Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

Copy of Acessibilidade e Mobilidade para todos

Ana Filipa Paiva
by

Anderson Bueno

on 18 November 2014

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of Copy of Acessibilidade e Mobilidade para todos

“POEIRA NOS OLHOS” - PALLACE II
CONSTRUÇÃO:
PALACE II
Anderson Luiz Bueno e Silva
Christian Walter Brito Melo
Francisco Mota Freitas Júnior

Status:
Destruído por desabamento

Demolição:
28 de fevereiro de1998

Inauguração:
1996

Período de construção:
1990-1996

Uso:
Residencial


Altura

Telhado:
130m

Características

Andares:
22
Foi um edifício residencial que ficou famoso pelo seu trágico desabamento, ocorrido em 22 de fevereiro de 1998 consequentemente acarretando vítimas fatais, procura de culpados, brigas judiciais, causa de desmoronamentos, imprudência técnica, dentre outros.
PRIMEIRO DESMORONAMENTO
O primeiro desmoronamento ocorreu por volta das 4 horas do dia 22 de fevereiro de 1998, quando as colunas 1 e 2 do edifício, onde havia 44 apartamentos, desabaram. Oito pessoas morreram como resultado do incidente.

Em 24 de fevereiro, a prefeitura anunciou que a implosão do edifício ocorreria dentro de cinco dias.

SEGUNDO DESMORONAMENTO
O segundo desmoronamento ocorreu pouco antes das 13:00 horas do dia 27 de fevereiro de 1998. Trinta minutos antes do desmoronamento, o laudo técnico recomendava que os moradores voltassem ao edifício para recuperar seus bens, quando uma inexplicável coluna d'água irrompe da cobertura do vigésimo terceiro andar com toneladas de água.
CAUSAS:
USO DE MATERIAL INADEQUADO
Esse erro pode acontecer tanto na fase de projetação ou ainda de execução, como o material adequado a função não foi utilizado a estrutura não consegue ser eficaz, sendo necessário a sua substituição para a correção da patologia.
Foram encontrados pilares ocos e indícios de que a construção foi feita com areia da praia.
Peritos verificaram que o concreto do prédio era fraco, possivelmente feito com areia da praia, e possuía muitas bolhas de ar
CAUSAS:
USO DE MATERIAL INADEQUADO
A avaliação dos especialistas
FALHA EM PILAR
O desabamento do edifício Palace 2, que causou a morte de oito pessoas aconteceu devido a uma falha no detalhamento da armação de dois pilares, e não pela utilização de material de má qualidade. A realização da planta de um edifício é dividida em três etapas: o cálculo, o dimensionamento e o detalhamento. A falha que causou o desabamento ocorreu nessa última etapa, quando o calculista transforma o projeto em desenhos, para facilitar o trabalho do mestre-de-obras.

Os pilares P4 e P44 que causaram o desabamento por estarem subdimensionados foram projetados para suportar 480 toneladas, mas, por uma falha de detalhamento, foram executados para suportar somente 230 toneladas. Segundo a ABNT, um pilar deve ter o coeficiente mínimo de segurança 1,4. O P4 e o P44 apresentaram o coeficiente de 0,66.
PILARES
Os pilares são responsáveis por transportar as ações dos pavimentos da obra para as fundações e garantir a estabilidade global da estrutura. Na engenharia estrutural os pilares em concreto armado, são dimensionados a resistir a compressão e a flambagem, envergadura.
PILARES
A armadura de um pilar é feita de estribos presos, que tem por finalidade suportar o esforço transverso da estrutura e apoiar a armadura longitudinal durante o processo de betonagem, para que esta mantenha a sua posição, a vergalhões com arames recozidos duplos, sendo que tudo deve ser feito de acordo com o projeto da estrutura, que determina o tipo de aço, as bitolas, o dimensionamento e o posicionamento das barras.
BARRA ONE
Após a comoção gerada quando desabou o Palace II a construtora Calçada lança no mesmo lugar o Barra One. Com 180 apartamentos de dois, três ou quatro dormitórios e 64, 95 e 113 m².
IMPLOSÃO
Ocorreu ao meio-dia de 28 de fevereiro de 1998. A implosão foi feita pela empresa CDI Implosões, e transmitida ao vivo para todo o Brasil pela televisão.
Full transcript