Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Fibras Têxteis - canhamo

No description
by

Lorena Maia

on 28 September 2013

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of Fibras Têxteis - canhamo

Seminário Fibras Têxteis
Cânhamo
O que é o Cânhamo?
Fibras do caule do Cânhamo
Cânhamo ou cânhamo industrial são os nomes
que recebem as fibras da planta Cannabis.
Cannabis?
Esse nome não me é estranho....
Mas peraí? Cannabis não é ...
Entenda a diferença:
Ambos, tanto o Cânhamo como a Maconha
pertencem a mesma família, a da Cannabis.
Professora: Vera Lúcia
Materiais Têxteis
Equipe:
Joelma Costa
Levi Martins
Maycon Oliveira
Lorena Medeiros Maia

Histórico da Fibra
Processo de extração/produção da fibra
Propriedades e características da fibra
Tecnologias aplicadas à fibra
Usabilidade na moda
Sustentabilidade e responsabilidade social
Roteiro
MACONHA?
O Cânhamo possui um índice muito pequeno de THC, algo como 0,5% . A maconha possui 8 a 15% da substância psicoativa.
A maconha advém das flores da Cannabis Sativa.


O cânhamo é uma fibra natural, da família das moráceas, de nome científico Cannabis Sativa.
Seu uso na fabricação de tecido e suas propriedades intoxicantes, se remete a tempos antigos, ligando-o a lendas antigas gregas e orientais.

Segundo alguns autores, os filamentos compridos e sedosos da planta
serviam para fazer cordas que amarravam os cavalos e os bois em Roma, bem como serviam para a produção das velas dos navios que eram feitas de seu tecido forte e grosso.
No Brasil, o uso do Cânhamo
remete ao período colonial.

Há registros de sua cultura em
Santa Catarina e no Rio Grande do Sul
a partir de 1770.

Acredita-se que foi trazido ao Brasil por
escravos africanos para sua utilização
como planta medicinal, pois serve como um ótimo medicamento calmante e antiespasmódico, moderador da contração muscular, sedativo de dores gástricas e cólicas uterinas.
Processo de extração e produção
Cultivo

Muito cultivado em várias partes do mundo, inclusive na Europa, onde a União Européia em 1998 o legalizou e autorizou inclusive o subsídio ao linho de cânhamo.

Há limitações quanto ao seu plantio, sendo permitido só para terrenos de até um hectare, segundo normas da comissão agrícola européia.

Em Portugal existe uma única empresa especializada, a "Cânhamo de Portugal, Ltda.", estatal que dá apoio ao agricultor no que ele necessitar em todo o processo, desde a compra de sementes até à venda da produção.
China, considerada o maior exportador mundial de têxteis e papel de cânhamo;

França, que em 1994 colheu mais de dez mil toneladas, com crescente aumento da produção.
Produção Mundial
No que refere-se a ampliação de semeadura agrícola, no ano de 1999 observou-se o crescimento na área de plantio em alguns países, como:

Romênia que, nesse ano, semeou 40.000 acres

Canadá, 30.000 acres

Reino Unido, com apenas 4.000 acres, mas com muito boas perspectivas de crescimento para os anos seguintes.
Fibra do Cânhamo - obtida dos talos da planta Espécies: - cânhamo da Índia - cânhamo da China (talos 4 m) - cânhamo do Piamonte - cânhamo Brasileiro (indústria têxtil) - canabiena (tóxico)
Extração da Fibra: Processo Billings - Curte-se a fibra em banho com água à 32º C, expondo em seguida ao ar e luz. - Coloca-se em estufa de ar quente.
CÂNHAMO
Sementes
Fibra
Ração para aves
Fonte de albumina e vitamina E.
Utilizado na culinária como tempero.
Fabricação de tecidos, cordas e papéis.
Usabilidade na moda
Sustentabilidade
e Responsabilidade Social
A malha de cânhamo protege da radiação UV;
é uma malha 100% biodegradável.
A malha de cânhamo é ecológica. Inclusive possui ótimas propriedades, como ser de fibra longa, tendo 4,5 metros e gasta menos água que as plantações de algodão.
Uma das vantagens de ser de fibra longa é que há poucas torções no tecido, evitando que o mesmo “pique”/fure.
As fibras de cânhamo são bastante resistentes: cinco vezes mais resistentes que as do algodão.
A malha da Menegotti é bastante macia, tem um toque suave muito gostoso, transmite sensação de conforto.
Fibra celulósica utilizada tanto na indústria têxtil como na de papel. Cinco vezes mais resistente que o algodão o Cânhamo é utilizado também na fabricação de cordas. Está diretamente ligado á moda sustentável, pelo seu fácil cultivo e resistência, o Cânhamo é similar ao linho na aparência e no toque, sendo confortável e transpirante.

Atualmente, o cânhamo tem ganhado força na indústria têxtil por fazer parte de uma nova geração que está preocupada com o meio ambiente. Além disso, o cânhamo é resistente e já é bastante utilizado em tênis e roupas.
Cânhamo
Tecidos
Alimentação
Óleo
Combustível
Papel
Cosméticos
O cânhamo não requer agrotóxicos para crescer. Abastece o solo com nutrientes e é um bom conversor de CO2 em oxigénio. É necessária uma quantidade muito pequena de terra para cultivar o cânhamo, comparando com a maioria das outras fibras têxteis e é biodegradável.
O cânhamo é uma fibra muito resistente e tem uma durabilidade enorme. É uma fibra bastante porosa e por isso seca rapidamente e é muito respirável e fresco.
É naturalmente anti-fúngico e protege dos raios ultravioletas.
Com o uso vai ficando cada vez mais suave e macia.
Na lavagem é capaz de suportar temperaturas de ebulição. Tecidos com cores e com outros acabamentos a temperatura pode ir até aos 65 graus.
Mas uma lavagem a 30º ou 40º é suficiente.
Obrigado!
Informações
http://projetocharas.com
Full transcript