Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

Untitled Prezi

No description
by

jesus salazar

on 10 February 2013

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of Untitled Prezi

Tese
Modelagem do Desempenho Ambiental de Projetos de E&P Despesas Operacionais (*) Deve-se, com o objetivo de apresentar maior grau de detalhe, indicar o confronto Despesas Financeira X Receita Financeira dentro do grupo de Despesas Operacionais, descontando seus respectivos valores D.R.E. e suas Contas O fato gerador é
a Receita Impostos e Taxas s/ Vendas
. IPI
. ICMS
. ISS
. PIS
. COFINS
Devoluções (vendas canceladas)
Abatimentos (descontos) Receitas Bruta
(-) Deduções da Receita
= Receita Líquida
(-) Custos das Vendas
= Lucro Bruto
(-) Despesas Operacionais
= Lucro Operacional
(-) Despesas não Operacionais
+ Receitas não Operacionais
= Lucro Antes do Imposto de Renda (LAIR)
(-) Provisão para Imposto de Renda
= Lucro Depois do Imposto de Renda DESPESAS CUSTOS GASTOS CUSTOS: SÃO GASTOS EFETUADOS PARA OBTER-SE UM PRODUTO / SERVIÇO
DESPESAS: SÃO GASTOS EFETUADOS PARA OBTER-SE RECEITAS DIFERENÇA ENTRE CUSTOS E DESPESAS e Custos
Despesas Resultado Vendas RECEITA (-) CUSTOS/DESPESAS = RESULTADOS DEMONSTRAÇÃO DO RESULTADO DO EXERCÍCIO A apuração é realizada de forma destacada na DRE. Confronto entre Receitas e Despesas
Receitas > Despesas  Lucro
Receitas < Despesas  Prejuízo Características:
Apuração realizada à cada exercício social
Resumo ordenado das Receitas e Despesas do
período APURAÇÃO DO RESULTADO Capítulo 5 D.R.E. e suas Contas Receita Bruta $ 13.000
(-) Deduções IPI  $ (3.000)
ICMS  $ (1.800)
Receita Líquida $ 8.200 DRE - Cia. Balanceada Nota Fiscal__________ Cia. Balanceada
___________________ R.......................
___________________ S/P - São Paulo

Preço do Produto 10.000
+ IPI (30%) 3.000
Preço Total 13.000

ICMS incluso no Preço 18% x
$ 10.000 $ 1.800
______________ = ________________
______________ ________________ Admita-se que a Cia. Balanceada, indústria, tenha emitido uma nota fiscal de venda cujo preço do produto seja de $ 10.000 mais 30% de IPI. O ICMS está incluso no preço do produto: IPI - Imposto sobre Produtos Industrializados (governo federal).
ICMS - Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (governo estadual).
ISS - Imposto Sobre Serviços de qualquer natureza (governo municipal).
PIS - Programa de Integração Social-taxa sobre o faturamento (governo federal).
COFINS - Contribuição para a Seguridade Social. Receita Bruta
(-) Deduções
Receita Líquida A Receita Bruta é o total bruto vendido no período. Nela estão inclusos os impostos sobre vendas (os quais pertencem ao governo) e dela não foram subtraídas as devoluções (vendas canceladas) e os abatimentos (descontos) ocorridos no período.
Impostos e Taxas sobre vendas são aqueles gerados no momento da venda; variam proporcionalmente à venda, ou seja, quanto maior for o total de vendas, maior será o imposto. São os mais comuns: DETALHES DE INFORMAÇÃO DA D.R.E Lucro líquido retido na empresa Sócios/Acionistas – distribuição do lucro (Dividendos – esta última distribuição é indicada na Demonstração de Lucros ou Prejuízos Acumulados LUCRO LÍQUIDO
(-) Partic. Dos donos Há pessoas que, voluntária ou invontariamente, terão um “fatia do lucro” : Governo (através do Imposto de Renda); administradores, empregados (gratificação) etc. LUCRO ANTES DA DISTRIBUIÇÃO
(-) Partic. Terceiros Geralmente, são gastos imprevisíveis, anormais, extraordinários, que não contribuem para a obtenção de receita (vendas). LUCRO OPERACIONAL
(-) Perdas Despesas Operacionais RECEITA BRUTA
(-) Deduções
Receita Líquida
(-) Custo das Vendas
Lucro Bruto
(-) Despesas Operacionais
Lucro operacional Despesas Operacionais
As despesas operacionais são as necessárias para vender os produtos, administrar a empresa e financiar as operações. Enfim, são todas as despesas que contribuem para a manutenção da atividade operacional da empresa. Os principais grupos de Despesas Operacionais são especificados a seguir: São os gastos de escritório, gastos para administrar (despesas administrativas) a empresa como um todo: desde o esforço para colocar os produtos ao cliente (despesas de vendas: propaganda, comissão) até a remuneração ao capital de terceiros (despesa financeira: juros). LUCRO BRUTO
(-) Despesas São somente os gastos da Fábrica (gastos de produção), incluindo matéria-prima, mão-de-obra, depreciação de bens da fábrica, aluguel da fábrica, energia elétrica da fábrica etc. RECEITA LÍQUIDA
(-) Custos do período Total Geral das Vendas
Neste grupo incluem-se todos os valores que não representam sacrifícios financeiros (esforços) para a empresa, mas que são meros ajustes para se chegar a um valor mais indicativo que é a Receita Líquida, como por exemplo, impostos cobrados do consumidor no momento da venda. RECEITA BRUTA
(-) Deduções DETALHES DE INFORMAÇÃO DA D.R.E Jesús Salazar Aramayo Contabilidade Empresarial Jesús Salazar Aramayo Contabilidade Empresarial Despesas Operacionais Se as Receitas Financeiras forem maiores que as Despesas
Financeiras, o saldo reduzirá a conta de Despesas Operacionais Custos das Vendas representam os gastos de
“produção” apropriados aos produtos ou serviços vendidos. Despesas Operacionais são os gastos incorridos
para: vender, administrar e financiar as operações. Receitas Bruta
(-) Deduções da Receita
= Receita Líquida
(-) Custos das Vendas
= Lucro Bruto
(-) Despesas Operacionais
= Lucro Operacional
(-) Despesas não Operacionais
+ Receitas não Operacionais
= Lucro Antes do Imposto de Renda (LAIR)
(-) Provisão para Imposto de Renda
= Lucro Depois do Imposto de Renda RECEITA BRUTA
(-) Deduções
Receita Líquida
(-) Custo das Vendas
Lucro Bruto
(-) Despesas Operacionais
Lucro operacional a) Despesas de vendas
Abrangem desde a promoção do produto até sua colocação junto ao consumidor (comercialização e distribuição). São despesas com o pessoal da área de venda, comissões sobre vendas, propaganda e publicidade, marketing, estimativa de perdas com duplicatas derivadas de vendas a prazo (provisão para devedores duvidosos), etc.
b) Despesas administrativas
São aquelas necessárias para administrar (dirigir) a empresa. De maneira geral, são gastos nos escritórios que visam à direção ou à gestão da empresa.
Pode-se citar como exemplos: honorários administrativos, salários e encargos sociais do pessoal administrativo, aluguéis de escritórios, materiais de escritório, seguro de escritório, depreciação de móveis e utensílios, assinaturas de jornais, etc.
c) Despesas Financeiras
São as remunerações aos capitais de terceiros, tais como: juros pagos ou incorridos, comissões bancárias, correção monetária prefixada sobre empréstimos, descontos concedidos, juros de mora pagos, etc. Despesas Operacionais RECEITA BRUTA
(-) Deduções
Receita Líquida
(-) Custo das Vendas
Lucro Bruto
(-) Despesas Operacionais
Lucro operacional Despesas Operacionais
As despesas operacionais são as necessárias para vender os produtos, administrar a empresa e financiar as operações. Enfim, são todas as despesas que contribuem para a manutenção da atividade operacional da empresa. Os principais grupos de Despesas Operacionais são especificados a seguir: D.R.E. e suas Contas O fato gerador é
a Receita Impostos e Taxas s/ Vendas
. IPI
. ICMS
. ISS
. PIS
. COFINS
Devoluções (vendas canceladas)
Abatimentos (descontos) Receitas Bruta
(-) Deduções da Receita
= Receita Líquida
(-) Custos das Vendas
= Lucro Bruto
(-) Despesas Operacionais
= Lucro Operacional
(-) Despesas não Operacionais
+ Receitas não Operacionais
= Lucro Antes do Imposto de Renda (LAIR)
(-) Provisão para Imposto de Renda
= Lucro Depois do Imposto de Renda DESPESAS CUSTOS GASTOS CUSTOS: SÃO GASTOS EFETUADOS PARA OBTER-SE UM PRODUTO / SERVIÇO
DESPESAS: SÃO GASTOS EFETUADOS PARA OBTER-SE RECEITAS DIFERENÇA ENTRE CUSTOS E DESPESAS A apuração é realizada de forma destacada na DRE. Confronto entre Receitas e Despesas
Receitas > Despesas  Lucro
Receitas < Despesas  Prejuízo Características:
Apuração realizada à cada exercício social
Resumo ordenado das Receitas e Despesas do
período APURAÇÃO DO RESULTADO Despesas Operacionais (*) Deve-se, com o objetivo de apresentar maior grau de detalhe, indicar o confronto Despesas Financeira X Receita Financeira dentro do grupo de Despesas Operacionais, descontando seus respectivos valores São os gastos de escritório, gastos para administrar (despesas administrativas) a empresa como um todo: desde o esforço para colocar os produtos ao cliente (despesas de vendas: propaganda, comissão) até a remuneração ao capital de terceiros (despesa financeira: juros). LUCRO BRUTO
(-) Despesas São somente os gastos da Fábrica (gastos de produção), incluindo matéria-prima, mão-de-obra, depreciação de bens da fábrica, aluguel da fábrica, energia elétrica da fábrica etc. RECEITA LÍQUIDA
(-) Custos do período Total Geral das Vendas
Neste grupo incluem-se todos os valores que não representam sacrifícios financeiros (esforços) para a empresa, mas que são meros ajustes para se chegar a um valor mais indicativo que é a Receita Líquida, como por exemplo, impostos cobrados do consumidor no momento da venda. RECEITA BRUTA
(-) Deduções DETALHES DE INFORMAÇÃO DA D.R.E

Demonstração
do Resultado do Exercício - DRE Capítulo 5 Jesús Salazar Aramayo Contabilidade Empresarial O lucro líquido é a sobra líquida à disposição dos proprietários (sócios ou acionistas). Lucro Depois do Imposto de Renda
(-) Doações e Contribuições
(-) Participações
Lucro Líquido COMO APURAR O LUCRO LÍQUIDO O Imposto de Renda incide sobre o lucro da empresa.
Quando se apura no exercício social um lucro de $ 100 milhões, declara-se e recolhe-se aos cofres públicos (governo federal), geralmente 15% (quinze por cento) sobre o lucro referente a Imposto Renda normal (15 milhões = 15% de $ 100 milhões). Na verdade, é uma parcela do lucro canalizada para o governo. Lucro Antes do Imposto de Renda
(-) Provisão para Imposto de Renda
= Lucro Depois do Imposto de Renda COMO APURAR O LUCRO DEPOIS DO IMPOSTO DE RENDA As despesas e receitas não relacionadas diretamente com o objetivo do negócio da empresa são classificadas como Não Operacionais. Lucro Operacional
(-) Despesas não operacionais
(+) Receitas não Operacionais
= Lucro Antes do Imposto de Renda (LAIR) COMO APURAR O LUCRO ANTES DO IMPOSTO DE RENDA Despesas Operacionais Se as Receitas Financeiras forem maiores que as Despesas
Financeiras, o saldo reduzirá a conta de Despesas Operacionais Receitas Financeiras
. Aplicações financeiras
. Juros de mora recebido
. Descontos obtidos
. ....... Despesas Financeiras
. Juros incorridos (pagos ou não)
. Juros de mora pagos
. Descontos concedidos
. Comissões bancárias
. Correção monetária sobre empréstimos
. CPMF
. ....... Despesas Operacionais
. Vendas
. Administrativas
. Financeiras Custos das Vendas representam os gastos de
“produção” apropriados aos produtos ou serviços vendidos. Despesas Operacionais são os gastos incorridos
para: vender, administrar e financiar as operações. Receitas Bruta
(-) Deduções da Receita
= Receita Líquida
(-) Custos das Vendas
= Lucro Bruto
(-) Despesas Operacionais
= Lucro Operacional
(-) Despesas não Operacionais
+ Receitas não Operacionais
= Lucro Antes do Imposto de Renda (LAIR)
(-) Provisão para Imposto de Renda
= Lucro Depois do Imposto de Renda DETALHES DE INFORMAÇÃO DA D.R.E Lucro líquido retido na empresa Sócios/Acionistas – distribuição do lucro (Dividendos – esta última distribuição é indicada na Demonstração de Lucros ou Prejuízos Acumulados LUCRO LÍQUIDO
(-) Partic. Dos donos Há pessoas que, voluntária ou invontariamente, terão um “fatia do lucro” : Governo (através do Imposto de Renda); administradores, empregados (gratificação) etc. LUCRO ANTES DA DISTRIBUIÇÃO
(-) Partic. Terceiros Geralmente, são gastos imprevisíveis, anormais, extraordinários, que não contribuem para a obtenção de receita (vendas). LUCRO OPERACIONAL
(-) Perdas Distribuição do lucro líquido LUCROS ACUMULADOS
(SALDO DO BALANÇO) DIVIDENDOS CAPITAL SOCIAL RES.DE LUCROS LUCROS ACUMULADOS
(SALDO A DESTINAR) LUCRO LÍQUIDO e Custos
Despesas Resultado Vendas RECEITA (-) CUSTOS/DESPESAS = RESULTADOS DEMONSTRAÇÃO DO RESULTADO DO EXERCÍCIO D.R.E. e suas Contas Receita Bruta $ 13.000
(-) Deduções IPI  $ (3.000)
ICMS  $ (1.800)
Receita Líquida $ 8.200 DRE - Cia. Balanceada Nota Fiscal__________ Cia. Balanceada
___________________ R.......................
___________________ S/P - São Paulo

Preço do Produto 10.000
+ IPI (30%) 3.000
Preço Total 13.000

ICMS incluso no Preço 18% x
$ 10.000 $ 1.800
______________ = ________________
______________ ________________ Admita-se que a Cia. Balanceada, indústria, tenha emitido uma nota fiscal de venda cujo preço do produto seja de $ 10.000 mais 30% de IPI. O ICMS está incluso no preço do produto: IPI - Imposto sobre Produtos Industrializados (governo federal).
ICMS - Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (governo estadual).
ISS - Imposto Sobre Serviços de qualquer natureza (governo municipal).
PIS - Programa de Integração Social-taxa sobre o faturamento (governo federal).
COFINS - Contribuição para a Seguridade Social. Receita Bruta
(-) Deduções
Receita Líquida A Receita Bruta é o total bruto vendido no período. Nela estão inclusos os impostos sobre vendas (os quais pertencem ao governo) e dela não foram subtraídas as devoluções (vendas canceladas) e os abatimentos (descontos) ocorridos no período.
Impostos e Taxas sobre vendas são aqueles gerados no momento da venda; variam proporcionalmente à venda, ou seja, quanto maior for o total de vendas, maior será o imposto. São os mais comuns: DRE – BP - DLPAc 3. Canalização de
lucro retido 2. Transferência p/
Lucros Acumulados 1. Apuração do Lucro Roteiro Contábil D
i
v
i
d
e
n
d
o
s + Lucro Líquido deste Exerc. Saldo de Ano(s) anterior(es) D.L.P.Ac Investidores
(Sócios ou Acionistas) Capital de
Terceiros Lucro Líquido (-) Desp/Custo Receita D.R.E. ATIVO Aplicação
de
Recursos PASSIVO Balanço Patrimonial Patrimônio
Líquido
Full transcript