Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

O desenvolvimento dos meios de comunicação

No description
by

Eliana Gonçalves

on 18 March 2015

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of O desenvolvimento dos meios de comunicação

Índice
1.
Introdução;
2.
Breve apontamento biográfico - Hans Christian Oersted, Michael Faraday, James Clerk Maxwell, Heinrich Rudolf Hertz e Guglielmo Marconi;
3.
Experiências efetuadas por Oersted e Faraday e sua relação com a experiência de Hertz;
4.
Teoria do eletromagnetismo de Maxwell, que levou à descoberta das radiações eletromagnéticas;
5.
Experiência realizada pelo físico alemão Hertz, que permitiu a confirmação da teoria de Maxwell;
6.
Trabalhos efetuados pelo inventor italiano Marconi que, baseando-se na experiência de Hertz, conseguiu a transmissão de sinais a longas distâncias, através de ondas rádio;
7.
Impacto desta descoberta no desenvolvimento tecnológico, permitindo a emissão e receção de ondas rádio por antenas (tal como se passa na bobina da experiência de Hertz);
8.
Importância dos trabalhos de Maxwell, Hertz e Marconi nos meios de comunicação atuais: rádio, televisão e comunicação por satélite;
9.
Conclusão.
2.Breve apontamento biográfico

Hans Christian Oersted
(1777-1851) - foi um físico dinamarquês considerado o “Pai do Eletromagnetismo”.

Michael Faraday
(1791-1867) - foi um físico e químico inglês, tendo sido ele o inventor do primeiro motor eletromagnético.

James Clerk Maxwell

(1831-1879) - foi um físico escocês. Realizou muitos trabalhos sobre o eletromagnetismo.

Heinrich Rudolf Hertz
(1857-1894) - foi um físico alemão. Demonstrou, experimentalmente, a existência de ondas eletromagnéticas.

Guglielmo Marconi

(1874-1937) - foi um físico italiano. Foi o inventor do primeiro telégrafo sem fios.
3.Experiências efetuadas por Oersted e Faraday e sua relação com a experiência de Hertz
Em 1820, Oersted, durante uma das suas aulas, fez passar uma corrente elétrica por um fio e junto deste encontrava-se uma bússola e, através desta experiência, Oersted verificou que quando a corrente elétrica atravessava o fio, a bússola desviava-se, passando a orientar-se de uma forma perpendicular ao fio. Ficou provado, desta forma, que uma corrente elétrica produz um efeito magnético.
Mais tarde, em 1830, Faraday mostrou que quando se move um íman nas proximidades de uma bobina condutora, esta é percorrida por uma corrente de indução, isto é, origina uma força eletromotriz induzida nos terminais da bobina.
Faraday enunciou assim, a lei que traduz o fenómeno de indução magnética.
Os seus estudos teóricos sobre as linhas de campo abriram novos caminhos para o estabelecimento da teoria das ondas eletromagnéticas e permitiram ao alemão Heinrich Hertz, por volta de 1885, provar a existência de ondas eletromagnéticas.


4.Teoria do eletromagnetismo de Maxwell, que levou à descoberta das radiações eletromagnéticas
Maxwell, em 1864, descreveu as bases de toda a teoria do eletromagnetismo e das ondas eletromagnéticas, demonstrando que se propagam à velocidade da luz e que essas ondas e a luz têm a mesma natureza. Preparou, assim, o caminho para a invenção das telecomunicações.
As ondas eletromagnéticas, tal como Maxwell previu, resultam da propagação de campos elétricos e magnéticos perpendiculares entre si e também perpendiculares à direção de propagação das ondas. São ondas transversais.

7.Impacto desta descoberta no desenvolvimento tecnológico, permitindo a emissão e receção de ondas rádio por antenas (tal como se passa na bobina da experiência de Hertz)
Marconi foi aumentando, progressivamente, a distância entre a antena emissora e a antena recetora e, em 1896 essas ondas já chegavam a 3 km e em 1899 eram capazes de atravessar o Canal da Mancha (que tem cerca de 50 km de largura).
Em 1901, Marconi estabeleceu a primeira comunicação entre os continentes europeu e americano por meio de ondas eletromagnéticas.
Inaugurou assim a era da comunicação a longas distâncias.

As experiências de Hertz fascinaram o italiano Guglielmo Marconi, que começou a fazer experiências de produção e receção de ondas hertzianas na sua própria casa tendo sido Marconi quem, em 1901, estabeleceu a primeira comunicação entre os continentes europeu e americano (por meio de ondas eletromagnéticas).
A tecnologia das ondas hertzianas revolucionou completamente os meios de comunicação. Até então as notícias só chegavam pelos jornais, mas pela rádio estas conseguiam chegar mais depressa.

FIM!
Desenvolvimento dos meios de comunicação
Trabalho elaborado por:

António Sequeira, nº5

Eliana Gonçalves, nº7

Micaela Gonçalves, nº14

1.Introdução
O nascimento do eletromagnetismo ocorreu com as experiências do físico dinamarquês, Oersted e do físico inglês Faraday.
Por sua vez, foi Maxwell quem efetuou estudos matemáticos sobre a eletricidade e o magnetismo. Desenvolveu assim a teoria eletromagnética da luz, a qual foi confirmada experimentalmente por Hertz que foi o primeiro não só a produzir ondas eletromagnéticas mas também a detetá-las
Por fim, foi Marconi quem estabeleceu a primeira comunicação entre os continentes europeu e americano por meio de ondas eletromagnéticas, inaugurando assim a era da comunicação a longas distâncias.


Fig. 1
|
Experiência de Oersted.
Fig. 3

|
Indução eletromagnética.
Fig. 2
|
Uma corrente elétrica provoca a rotação na agulha magnética.

Fig. 4

|
Equações de Maxwell.
Fig. 5
|
Onda eletromagnética.
5.Experiência realizada pelo físico alemão Hertz, que permitiu a confirmação da teoria de Maxwell
A teoria de Maxwell foi encarada com alguma desconfiança por parte de vários físicos da época.
Foi Hertz quem verificou que sempre que uma bobina era percorrida por corrente elétrica, alternada e de alta frequência, se produziam descargas elétricas entre esferas ligadas a essa bobina. Verificou também que ocorriam outras descargas num anel metálico, colocado a uma certa distância das esferas e a elas não ligado. Hertz mediu o comprimento da onda e a velocidade das mesmas ondas, comprovando a teoria de Maxwell.
Fig. 6
|
A experiência de Hertz.
Fig. 9
|
Representação da experiência de Hertz.
6.Trabalhos efetuados pelo inventor italiano Marconi que, baseando-se na experiência de Hertz, conseguiu a transmissão de sinais a longas distâncias, através de ondas rádio
Guglielmo Marconi, ao tomar conhecimento dos trabalhos anteriores, iniciou, na sua própria casa, experiências de produção das ondas hertzianas, e, em 1896 efetuou a primeira apresentação pública da emissão do código Morse através de telegrafia sem fios (TSF).
Progressivamente, efetuou experiências de aumento do alcance das transmissões, vindo a realizar a primeira transmissão transatlântica da letra S no código Morse em 1901.
Fig. 10

|
Guglielmo Marconi.
9.Conclusão
8.Importância dos trabalhos de Maxwell, Hertz e Marconi nos meios de comunicação atuais: rádio, televisão e comunicação por satélite
Marconi, Hertz e Maxwell tiveram um grande impacto e um importante papel no desenvolvimento dos meios de comunicação.
Contribuíram para a comunicação, essencialmente através das ondas eletromagnéticas (tendo sido Maxwell quem elaborou a teoria de ondas eletromagnéticas). No entanto foi Heinrich Hertz quem pela primeira vez, através de uma experiência as produziu e, logo de seguida, as detetou, confirmando assim a teoria de Maxwell. O trabalho de Maxwell serviu de base à evolução de toda a tecnologia.

A ciência e a evolução do conhecimento científico é feita pelo contributo de diversos cientistas e não apenas por um, só porque consegue uma descoberta sem partir de conhecimentos/descobertas de outros.
Através deste trabalho, podemos concluir que cada um dos cientistas estudados (Oersted, Faraday, Maxwell, Hertz e Marconi) tiveram a sua importância no desenvolvimento dos meios de comunicação com que hoje em dia ainda lidamos e que consideramos essenciais na vida atual, permitindo uma melhoria na qualidade de vida e permitindo o desenvolvimento da sociedade.

Obrigado a todos pela atenção!
Full transcript