Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

Marketing Básico

No description
by

Erick Pereira

on 16 August 2015

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of Marketing Básico

Professor: Erick William Pereira
. Graduado em Administração – Ênfase em Marketing
. Pós-graduado em Gestão Estratégica de Marketing
. Pós-graduado em Metodologia do Ensino Superior
. Mestre em Administração – Comportamento do Consumidor
. Empresário no ramo de publicidade e web.
Marketing
O que é marketing?
Quando ele começou a existir?
Quem inventou?
Você utiliza marketing no seu dia-a-dia?
Marketing é propaganda? Propaganda é marketing?
Marketing
Marketing vem de mercadologia.

Mercado + Logia = estudo

O marketing procura o equilibrio entre a
oferta e a demanda
.
Marketing é a arte de
criar valor
genuino para os clientes.
Marketing é a função empresarial que identifica
necessidades e desejos insatisfeitos
, define e mede sua magnitude e seu potencial de rentabilidade.
Marketing especifica que
mercados-alvo
serão mais bem atendidos pela empresa, decide quais produtos e serviços servirão a esses mercados selecionados.
Marketing convoca a todos na organização para
pensar no cliente
e atender ao cliente.
Marketing
marketing pessoal;
marketing político,
marketing interno ou "endomarketing",
marketing de serviços,
marketing on-line,
marketing internacional,
marketing social,
marketing de relacionamento;
“buzz” marketing
marketing organizacional
Marketing esportivo...
Áreas do Marketing
Grupo de variáveis que a empresa utiliza para produzir a resposta que deseja no mercado-alvo.

Ações que a empresa pode fazer para direcionar a demanda para seu produto.

As diversas possibilidades podem ser reunidas em quatro grupos de variáveis: produto, preço, praça e distribuição.
O Composto de Marketing
Necessidade dos clientes: um dos maiores mal-entendidos do marketing.
Empresas acusadas de manipular consumidores inocentes
Clientes comprando coisas que não precisam
Consumidores “enganados” por falsas “promoções”
Vendedores bem treinados que conseguem “empurrar” mercadorias com sucesso.

Se fosse assim, não existiria um produto lançado que não fracasasse.
Clientes: inteligentes ou não?
Necessidade dos clientes: As pessoas sempre tiveram necessidades.

Ex: A TV só surgiu porque as pessoas precisavam de diversão em casa, desta maneira se tornou viável a sua produção.

Pergunta 1: O cliente sempre tem a razão?

Pergunta 2: O cliente tem sempre a palavra final?
Clientes: inteligentes ou não?
Teoria do Behaviorismo:
“O homem só busca pão quando não há pão”.
A necessidade satisfeita não motiva o comportamento.

Necessidades fisiológicas.
Necessidades de segurança.
Necessidades sociais.
Necessidades de estima (amor próprio,
autoconfiança, independência).
Necessidades de auto-realização.
Maslow – Um revolucionário
Marketing é:
1 – Conhecer uma garota/garoto;
2 – O primeiro olhar;
3 – O convite;
4 – O cinema;
5 – O jantar;
6 – A balada;
7 – A sogra;
8 – O casal presente…e então, talvez….
9 – O casamento;
10 – As crianças;
11 – As férias em Cancun…
Ficar ou casar?
É o processo de planejar e executar a concepção, estabelecimento de preços, promoção e distribuição de bens e serviços a fim de criar
trocas
que satisfaçam metas individuais e organizacionais (Churchill/Peter).

Marketing é a execução de atividades de negócios ou empresariais que conduzem o fluxo de bens e serviços do produtor ao consumidor (American Marketing Association).

Troca: Uma transação voluntária entre uma organização e um cliente, destinada a beneficiar ambos.
O que é Marketing?
Satisfação do cliente

Maximizar lucros

Melhorar a qualidade de vida das pessoas oferecendo escolha

Pergunta: Marketing e propaganda são a mesma coisa?

Marketing = vendas?
Marketing = atendimento ao cliente?
Objetivos do Marketing
Com o passar do tempo, os consumidores passaram a ser alvos móveis e não fixos como antigamente.

Exemplos:
Anos 80, TV sem controle remoto
Poucas mídias e fixas

Anos atuais:
Internet
Mídias móveis
Interatividade e segmentação extrema
Mercado alvo
Tipologia do cliente
É o meio no qual a empresa está operando e possui várias “forças” que a afeta. Algumas delas:
Concorrência

Políticas fiscais e econômicas (governo)

Inflação e poder de compra dos consumidores (economia)

Legislação sobre rótulos, embalagens, propaganda...

Tecnologia...
O ambiente de Marketing
Grupo de pessoas escolhida para ofertar um bem ou serviço ou segmento de mercado.

Consumidores podem se tornar alvos quando os agrupamos de acordo com algumas características:
Faixa de renda
Faixa etária
Região geográfica...

Mas por que é importante segmentar
os consumidores?
Mercado alvo
Análise ambiental: A prática de rastrear as mudanças externas que podem afetar o mercado.

Microambiente: Ambiente próximo da empresa e que pode ser em parte influenciado (o próprio setor, concorrentes, fornecedores, clientes funcionários...).

Macroambiente: É o ambiente que influencia o desenvolvimento da empresa e não pode ser controlado (demografia, economia, tecnológico, político...).
Ambiente de Marketing
São as leis, regulamentações e pressões políticas que afetam as decisões dos profissionais de marketing.
Exemplos:
- Propagandas de bebidas não podem ser veiculadas durante o dia, somente das 21 às 6h;

- É proibido enviar ou entregar ao consumidor, sem solicitação prévia, qualquer produto ou serviço;

- É obrigatório a mostra do valor integral dos produtos na vitrine.
Ambiente político-legal
Regulamentações: Regras elaboradas por órgãos do governo que têm força de lei.

Exemplos: Ações do CONAR que retiram propagandas abusivas ou enganosas dos meios transmissores de informação.
Ambiente político-legal
São as pessoas de uma sociedade e seus valores, crenças e comportamentos.

Demografia: É o estudo das características de uma população humana (idade, índice de natalidade e mortalidade, estado civil, instrução...).

O profissional têm de acompanhar as tendências de mudança de idade, estrutura das famílias, mudanças geográficas da população, características educacionais e diversidade populacional.
Ambiente social
As pessoas para poderem adquirir bens ou serviços no mercado necessitam de ter poder de compra.

O ambiente econômico engloba os fatores que afetam o poder aquisitivo do consumidor e os seus padrões de gasto.
Inflação
Alta de juros
Fontes de financiamento
Reajuste salarial
Economia no geral
Taxas de inflação
Ambiente econômico
As crenças são as coisas que sabemos, ou pensamos saber, sobre algo em particular.

Enquanto as crenças e os valores centrais são transmitidos de pais para filhos, reforçados pelas escolas, igrejas, negócios e governo, são difíceis de ser alterados, as crenças e valores secundários estão mais abertos à mudança.

Acreditar em casar-se é uma crença central enquanto que a de casar cedo é secundária. Por exemplo, é muito mais fácil argumentar que as pessoas se deveriam casar mais tarde do que não casar em absoluto.
Ambiente cultural
É composto por instituições e outras forças que afetam os valores básicos, as percepções, as atitudes e os comportamentos de uma sociedade.

Em relação às atitudes as pessoas respondem habitualmente com a indicação do grau de sentimentos positivos, negativos e neutros .

As atitudes, freqüentemente bons preceptores do comportamento, estão intimamente associados às nossas crenças e aos nossos comportamentos.
Ambiente cultural
Principalmente nos dias atuais, quando a tecnologia evolui constantemente e quase que diariamente, este setor deve ser
considerado em qualquer análise de ambiente.

As mudanças e as facilidades de acesso à tecnologia fazem com que um produto se torne obsoleto rapidamente.
Lançamento de novos produtos e equipamentos
Formas alternativas de promoção do produto/serviço
Tecnologias disponíveis para a produção
Legislação sobre pesquisas e desenvolvimento tecnológico
Ambiente tecnológico
Sócio-econômica:
Renda
Número de pessoas na família
Escolaridade
Religião
Hábitos diários

Psicológicas:
Atitudes
Valores pessoais
Ideais
Tipos de segmentação
Geográfica:
Bairros
Cidades
Estados
Países
Área urbana/rural

Demográfica:
Idade
Sexo
Características físicas
Tipos de segmentação
Concorrência de Marcas: empresas que oferecem produtos e serviços semelhantes aos mesmos clientes por preços similares, como exemplo uma empresa que produz carros populares, mas esta empresa não pode concorrer com empresas de carros de luxo.

Concorrência de forma: todas as empresas fabricantes de produtos que oferecem o mesmo produto/serviçoque suas concorrentes, como exemplo a empresa de automóveis passa a considerar concorrentes os fabricantes de motocicletas, bicicletas e caminhões.

Concorrência genérica: concorrentes são todas as empresas que competem pelo dinheiro dos mesmos consumidores, assim a empresa de automóveis enxerga a concorrência como empresas que possam vender viagens ao exterior e residências.
Concorrência em Marketing
Quem seria o concorrente de uma empresa que fabrica geladeiras?

Qual é o concorrente de uma concessionária de veículos?

Muitas vezes algumas empresas não conhecem os concorrentes, dando margem a possíveis ataques inesperados e chances de perder o que já conquistou.

É necessário ter o olhar de dentro para fora. Conhecer como o produto/serviço é fabricado para depois entender como será ofertado ao cliente.
Concorrência em Marketing
(...) um composto de marketing é a combinação de ferramentas estratégicas usadas para criar valor para os clientes e alcançar os objetivos da organização. (Churchill & Peter, 2000, p.20).

Produto é qualquer coisa que possa ser oferecida e que satisfaça necessidades e desejos de um mercado.

Produto inclui não só bens ou serviços, mas também marcas, embalagens, serviços aos clientes e outras características.

Não necessariamente o produto precisa ser físico. Eles podem existir fisicamente, mas também podem ser serviços, pessoas, locais, organizações, idéias, etc.
Composto de MKT - Produto
Composto de MKT - Produto
Benefícios:
Atendimento
Qualidade do produto
Assistência técnica
Entrega em casa

Exemplos:
Volvo – segurança
Ferrari – estilo/velocidade
Fiat Uno – Preço/economia
Casas Bahia – Preço/parcelas baixas
Tipos de segmentação
Atributos de um produto/serviço:
Durabilidade
Marca do produto
Volume de uso
Preço

Comportamento:
Ocasião
Influências
Moda/modismo
Tipos de segmentação
Bens de especialidade: Bens com características exclusivas para os quais um grupo específico de consumidores está disposto a fazer um esforço especial de compras. (artigos de luxo, carros, ternos).

Bens não procurados: Bens sobre o qual o consumidor possui pouco conhecimento, e que não pensa normalmente em comprar. (seguros de vida, lotes de cemitério).
Composto de MKT - Produto
Bens de conveniência: Bens que geralmente o consumidor geralmente compra com freqüência, de imediato, com o mínimo de esforço. (jornais, creme dental, sabonete).

Bens de compra comparada: Bens que o consumidor, no processo de seleção e compra, compara características baseadas em adequação, qualidade, preço e estilo. (móveis, vestuário e carros).
Composto de MKT - Produto
Ciclo de vida de um produto:
Produtos tem uma vida limitada.
As vendas do produto atravessam estágios distintos, sendo que cada um apresenta desafios, oportunidades e problemas diferentes.
Os lucros são variados durante o ciclo de vida do produto.
Produtos precisam de estratégias diferentes em cada estágio do ciclo de vida.
Composto de MKT - Produto
Durabilidade:
Duráveis: casa, automóvel.
Semi-duráveis: creme dental, sabonete.
Não duráveis: suco de frutas, iogurte.

Quanto à finalidade de compra:
Produtos de consumo: adquiridos pelos consumidores finais (sabonete, alimentos).
Produtos industriais: adquiridos para a fabricação de outros produtos (peças, suprimentos, serviços).
Produtos de consumo industrial: produtos adquiridos para consumo próprio (combustível, papel, água).
Composto de MKT - Produto
Moda : É previsível e de média duração. Sempre “volta” quando há falta de criatividade para novidades.

Modismo: Imprevisível e de curta duração. Ex: Tamaguchi.

Tendência: Previsíveis e mais duradouras. Ex: queda dos juros na economia para conter os efeitos de uma possível crise.

Megatendência: Grandes mudanças sociais, políticas e tecnológicas que se formam lentamente e por um longo período de tempo. Ex: Base da pirâmide consumindo.
Marketing
Toda empresa precisa utilizar seus recursos da melhor forma. Aqui entra a diferença de todo trabalho: VALOR.

Valor: Razão entre o que o cliente entrega (recursos) e o que recebe (benefícios).

Com o ambiente cada vez mais hostil e mutável, cada vez é necessário planejar e se preparar no mercado.

Aumentar valor = aumentar benefícios/reduzir custos

Satisfação: nível de atendimento da necessidade.
Planejamento de Marketing
Composto de MKT - Produto
Composto de MKT - Produto
Prosperidade: durante esse estágio, os níveis de produção e emprego aumentam.
Consumidores demandam bens e serviços;
Gastos com produtos básicos e artigos de luxo como férias, roupas de grife e lazer;
Podem passar para níveis melhores como carros e casas;
Pessoas dispostas a ter o ´´melhor`` e a pagar por isso.
Ciclo de negócios
Recessão: É uma redução da produção e aumento do desemprego.
Consumidores ´´trancam`` suas carteiras (cuidam das reservas financeiras);
A demanda de consumo faz com que as empresas também parem de comprar insumos;
Compra apenas do básico e procura do melhor negócio.
Ciclo de negócios
Inflação: É uma elevação no nível geral dos preços.
Pode ocorrer em qualquer estágio do ciclo de negócios;
Costuma ser anunciada em períodos de prosperidade;
Preços em elevação reduzem a quantidade de bens e serviços que podem ser comprados com cada unidade monetária
Significa problemas para os clientes se sua renda não conseguir acompanhar os índices.
Ciclo de negócios
Ciclo de negócios – Ambiente econômico
Recuperação: É o período de transição entre a recessão e prosperidade, onde os níveis de produção e emprego aumentam.
- Os consumidores e compradores organizacionais podem ter mais dinheiro para gastar, mas normalmente estão ainda relutantes em aumentar suas compras.

Ciclo de negócios
Conceitos centrais:
Necessidades
: Estado de privaçã̃o sentido por alguém.

Desejo:
Expressão da necessidade ajustada pela cultura e desenvolvimento pessoais do ser humano.

Demanda:
Um desejo/necessidade torna-se uma demanda quando alguém pode e quer comprar aquilo que quer.

Mercado:
É́ o conjunto dos atuais e potenciais compradores e fornecedores de um bem/servico.

Consumidor:
É
́
para onde o bem ou servico se destina. Pode ser individual, grupo ou empresa.
Anos 50 : foco na produção.
Anos 60, aparecem os primeiros sinais de concorrência. Inicia a era das vendas quando muitas empresas começam a surgir no mercado.
Década de 70: concorrência estruturada. Surge o marketing (MKT) de massa com foco, agora, no produto. Década de 80 e 90: MKT de segmentação e de nichos, um processo de classificação dos clientes em grupos com diferentes necessidades, características e padrões de comportamento.
Anos 2000: MKT individualizado. Foco total no cliente.

Escolas de Marketing
Full transcript