Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

O Estudo da Evolução: métodos, técnicas e evidências.

No description
by

mariela caetano

on 7 October 2013

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of O Estudo da Evolução: métodos, técnicas e evidências.

O Estudo da Evolução: métodos, técnicas e evidências.
Introdução à Evolução
Evidêncnias da Evolução
Árvore da Vida: Fiologenia
Evolução é o processo através no qual ocorrem as mudanças ou transformações nos seres vivos ao longo do tempo, dando origem a espécies novas.
Distinguem - se em dois níveis:
Anagênese
Cladogênese
Fóssil
São marcas ou evidências de vida anteriores à época holoceno.
Exemplos:
Ossos, dentes, fezes petrificadas ou animais conservados no gelo.
Homologia
Aqueles que possuem a mesma origem embrionária e desenvolvimento semelhante em diferentes espécies.
Analogia
Aqueles que desempenham a mesma função em certas espécies, apesar de terem origens embrionárias diferentes, as células se diferenciam de folhetos embrionários distintos.
Embriologia Comparada
O estudo comparado da embriologia de diversos vertebrados mostra a grande semelhança de padrão de desenvolvimento inicial.
Aspecto bioquímico
A comparação entre proteínas encontradas em animais de diferentes espécies também mostra evidências da evolução das espécies.
Orgãos Vestigiais
No aspecto evolutivo, esses orgãos parecem estar em processo de regressão, (mas já foram necessários e funcionais em antepassados) de animais hoje existentes.
Fiologenia
As árvores filogenéticas são diagramas que representam essas relações de ancestralidade e descendências, consistindo em linhas que se bifurcam de acordo com a existência no passado de um evento que transformou uma espécie em duas novas espécies.
Transformação progressiva, surgimento de mudanças permitindo adaptações.
Anagênese
Resulta da interação de diversos fatores evolutivos. Principalmente as mutações, recomninação gênica e a seleção natural.
Processo em que duas populações isoladas geograficamente vão se diferenciando com o passar do tempo, originando também duas espécies diferentes, a partir de um ancestral comum.
Cladogênese
Embora em alguns casos possa exercer funções diferentes em diferentes espécies, como os membros anteriores de vertebrados terrestres.
Exemplos: O braço do ser humano, as asas de um morcego, a nadadeira de uma baleia e a pata dianteira de um cavalo.
Representando apenas semelhança morfológica entre estruturas, ou seja, exercendo função de adaptação da mesma função.
Exemplos:
À medida que o embrião se desenvolve, surgem características individualizantes e as semelhanças diminuem.
Também faz parte da embriologia
comparada o estudo comparativo das larvas dos animais de desenvolvimento indireto. Atraves de estudo comparado de suas larvas foi possivel estabelecer grau de parentesco entre equinodermas e hemicordados.
Quanto menor o número de aminoácidos diferentes
encontrados, maior a semelhança ou maior o grau de
parentesco entre os seres vivos.
Por exemplo, o citocromo C do coelho
difere do humano em nove aminoácidos e
o do macaco, apenas em um.
Atualmente, através de uma técnica denominada
hibridação molecular, é possível comparar moleculas
de DNA de espécies diferentes.
Quanto maior o número de pares de bases nitrogenadas que não se combinam nas duas cadeias complementares, menor será o grau de parentesco entre as espécies
A junção desta bifurcação chama-se nó, onde representa esse momento de diversificação e o ancestral em comum das espécies que se localizam na ponta de cada uma das bifurcações.
Full transcript