Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

PNSIPN - administrando a implantação

Exposição em mesa no Seminário para Gestores sobre a Implementação da Política Nacional de Saúde Integral da População Negra, out 2013
by

Isabel Cruz

on 1 August 2016

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of PNSIPN - administrando a implantação

Política Nacional de
SaúdeIntegral da População Negra

Implantação da PNSIPN
Teste seu conhecimento
Desafios à Implantação da PNSIPN
Vantagens da Equidade Étnico-Racial na US
Uma condição indispensável para dar resolutividade ao cuidado de saúde e consolidar o princípio da universalidade do SUS.
Vantagens Diretas
Humanização
Cuidado centrado na pessoa e culturalmente seguro é mais eficiente e mais eficaz
Ambiente respeitoso
Baixa rotatividade profissional
Vantagens Indiretas
Maior foco no(a) paciente, família & comunidade
Melhor imagem do SUS, da US, do gestor e profissionais
Maior competência profissional
- Introdução
- Segurança do Paciente
- Benefícios da PNSIPN no ponto do cuidado
- Desafios para implantação da PNSIPN no ponto do cuidado
- Recomendações (plano estratégico)
- - Conclusão
Tópicos
Segurança do(a) Paciente Negro(a)
...e de sua herança de matriz africana.
Os Núcleos de Segurança do Paciente devem garantir:
Unidade de Saúde CULTURALMENTE Segura:
O cuidado é centrado na pessoa; não ao estereótipo ou estigma.
O plano terapêutico é negociado com a pessoa ( e suas crenças e valores culturais)
O plano terapêutico inclui sempre que adequado as práticas de saúde de matriz africana vivenciadas pela comunidade
- Medicamentos: interação de medicação popular e/ou de matriz africana com o fármaco
-Protocolo anti-queda: potencial para uma abordagem enviesada d@ paciente negr@

Implantar a Política
Nacional de
Saúde Integral
da População Negra na Unidade de Saúde é fácil porque ela é parte da solução para este grande incômodo.
Conexão dos Programas de Saúde para maior (e melhor) acesso da
população negra ao SUS
PNSIPN & Cultura da US
Toda atividade isenta de viés e promotora da justiça social
Participação social ativa em todos os programas ( e suas fases)
Educação permanente sobre os "ismos" X equidade em saúde
Intersetorialidade para "tratar" as causas de iniquidades em saúde
Maior & melhor acesso da comunidade e pessoas para equidade étnico-racial em saúde (busca ativa, processos padronizados, fluxo do(a) paciente, etc)
Apoio à Equipe da US
Desenvolvimento de uma cultura da US baseada no humanismo e em evidência científica
Educação permanente e responsabilidade profissional com o enfrentamento do(s) racismo(s) e outras formas de discriminação
Prevenção e tratamento da "fadiga de compaixão", do burnout e outros problemas ocupacionais
Cultura da US de excelência profissional e cuidado centrado no(a) paciente
Defensoria do plano de carreira e implementação de políticas promocionais com base na redução de iniquidades étnicas
Comunicação

Eliminação de agenda oculta para maior confiança na cultura da US

Assegure que toda comunicação com a clientela seja direta, simples, culturalmente pertinente, adequada à geração e ao nível de alfabetismo em saúde

Capacitação da equipe em comunicação terapêutica (assertiva, entrevista motivacional, intervenção em crise, etc)

Estabelecimento de relações sustentáveis com a comunidade

Investimento em infra-estrutura de comunicação (prontuário do paciente)

Implementação do enfrentamento do(s) racismo(s) nos protocolos da US
Monitoramento & avaliação dos dados por raça/cor
Evidência sobre prática de saúde de matriz africana
Tomada de decisão pela eliminação das iniquidades étnico-raciais
Garantia de uma US culturalmente segura para a população negra
Resistência à mudança
Conclusão
Obrigada!
Observe e responda:
O que está acontecendo aqui?
Resposta:
As condições socioeconômicas melhoraram no período, mas a taxa mortalidade não foi reduzida para as mulheres negras, ao contrário,de onde se conclui que o que está acontecendo é o
Racismo estrutural
Fonte: Ministério da Saúde | DATASUS | SINASC, 2010
http://racismoambiental.net.br/2012/05/mulheres-negras-e-mulheres-brancas-sao-desiguais-no-acesso-ao-pre-natal-nenhuma-morte-materna-a-mais/
Pode ser visto ou detectado em processos, atitudes ou comportamentos que denotam discriminação resultante de preconceito inconsciente, ignorância, falta de atenção ou de estereótipos racistas que colocam minorias étnicas em desvantagem.
Programa de Combate ao Racismo Institucional no Nordeste do Brasil - DFID/PNUD
Racismo institucional
O cuidado de saúde com qualidade é (1) seguro, (2) efetivo, (3) centrado no/a paciente, (4) preciso, (5) eficiente e (6) equitativo.
Na condição apresentada, avalie de 0-6 a qualidade do cuidado à puerpera, sendo
6- para todas as características e
0- para nenhuma característica.
Resultado do Racismo Institucional
O que está
acontecendo aqui?
Respostas?
- Por que é importante ter modelos didáticos representativos da diversidade étnica da clientela ? Qual efeito o modelo-bebê único, representativo do grupo étnico hegemônico pode ter sobre a saúde da gestante pertencente ao grupo socialmente vunerável?
O ensino sistematizado de preparação da gestante para o parto ativo e natural, incluindo aleitamento na primeira hora e exclusivo, é ação indispensável para a redução da mortalidade materna e empoderamento das mulheres negras. Todavia, as ideologias opressivas contaminam até a prática baseada em evidência.
Observe a cena.
Como você lida(ria) com isto?
Por exemplo:
- Como a gestante & família se sentiriam se soubessem que o boneco pedagógico "hegemônico" tem um impacto negativo sobre a saúde (desvalorização da auto-estima e não reconhecimento da identidade negra da gestante)?
Por quê a PNSIPN?
Cuidado
Centrado
no(a)
Paciente
Cuidado
baseado
em
evidência
científica
Raça/cor
informação
sobre a
QUALIDADE do
cuidado em saúde
Movimento Negro
Pesquisadores(as)
Negros(as) & Academia
Comunidades
negras tradicionais
Parcerias
&
Iniciativas
em Saúde
Sinergia
com políticas
que impactam os Determinantes
Sociais da
Saúde
Juventude Viva
Equidade no Pacto Nacional pela
redução da mortalidade materna
e neonatal: atenção à saúde das mulheres negras
HiperDia
Xingamento é raro.
O(s) racismo(s) no SUS opera(m) sinteticamente das seguintes formas:
Racismo(s) no SUS?
http://bvsms.saude.gov.br/bvs/publicacoes/perspectiva_equidade_pacto_nacional.pdf
Brasil Sorridente
Saúde do Homem
Unidade de Saúde
100% isenta de discriminação
isenta de "macumbofobia"
isenta de idadismo
isenta de homo/lesbofobia
Tópicos para
um plano estratégico de
implantação da
PNSIPN
Fonte: http://www.acphd.org/media/96199/strategicplan_directions.pdf
Resultados equitativos & envolvimento da comunidade
Prioridade: redução das iniquidades étnicas
Com base no plano operativo da PNSIPN e junto com a comunidade, diagnostique a(s) iniquidade(s) e estabeleça a(s) meta(s)
Monitoramento
&
Avaliação
estabeleça o plano de mensuração do desempenho de implantação da PNSIPN
Integração & Transversalidade
Desenvolva um processo integrado entre o desempenho dos programas e ações de saúde & a(s) redução(ões) na(s) iniquidade(s) étnico-racial(is)
Engajamento da(s) Comunidade(s)
Uso dos dados
na tomada de decisão
Intersetorialidade para abordar os DSS
Agenda com as instituições sociais para enfrentamento dos DSS
Empoderar a comunidade por meio da participação social desdo o planejamento até avaliação de ações e programas
Estabelecer alianças e parcerias para o avanço da PNSIPN e enfrentamento dos DSS
Criar uma cultura na US pró-políticas de equidade
Assegurar que os profissionais da US têm apoio para se engajar no processo de participação social

"na hora de fazer você não gritou"
Por quê uma PNSIPN?
A pessoa estigmatizada não é cuidada, é vilipendiada
A pessoa estigmatizada não é cuidada com base em evidência científica; é apenada.
A pessoa estigmatizada não entra numa Unidade de Saúde; entra em um tribunal.
A pessoa estigmatizada se relaciona com um(a) carrasco; não com um(a) profissional de saúde & bem-estar.
http://www.anf.org.br/na-hora-de-fazer-nao-gritou/#.UmEjOxBb5co
Como ter uma US de excelência neste contexto?
Racismo(s) no SUS?
O que está acontecendo aqui?
Na sua avaliação é:

A- Racismo estrutural
B- Racismo institucional
C- Racismo aversivo
Resposta
"Elas preferem fazer faxina"

Justificativa de um(a) gestor(a) à baixa adesão de mulheres negras à campanha pela mamografia
mulheres sem mamografia
B - Pt-Pd-Total
Observou a cena?
O que mais lhe toca na cena anterior?
Observou a cena?
O que lhe incomoda mais?
Observe a cena.
fazer o quê
A implantação da PNSIPN é factível e vantajosa para TODA a sociedade.
O(a) gestor(a) tem um "mandato" popular para gerir patrimônios, processos e políticas de interesse público e social.
É mais do que compromisso. É uma responsabilidade!
Todos(as) estão à sua disposição para a realização desta empreitada.
isabelcruz@id.uff.br
Saiba mais
PNSIPN - Um guia de implantação:
http://prezi.com/zdqo0vm_q-kh/?utm_campaign=share&utm_medium=copy
Equidade no SUS:
http://prezi.com/bwjprlsqbxuy/?utm_campaign=share&utm_medium=copy
Multiculturalismo & Saúde:
http://prezi.com/flbo2gs37oia/?utm_campaign=share&utm_medium=copy
PNSIPN - estratégias para o controle social
http://prezi.com/ddnglne26v0e/?utm_campaign=share&utm_medium=copy
Iniquidade no acesso ou no resultado terapêutico
Quer melhor serviço de saúde,
maior realização profissional,
maior satisfação do(a) paciente &
mais resultados terapêuticos?
Full transcript