Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

Colagem Surrealista

No description
by

Louise Oliveira

on 24 May 2014

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of Colagem Surrealista

"Duas Crianças Ameaçadas por Um Rouxinol", Max Ernest
"A Revolução à Noite"
Colagem Fotográfica de John Stezaker
"Os Homens Não Saberão de Nada"
Colagem de Jorge de Lima
É uma expressão artística, técnica, que utiliza a sobreposição, a dispersão de imagens e a junção de figuras distintas.
Foi desenvolvida desde os tempos antigos, porém, evidenciada a partir do século XX, através de movimentos como o Cubismo, o Dadaísmo e, principalmente, o Surrealismo.
Colagem Surrealista
Max Ernest
"Oedipus Rex"
"Além da pintura e de quadros, outras experimentações surrealistas foram feitas utilizando as características e conceitos da COLLAGE, como a criação do CADÁVER DELICADO ou CADAVRE EXQUIS, um dos jogos surrealistas no qual uma frase ou desenho era composta por várias pessoas, sem que nenhuma delas pudesse ter em consideração as colaborações precedentes. Nesse jogo havia uma junção de fragmentos totalmente descompromissada." (FONSECA, p. 59, 60)
Max Ernest foi um dos principais artistas que utilizaram a colagem.
Para ele, a colagem era "um instrumento hipersensível e rigorosamente exato, semelhante ao sismógrafo, capaz de registrar a quantidade exata das possibilidades de felicidade humana em qualquer época" (ALEXANDRIAN, 1973, p. 11)
Através de técnicas como automatismo, associação livre, hipnose, COLAGEM, escrita automática, etc, os surrealistas, se utilizavam para liberar o imaginativo e o criativo do subconsciente.
"A COLLAGE, como lugar de encontros, obriga as figuras recortadas a narrarem outras histórias, muitas vezes distintas daquelas a que foram destinadas ou representavam originalmente". Fernando Freitas Fuão
A colagem chamou a atenção dos surrealistas pela sua linguagem, isto porque segundo Fuão, "A collage surrealista possui características muito próximas ao mundo dos sonhos. Os surrealistas viram nela o meio mais apropriado para expressar suas ideias, para expressar o mundo do inconsciente."
O termo COLLAGE foi criado por Max Ernest em 1918, diferenciando-se de COLAGEM e resistiu até os dias atuais.
Segundo Sérgio Lima, "COLLAGE é o termo para indicar um processo de linguagem que se utiliza de imagens já existentes e, em geral, já impressas. COLAGEM é um termo genérico e serve para designar todo e qualquer trabalho que resulte da aplicação de material colado num plano."
"A COLLAGE permite uma nova forma de olhar através do ato de re-ver as imagens em si mesma, perfura-las com a tesoura e desloca-las de sua realidade inicial." Giovana Santini
Colagem contemporânea de Felipe Guga
"Celebes", "O elefante Celebes"
Colagem contemporânea de Rafael Castilho
Colagem contemporânea de Felipe Guga
Colagem de Jean Lecointre
Colagem contemporânea com LP's
Colagem contemporânea
Colagem contemporânea de Joseba Elorza
Colagem contemporânea
Full transcript