Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

Nazismo

A fria modernidade
by

Gabi Romig

on 4 September 2015

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of Nazismo

NAZISMO
A FRIA MODERNIDADE
Frankiani Costa,
Gabrielli Romig,
Marcia Fressato,
Matheus Rossi e
Victor Juan.
2° TC
Equipe
Introdução
Queremos com este trabalho mostrar a modernidade e a frieza da Segunda Guerra Mundial, focando na ação desumana dos nazistas afim de fazer-lhes sentir a compaixão que as pessoas que cometeram esse ato não tiveram.
O Nazismo
Quando ouvimos a palavra

NAZISMO

automaticamente já pensamos em:
2° Guerra Mundial, Alemanha, Hitler, Judeus, e

MORTES,

muitas mortes, a grande maioria delas sem compaixão nem piedade.
A Evolução...
Os Primeiros Passos
NO INICIO NÃO ERA ASSIM...
Racional
Planejado
Eficiente
Burocrático
Fundamentado
Especializado
Quando por fim os nazistas perceberam que tiros não seriam suficientes para eliminar 11 Milhões
*
de Judeus, logo recorreram a uma solução mas rápida e moderna:
AS CÂMARAS DE GÁS
*
Número de Judeus presente na Europa naquela época.
O HOLOCAUSTO FOI FEITO AO MODO MODERNO:
Antes da invenção da alta tecnologia de extermínio em massa ocasionada pelas câmaras de gás, os prisioneiros eram mortos a base de tiros, sufocamento pelo monóxido de carbono (liberado pelos caminhões) ou até mesmo de fome e frio.
A Fria Modernidade
O extermínio nas câmaras de gás, era rápido, prático, e não deixavam vestígios algum.
Após alguns estudos o extermínio em massa evoluiu....
Criaram salas trancadas que sufocavam os prisioneiros, usavam pesticida, o que era barato e eficiente e após essa morte rapida e certeira, os alemães queimavam os corpos nos fornos conveniados as câmaras de gás.
Tudo isso foi planejado nos mínimos detalhes e para se livrarem da acusação de crime de guerra.
O INSETICIDA.
Idosos, crianças, pessoas doentes ou com limitações físicas não serviam para o trabalho nos campos de concentração, portanto eram os primeiros a serem encaminhados para execução.
As câmaras de Auschwitz comportavam 800 pessoas e se houvesse superlotação, quem sobrava era morto a tiros na hora. Quando o veneno começava a fazer efeito, as pessoas se distanciavam das saídas de gás e se amontoavam nas portas.

Para conduzir os prisioneiros para a câmara de gás, com mais facilidade e sem pânico, médicos e soldados diziam a eles que seriam levados para tomar um banho, que receberiam roupas limpas e se juntariam a sua família.

O ÚLTIMO BANHO.
IBM e o Holocausto
O Holocausto foi facilitado graças à tecnologia desenvolvida pela IBM, permitindo que Hitler automatizasse sua perseguição aos judeus e outros “inimigos”, através da geração de listas de grupos de pessoas que deveriam ser enviadas aos campos de concentração.

Especialistas dizem que o
número de mortes
só foi possível graças a tecnologia criada pela
IBM
.
Número de Mortes

A tecnologia usada para o mal
Hollerith: está foi a máquina utilizada pelos nazistas;
Que armazenava dados em cartões através de uma série de perfurações que representavam diferentes tipos de informações, tais como idade, religião, educação e endereço.
Implementação da Hollerith
Outras implementações
Foram utilizadas dentro dos campos de concentração também, para organizar diversas coisas como: a distribuição de alimentos; identificar, rastrear e gerenciar mão-de-obra escrava; controlar a circulação de trens, o número de mortos, como foram mortos, etc.
Logo que assumiu o governo, Hitler determinou que um meticuloso censo da população alemã fosse realizado.
Foi então que os nazistas decidiram empregar as máquinas de Hollerith para automatizar o processo de recenseamento através de cartões perfurados.
Com esses registros, os nazistas organizaram e administraram a identificação inicial e posterior expulsão de inimigos do regime, o confisco de suas propriedades, a deportação a campos de concentração e, finalmente seu e extermínio
Conclusão
"Os mortos recebem mais flores que os vivos, porque o remorso é mais forte que a gratidão."
Anne Frank
Concluimos com esse trabalho que se não fossem os avanços tecnológicos, o holocausto provavelmente não teria tomado a dimensão que tomou.
Percebemos também o quão fácil é estudar sobre o Nazismo mais o quão difícil é falar e refletir sobre os atos cometidos.
Terminamos enfim com a convicção de que nós, JAMAIS devemos deixar isso se repetir.
Depois do Exterminío
Os sonderkommando eram prisioneiros porém com função de auxiliar no processo de extermínio.

Depois que todos estivessem mortos, eles limpavam as câmaras e verificavam a arcada dentária de cada vítima, em busca de dentes de ouro e objetos de valor, como joias escondidas. Depois, queimavam os corpos em fornos gigantes para eliminar qualquer vestígio do processo de extermínio.
Médicos e Monstros
Trancados em enfermarias e laboratórios nazistas, prisioneiros escolidos "a dedo" passaram por coisas inimagináveis.
Eram chamados de Lebensunwertes Leben
(vidas indignas de serem vividas)
Eles eram "cobaias" das experiências nazistas, forçados a sensações terriveis, até o corpo não suportar e vir a falecer.
Em 1939, examinaram 250 mil pacientes psiquiátricos e condenaram mais de 75 mil a eutanásia.
Experiências Nazistas
Em 1941, o extermínio de doentes foi proibido, mas eles continuaram fazendo isso em silencio, matando 100 mil pessoas de fome.
Tinham um projeto para a solução final,que mataria 11 milhões de judeus em campos de concentração.
Então cientistas nazistas se convenceram que “Judeus são ratos.

E ratos são cobaias. Logo, judeus são cobaias”.
Tecnologia Alemã
Pode-se afirmar que, a tecnologia foi importante nesse período por quê ocorreram vários avanços militares, e o desenvolvimento de diversas tecnologias mortíferas.
Hitler tinha a sua disposição engenheiros qualificados e projetos audaciosos.

Os projetos que deram certo são:
Visão noturna para rifles StG
Se hoje os exércitos podem desfrutar de óculos de visão noturna, grande parte disso se deve ao Zielgerät 1229, um complemento para o rifle sturmgewehr 44. O aparelho permitia ver seus inimigos em áreas sem iluminação e a noite.

Zielgerät 1229
Panzerkampfwagen VIII Maus
a máquina indestrutível
Engenheiros nazistas criaram um tanque muito melhor e mais bem equipado. Enquanto um panzer normal pesava 24 toneladas o Panzerkampfwagen VIII Maus pesava 180 toneladas. Mas ele não saiu do projeto, porquê blindagem e metal custariam muito caro, ele não atingiria velocidade superior a 13km/h.
Messerschmitt Me 262
A nova era da aviação
Foi o primeiro avião com turbinas a jato utilizado em combates, o que permitia que o nível das batalhas fossem elevados, principalmente em velocidade.
Sendo assim não é necessario ter pidedade, compaixão ou pena para com eles, fazendo então o que bem quiserem.
Full transcript