Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Permacultura

No description
by

James Soares

on 13 August 2016

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of Permacultura

Permacultura
Construindo novas relações com o meio e a natureza

"A Permacultura foi desenvolvida na Austrália no final da década de 70, pelo cientista Bill Mollison em parceria com seu aluno David Holmgren. (...) O nome faz uma relação a “cultura permanente”, associando práticas ancestrais às tecnologias apropriadas da ciência moderna a partir da elaboração, implantação e manutenção de assentamentos humanos sustentáveis. O projeto permacultural resulta na integração harmoniosa entre as pessoas e a paisagem, provendo alimentação, energia e habitação, dentre outras necessidades, de forma orgânica." ¹
Referências:
1 - http://viverforadosistema.org.br/autossuficiencia/o-que-e-permacultura-e-como-ela-pode-salvar-o-planeta/
Para permitir essa integração do homem com a natureza a Permacultura contemporânea se sustenta em alguns pilares fundamentais, são eles:

"Cuidar da Terra
: Provisão para que todos os sistemas de vida continuem e se multipliquem. Este é o primeiro princípio, porque sem uma terra saudável, os seres humanos não podem exercer suas qualidades.
Cuidar das Pessoas
: Provisão para que as pessoas acessem os recursos necessários para sua existência.
Repartir os excedentes:
Ecossistemas saudáveis utilizam a saída de cada elemento para nutrir os outros. Nós, os seres humanos, podemos fazer o mesmo, compartilhando os excedentes, inclusive os conhecimentos.
Limite de Consumo
: Usar apenas o necessário e reutilizar sempre o que puder, visando sempre a sustentabilidade e a redução tanto de custos, mas como também de recursos."²
Esses pilares fundamentais fazem da permacultura muito mais que uma técnica ou um pacote fechado, muito mais complexa do que uma agricultura sem agrotóxicos, ecológica ou sustentável. Ela se torna uma forma de viver, enxergar e construir relações com o entorno e que pode ou não empregar técnicas de agricultura sustentável no processo de design do projeto permacultural e na construção de relações com o meio de forma sustentável e equilibrada que começa inclusive na escolha da posição de cada item e na forma como são construídas as estruturas no meio.

Além dos pilares fundamentais, também foram desenvolvidos 12 princípios básicos para o design permacultural, são eles:
"
1 -

Observe e interaja
: Alocando tempo para engajar-nos com a natureza, podemos desenhar soluções adequadas à nossa situação particular.
2 -

Capte e armazene energia
: Desenvolvendo sistemas que coletem recursos que estejam no pico de abundância, podemos utilizá-los quando houver necessidade.
3 -

Obtenha rendimento
: Assegure-se de que esteja obtendo recompensas verdadeiramente úteis como parte do trabalho que você está fazendo.
4 -

Pratique auto-regulação e aceite retornos
: Precisamos desencorajar atividades inapropriadas para garantir que os sistemas continuem funcionando bem.". ²
"
5 - Utilize e valorize recursos e serviços renováveis:
Faça o melhor uso da abundância da natureza para reduzir nosso comportamento consumista e nossa dependência de recursos não renováveis.
6 - Evite o desperdício:
Valorizando e fazendo uso de todos os recursos que estão disponíveis para nós, nada será desperdiçado.
7 - Projete os padrões aos detalhes:
Dando um passo atrás, podemos observar padrões na natureza e na sociedade. Estes padrões podem formar a espinha dorsal de nossos projetos, com os detalhes sendo preenchidos conforme avançamos.
8 - Integrar ao invés de segregar:
Colocando as coisas certas no local certo, fazemos com que as relações entre uma e outra se desenvolvam e elas passam a trabalhar juntas para ajudar uma à outra."²
"
9 - Utilize soluções pequenas e lentas
: Sistemas pequenos e lentos são mais fáceis de manter do que sistemas grandes, fazendo uso mais adequado de recursos locais e produzindo resultados mais sustentáveis.
10 - Utilize e valorize a diversidade
: A diversidade reduz a vulnerabilidade à uma variedade de ameaças e tira vantagem da natureza única do ambiente na qual reside.
11- Utilize bordas e valorize elementos marginais
: A interface entre as coisas é onde os eventos mais interessantes ocorrem. É onde frequentemente estão os elementos mais valiosos, diversificados e produtivos de um sistema.
12 - Utilize e responda criativamente às mudanças
: Podemos ter um impacto positivo nas mudanças inevitáveis se as observarmos com atenção e intervirmos no momento certo."²
Por ser uma forma de integração e relação das pessoas com o entorno, a permacultura, como outras formas de agricultura, não precisa ser praticada somente em áreas rurais, sendo possível desenvolver práticas permaculturais no ambiente urbano com algumas adaptações ou em menor escala. É possível compostar o lixo orgânico, construir ou adaptar casas para que produzam energia, conservem a temperatura ambiente, criar telhados verdes, jardins e hortas em casa, praças ou lotes vagos cuidando do espaço público e dando destinação ao lixo que de outra manerira não teria uma destinação correta.
Horta do ciclista - São Paulo Av. Paulista entre Bela Cintra e Consolação
Horta/telhado verde em edíficio - Nova Iorque
Compostagem residencial
"Resgatar e amar um pedaço da Mãe Terra é muito mais profundo do que simplesmente criar sistemas para manter vivo o nosso corpo físico: é o resgate profundo da relação do homem com a Natureza, de substituir o tempo de relógio - nossa escravidão - por ritmos.
Tempo de caju, tempo de manga. O levantar e pôr do sol. A lua minguando e crescendo...
E percebemos que, de fato, precisamos de MUITO POUCO para sentir a felicidade; que a integração com a beleza natural é uma fonte de satisfação mais profunda e serena do que grandes conquistas no mundo urbano.”
Marsha Hanzi (trecho do livro O Sítio Abundante)
2 - https://pt.wikipedia.org/wiki/Permacultura
Imagens retiradas do Google Imagens
Sites interessantes:
https://biowit.wordpress.com/downloads/
https://biowit.files.wordpress.com/2010/10/fundamentos_permacultura1.pdf
http://www.mma.gov.br/estruturas/sedr_proecotur/_publicacao/140_publicacao15012009110921.pdf
https://permacoletivo.wordpress.com/materiais-para-downloads/
Full transcript