-se que os homens tem auto estima elevada mais que as mulheres.

Auto realização e Experiências Culminantes
A aplicação das idéias de Maslow exige um ambiente de vida real
A auto realização como força motivacional mesmo sem comprovação e bem popular no mundo dos negócios.
Escala de Pico foi denominado por um teste de auto relato, para avaliar a tendência de ter experiências culminantes

O fracasso em tornar-se auto realizador
Se a necessidade de auto realização é inata e não precisa ser ensinada e aprendida, por que todas as pessoas não são auto realizadas?
Por que menos de 1% da população atinge esse estado de ser?
Criança superprotegida
Crianças com permissividade excessiva
Equilíbrio entre permissão e imposição de regras
Amor suficiente na infância é pré-requisito para a auto realização, assim como as necessidades fisiológicas e de segurança durante os primeiros dois anos de vida
Outros motivadores para o fracasso
Dessacralização
Complexo de Jonas
A auto realização exige coragem
Os auto realizadores testam a si mesmos constantemente, abandonando rotinas seguras, comportamentos e atitudes familiares
Há dois conjuntos de forças puxando o indivíduo, não um apenas. Além das pressões o sentido do desenvolvimento e da saúde, existem também pressões regressivas, geradas pelo medo e a ansiedade, que o empurram para a doença e a fraqueza
Abraham Maslow
Questõs sobre a natureza humana
Maslow focalizou a saúde psicológica, em vez da enfermidade, o desenvolvimento, em vez da estagnação, as virtudes e os poteciais, em vez das fraquezas e limitações
Temos o livre arbítrio de escolher a melhor maneira de satisfazer nossas necessidades e realizar nosso potencial.
A personalidade humana é determinada pela interação da hereditariedade e das variáveis pessoas e situacionais.
Reconheceu a importância das experiências da infância para promover ou inibir o desenvolvimento adulto, mas não acreditava que fôssemos vítimas delas
Argumentou que a natureza humana é boa, decente e afável, mas não negou a existência do mal
Críticas:
Seu método de pesquisa e na falta de dados de apoio gerados experimentalmente
Aos termos como: metanecessidades, metapatologia, experiências culminantes e auto realização
A auto realização é realmente inata? Ou seria um comportamento aprendido
Favoráveis:
Devido ao seu otimismo e compaixão a sua teoria e abordagem humanista criaram-se adornos de uma escola formal de pensamento
Vários profissonais têm achado utilidade na sua teoria e eficazes na resolução de problemas.
* Maslow repercutiu muito e hoje, com o auxilio da tecnologia, podemos ver seus conceitos em aplicação para o entretenimento.
Referências bibliográficas
Schultz, D. P.; Schultz, S. E. (2002) Teorias da personalidade. São Paulo: Thomson.
FADIMAN, James; FRAGER, Robert (1986). Teorias da personalidade. São Paulo: HARBRA.
Abraham H. Maslow

Considerado o pai espiritual da teoria humanista
Contribuiu para incentivar o movimento e conferir-lhe certo grau de respeitabilidade acadêmica
A teoria da personalidade de Maslow não tem origem em histórias de casos de pacientes clínicos, mas em pesquisas com adultos criativos, independentes, autossuficientes e realizados
Maslow concluiu que cada pessoa nasce com as mesmas necessidades instintivas que nos capacitam a crescer, a nos desenvolver e a realizar nossos potenciais
História Pessoal
Abraham Maslow nasceu em Nova Iorque, em 1908, primogênito dos irmãos, filho judeus e imigrantes. Não se dava bem como os pais.
Tornou-se ateu, por oposição à mãe religiosa. Embora inteligente, estudante médio na High School
Cresceu em Nova Iorque e frequentou universidades quando seis meses antes de casar-se com a prima Berha com quem viria a ter 2 filhos matriculou-se na graduação em filosofia e doutorou-se em psicologia (dominância social sobre o sexo em primatas)
Durante a Segunda Guerra mundial, quando percebeu a contribuição reduzida que a Psicologia havia dado para a solução dos principais problemas mundiais, deslocou seu interesse da Psicologia Experimental para a Psicologia Social e da Personalidade
(…) Eu queria provar que os seres humanos são capazes de algo maior do que guerras, o preconceito e o ódio. Eu queria fazer ciência considerar todos os problemas que os cientistas não conseguiram: a religião, a poesia, valores, filosofia, arte. Eu continuei com eles tentando entender as pessoas grandes, os melhores exemplares da humanidade que pude encontrar .
Abraham Maslow

"Declara as uvas verdes mas não fica em paz
porque o fracasso lhe subiu a cabeça"

4 - A honestidade e o assumir a responsabilidade de seus próprios atos são elementos essenciais para auto realização. Ao invés de posar e dar respostas calculadas para agradar outra pessoa ou dar a impressão de sermos bons, Maslow pensa que as respostas devem ser procuradas em nós mesmos.
Comportamentos que levam a auto realização
"Se você deliberadamente planejar ser menos do que você é capaz de ser, então eu o previno que você será profundamente infeliz" - Maslow
"[...]Há muita margem na manobra para que eu me ajude antes de desistir e afundar, para qe eu faça o melhor que eu puder, em vez de me lamentar(...) O que eu faço com meus dotes genéticos e com meu corpo é definitivamente mais importate do que meramente é me dado pela minha herança genética" - Maslow
PROF. VAGNER MARCHEZONI MEDEIROS
Mestre em Psicologia (UEM, 2012)

Iniciou o curso de medicina
Tornou assistente de pesquisa de Thorndike (univ. de Colúmbia), e por este foi testado obtendo 195 q.i.
A mente de Maslow prosperou
Conheceu e aprendeu com Erich Fromm, Karen Horney, Max Wertheimer, Kurt Gooldstein.
Assistiu palestras de Aldler
Em meados de 1940, a saúde de Maslow começou a deteriorar
Em 1946, 38 anos, uma ataque cardíaco o deixou fraco e desanimado, e o fez tirar licença médica
Em 1951, passou a ser diretor de uma universidade recém criada
Em 1960, desanimou-se com a vida de diretor
Em 8 de Junho de 1970 faleceu de um fulminante ataque cardíaco
A motivação é geralmente complexa, isto é, o comportamento nasce de vários motivos, sejam eles conhecidos ou não.
As pessoas são continuamente motivadas por uma necessidade ou outra.
Todas as pessoas, em qualquer lugar, são motivadas pelas mesmas necessidades básicas
As necessidade podem ser organizadas em uma hierarquia
São as mais potentes
A única que se perde a motivação quando há completa saciação, e que volta a exigir saciedade
Necessidade de lei, ordem, estrutura...
Nunca sacia
Criança mais vulnerável, e os adultos sofrem de ansiedade básica
Pessoas que TIVERAM amor e pertencimento adequadamente satisfeitos, não entram em pânico quando o amor é negado
Pessoas que NUNCA TIVERAM amor e pertencimento, são incapazes de amar
Pessoas que TIVERAM PEQUENAS DOSES DE amor e pertencimento, tem necessidades mais intensas de afeição e aceitação
Reputação:
Perçepção de prestígio, de reconhecimento e de fama perante aos outros
Autoestima:
Sentimentos de valor e confiança do próprio indivíduo
FEIST, Jess, FEIST, Gregory & ROBERTS, Tommi-Ann (2015). Teorias da personalidade. Porto Alegre: AMGH.
Full transcript