Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

''Missão'' sistema solar.....

No description
by

Diego Henrique

on 25 April 2014

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of ''Missão'' sistema solar.....

O componente central e principal fonte de energia do Sistema Solar, o Sol, embora seja o astro mais luminoso quando visto do nosso planeta, é uma estrela relativamente pequena e comum na Via Láctea, com um raio de aproximadamente setecentos mil quilômetros. É constituído essencialmente por hidrogênio, hélio e outros elementos.
Do ponto de vista químico, o Sol é formado pelos seguintes elementos: 73% de hidrogênio, 25% de hélio e 2% de outros elementos.
O Sol já foi considerado um deus na religião de muitos povos da antiguidade, tamanha sua importante para o desenvolvimento da vida na Terra. Sem esta estrela não seria possível a sobrevivência de grande parte das espécies que hoje habitam nosso planeta. Ele é responsável pela temperatura, pela evaporação, pelo aquecimento e por muitos processos biológicos que ocorrem em plantas e animais. Por outro lado, o excesso de sol pode causar danos aos seres humanos. A exposição excessiva aos raios ultra-violetas emitidos pelo Sol, sem o uso de protetor ou bloqueador solar, pode causar câncer de pele.
Mercúrio é um planeta que faz parte do Sistema Solar. É o planeta mais próximo do Sol e está localizado entre o Sol e o planeta Vênus. Tem esse nome em homenagem ao deus da mitologia romana.
Mercúrio recebeu, pelos romanos, o nome do mensageiro dos deuses porque se move mais rápido do que qualquer outro planeta . Protetor dos rebanhos, dos viajantes e comerciantes: muito rápido, é o mensageiro.
Mercúrio é o planeta mais interno do nosso sistema solar e é o menor planeta.
(40% menor do que o planeta Terra) Considerado um planeta sem lua, Mercúrio não possui satélite. e portanto o primeiro dos quatro planetas rochosos do sistema solar


O período de rotação de Mercúrio é de 88 dias
Composição atmosférica
Hélio 42%, Sódio 42%, Oxigênio 15% e Outros 1%
Mercúrio possui uma atmosfera extremamente rarefeita, formada somente de partículas retidas do vento solar que logo se perdem devido à intensa radiação oriunda da estrela. Por isso, a temperatura na superfície chega a ultrapassar 420 graus Celsius durante o dia e cai drasticamente durante a noite, atingindo -180°C e sua temperatura média na superfície é 179°C

Vênus o segundo planeta a partir do Sol é considerado um planeta do tipo terrestre, e não possui satélite natural, chamado com frequência de planeta irmão da Terra, já que ambos são similares, contudo, o seu período de rotação é de 243 dias, superior ao tempo que Vênus leva a completar uma órbita ao redor do Sol. Apesar de o núcleo ferroso de Vênus ser similar ao da Terra, a rotação extremamente lenta de Vênus não permite a existência de um campo magnético.Ganhou esse nome graças a mitologia homana.
Vênus é a deusa do amor e da beleza. O planeta tem este nome provavelmente porque é o mais brilhante dos planetas conhecidos na Antiguidade (com algumas excepções, as características geográficas de Vénus têm nomes femininos.
Vênus é conhecido desde tempos pré-históricos. É o objecto mais brilhante do céu, além do Sol e da Lua.

A superfície de Mercúrio exibe enormes escarpas, algumas com centenas de quilómetros de comprimento e quase três de altura. Algumas cortam através dos anéis das crateras e outras características geográficas são de tal forma que indicam que foram formadas por compressão
quando Vénus está mais brilhante pode ser visto durante o dia, sendo um dos dois únicos corpos celestes que podem ser vistos tanto de dia como de noite (sendo o outro a Lua). Vénus é normalmente conhecido como a estrela da manhã (Estrela d'Alva) ou estrela da tarde (Vésper) ou ainda Estrela do Pastor. Quando visível no céu noturno, é o objeto mais brilhante do firmamento, além da Lua, devido ao seu grande brilho
Mercúrio
Vênus

Vénus possui uma densa atmosfera, composta na sua maior parte por dióxido de carbono, mas parte de sua atmosfera também é composta por azoto (ou nitrogénio); a quantidade de nitrogénio na atmosfera de Vénus é quase igual à porção de oxigénio encontrada na Terra. A pressão atmosférica ao nível do solo é 90 vezes superior à pressão atmosférica na superfície terrestre (uma pressão equivalente a uma profundidade de um quilómetro abaixo do nível do mar na Terra). A enorme quantidade de dióxido de carbono da atmosfera provoca um forte efeito de estufa que eleva a temperatura da superfície do planeta até 480 °C nas regiões menos elevadas ao redor do Equador. Isto faz Vénus ser mais quente do que Mercúrio, apesar de estar a mais do que o dobro da distância do Sol que este e receber somente 25% de sua radiação solar. Devido à inércia térmica da pesada atmosfera e ao transporte de calor pelos fortes ventos de sua atmosfera, a temperatura não varia de forma significativa entre o dia e a noite.
Terra
A Terra é o terceiro planeta mais próximo do Sol, o mais denso e o quinto maior dos oito planetas do Sistema Solar. É também o maior dos quatro planetas telúricos. É por vezes designada como Mundo ou Planeta Azul. Lar de milhões de espécies de seres vivos,13 incluindo os humanos, a Terra é o único corpo celeste onde é conhecida a existência de vida.
O “planeta azul” como também é conhecido, é coberto, em mais de 70%, por água dos oceanos, sem considerar os rios e mares que ficam na parte seca do planeta que é importante para que ocorra a vida.

Em nível espacial, tem uma característica bastante importante para que haja vida em seu interior: a existência de atmosfera. É composta por vários gases, sendo o nitrogênio, o oxigênio e o argônio os três principais gases da atmosfera. Ela serve para vários fins, entre eles, proteger a Terra de raios ultravioletas e prover oxigênio para a respiração dos seres vivos. A Terra realiza os movimentos de translação, que é o movimento em torno do Sol, durando 365 dias (um ano) e o movimento de rotação, movimento em torno de seu próprio eixo, que dura cerca de um dia ( 24 horas).A terra tem varias camadas pra chegar ao nucleo importante também pelo aquecimento da terra, sua forma não é perfeitamente arredondada, mas sim um pouco achatada e inclinada, cerca de 23 graus. Essa inclinação aliás, influencia, junto à translação, para determinar as estações do ano (inverno, verão, outono e primavera).
A Terra tem várias camadas para dentro. A crosta é a camada mais externa e onde vivemos. Ela, junto a uma camada acima do Manto, é chamado de Litosfera,( Parte branca na imagem) que é totalmente sólida. Abaixo existe o Manto, uma camada composta de silício, ferro e magnésio. O mais interno é o núcleo, que tem uma parte líquida e outra sólida, mesmo estando à altíssimas temperaturas.
temperaturas ja registrada na terra teve -93 ºC e a máxima de quase 58 ºC
Possui três satélites: Caronte, Hidra e Nix, sendo Caronte o mais próximo, e seu período de translação são exatamente como o período de translação do planeta; Caronte sua principal lua, tem composição diferente: é formada por água congelada.


Plutão
Netuno
Através de computador foi feita esta montagem de Tritão com Netuno. Esta seria a visão de uma nave que chaga na lua e vê ao fundo o planeta.
Urano
Comparação de tamanho entre Urano e suas seis maiores luas. Da esquerda para a direita: Puck, Miranda, Ariel, Umbriel, Titânia e Oberon.
Netuno é um dos planetas gigantes do Sistema Solar, é o mais afastado do Sol, e mais gelado (com temperaturas inferiores a -230 graus Celsius). Seu nome é uma homenagem ao deus romano dos mares, apresenta relevante porcentagem de metano, responsável por sua coloração azulada. Presume-se que as camadas intermediárias de Netuno sejam formadas por compostos gelados, como amônia e água, ao redor de um núcleo rochoso. De acordo com os mitos romanos, Netuno cavalgava as ondas do mar em cima de cavalos brancos. Era considerado também o senhor das ninfas dos oceanos, mares, rios, fontes e lagos
Netuno teve vários filhos conhecidos como tritões (monstros marinhos com faces humanas e corpo de golfinho). Tritão é a maior lua de Netuno, que se encontra a 4.500 milhões de quilômetros da Terra. É possivelmente o astro mais frio do sistema solar (-235°C). É um dos astros mais gélidos do sistema solar, com uma história geológica bastante complexa; possui uma superfície bastante jovem e de aspecto rugoso, desfigurada por violentas erupções vulcânicas, rápidos congelamentos de superfície e com repentina fundição, gerando assim uma rede de rachaduras enormes.
O planeta anão leva 6,4 horas terrestres (6 dias, 9 horas e 36 minutos) para dar uma volta em si mesmo, 248 anos para dar uma volta no Sol e completar sua orbita. . Como fica bem longe do Sol, plutão seria uma homenagem ao deus dos mortos. Plutão é formado por gelo e metano em sua superfície e sua fina atmosfera.
Terra recebeu esse nome graças a Deusa Gaia, uma titã identificada com a fertilidade, geradora de todos os deuses, a deusa-terra, livre de nascimento ou destruição, de tempo e espaço, de forma ou condição, também chamada de Deusa mãe. é representada como uma deusa geradora da vida, da natureza, águas, fertilidade e cultura; geralmente sendo a generosa personificação da Terra. Terra possui um único satelite natural, chamdo de lua, é o astro mais brilhante durante a noite em nosso planeta.
Plutão herdou de seu pai Saturno o Mundo Subterrâneo dos mortos, ele julgava os mortos encaminhando-os para o Tártaro ou para os Campos Elisios, Plutão é aniquilador, mas também é transformador. É o deus da riqueza e dos tesouros escondidos.
Sol
Júpiter
Na mitologia romana Júpiter é o pai do deus Marte. Assim, Júpiter é o avô de Rómulo e Remo, os lendários fundadores de Roma. Júpiter é filho de Saturno e Cíbele.
Júpiter é o maior planeta do Sistema Solar, tanto em diâmetro quanto em massa e é o quinto mais próximo do Sol. Possui menos de um milésimo da massa solar, contudo tem 2,5 vezes a massa de todos os outros planetas em conjunto. É um planeta gasoso junto com Saturno, Urano e Neptuno. Estes quatro planetas são por vezes chamados de planetas jupiterianos ou planetas jovianos. Júpiter é um dos quatro gigantes gasosos, isto é, não é composto primariamente de matéria sólida.
Júpiter é composto principalmente de hidrogênio e hélio. O planeta também pode possuir um núcleo composto por elementos mais pesados. Por causa de sua rotação rápida, de cerca de dez horas, ele possui o formato de uma esfera oblata. Sua atmosfera é dividida em diversas faixas, em várias latitudes, resultando em turbulência e tempestades onde as faixas se encontram. Uma dessas tempestades é a Grande Mancha Vermelha, uma das características visíveis de Júpiter mais conhecidas e proeminentes, cuja existência data do século XVII,12 com ventos de até 500 km/h e possuindo um diâmetro transversal duas vezes maior do que a Terra
Saturno
Saturno é o sexto planeta a partir do Sol e o segundo maior do Sistema Solar atrás de Júpiter. Nomeado pelo deus romano da agricultura. Saturno é um planeta gasoso com um raio aproximadamente nove vezes maior que o da Terra. Apesar de ter apenas um oitavo da densidade da Terra, sua massa é 95 vezes maior. O interior de Saturno é provavelmente formado por um núcleo de ferro, níquel e rocha (composto de silício e oxigênio), cercado por uma profunda camada de hidrogênio metálico, uma camada intermediária de hidrogênio e hélio líquido e uma exterior gasosa. O planeta possui um tom amarelo claro por causa dos cristais de amônia em sua atmosfera superior.
É o sétimo planeta a partir do Sol, possui cor azulada em função do gás metano em sua superfície. É o deus Céu dos romanos. Urano era uma divindade da mitologia que personificava o céu. Urano possui muitos satélites, sendo as seis maiores: Puck, Ariel, Umbril, Titânia e Oberon têm entre 1.100 a 1.600 quilômetros, ambos são constituídos de gelo na superfície. Na mitologia, após uma grande briga entre os deuses Urano e Saturno, Algumas gotas de sangue da ferida de Urano caíram na terra e a fecundaram, dando origem a demônios, as Erínias, a outros monstros, os Gigantes, e às ninfas, as Melíades
Marte
Anéis de Saturno

Os anéis de Saturno são constituídos essencialmente por uma mistura de gelo, poeiras e material rochoso. Se estendem a cerca de 280 mil quilômetros de diâmetro, não ultrapassam 1,5 km de espessura. A origem dos anéis é desconhecida. Originalmente pensou-se que teriam tido origem na formação dos planetas há cerca de 4 bilhões de anos, mas estudos recentes apontam para que sejam mais novos, tendo apenas algumas centenas de milhões de anos. Alguns cientistas acreditam que os anéis se formaram a partir de uma colisão que ocorreu perto do planeta ou com o planeta. Pensa-se que os anéis de Saturno desaparecerão um dia, cerca de 100 milhões de anos, pois vão sendo lentamente puxados para o planeta. Os anéis podem mudar de cor.
Saturno tem um grande número de satélites ou luas, o maior que todos os demais planetas. Os seus maiores satélites, conhecidos antes do começo da exploração espacial, são: Mimas, Encélado, Tétis, Dione, Reia, Titã, Hipérion, Jápeto e Febe. O maior desses satélites naturais é Titã, que tem o diâmetro de 5280 quilômetros (maior que o Planeta Mercúrio).
Mimas
Mimas, filho de Gaia, na mitologia grega, é um dos titãs mortos por Herácles (Hércules).


Mimas é uma das grandes luas de Saturno. Com 397,2 quilômetros de diâmetro e com um período orbital de 0,94 dias, é o menor corpo do sistema solar a conseguir tomar um formato praticamente esférico1 .
Encélado
Encélado é o sexto maior satélite natural de Saturno. Foi descoberta em 1789 por William Herschel.
Encélado aparenta possuir água líquida sob sua superfície gelada.
Enceladus, ou Encélado, é, na mitologia grega, um dos Gigantes, que são os quatro filhos de Gaia. Foi criado para ser o castigo de Atena. Ele é o menor e mais fraco dos Gigantes, porem o mais inteligente. Ele nasceu para derrotar a deusa da sabedoria Atena. É conhecido como o gigante do fogo. É irmão do mais poderoso gigante da mitologia grega, Tifão.
Tétis
Tétis é um satélite de Saturno; também conhecido como Saturno III. Foi descoberto por Giovanni Cassini em 1684.
Tétis, na mitologia grega, é uma deusa filha de Urano e de Gaia. Da sua união com o seu irmão Oceano, nasceram as oceânides.
Dione
Dione é uma das maiores luas do planeta Saturno, orbita a 377,4 mil quilómetros de distância desse planeta, sendo o seu período orbital de cerca de 66 horas, precisamente o dobro do que leva Encélado a percorrer a sua órbita. Este fenómeno pode ser responsável pelo aquecimento de Encélado a partir do efeito de marés.
Dione é deusa das ninfas, filha de Urano e de Tálassa, nasceu quando o sêmen de Urano caiu no mar e fecundou Tálassa. Ela foi amada por Zeus, de quem teve Afrodite, a deusa do amor, da sedução e da beleza.
Reia
Reia é a segunda maior lua de Saturno com 1528,0 km de diâmetro e com um período orbital de 4,52 dias.
Foi encontrado uma quantidade de oxigênio em Reia, que pode ser uma descoberta importante para a Astrobiologia, com grandes chances de vida extraterrestre.
Reia (anteriormente Réia), na mitologia grega, é uma titã, filha de Urano e de Gaia. Na mitologia romana é identificada com Cibele, uma das manifestações da Deusa mãe, Magna Mater.
Titã
Titã (ou Saturno VI) é o maior satélite natural de Saturno e o segundo maior de todo o sistema solar, depois de Ganímedes, tendo quase uma vez e meia o tamanho da Lua. É o único satélite natural conhecido por ter uma densa atmosfera, sendo até mais densa que a da terra, e o único objeto que não seja a Terra a ter uma evidência clara de corpos líquidos em sua superfície.
Na mitologia grega, os Titãs – masculino – e Titânides – feminino - (em grego Τιτάν, plural Τιτᾶνες) estão entre a entidades místicas que enfrentaram Zeus e os deuses olímpicos na sua ascensão ao poder. Outros oponentes foram os Gigantes, Tifão e Ofíon.
Saturno (do latim Saturnus) é um deus romano do tempo equivalente ao grego Cronos. É um dos titãs, filho do Céu e da Terra. Com uma foice dada por sua mãe mutilou o pai, Urano, tomando o poder entre os deuses.
Hipérion
Hipérion (português brasileiro) ou Hiperião (português europeu) é a oitava maior lua de Saturno. Orbita Saturno a 1.481.100 km do planeta, perto de Titã. Possui uma forma totalmente irregular, cheia de crateras, que o deixa parecido com uma esponja. Possui também uma rotação caótica e uma órbita excêntrica.
Hiperião ou Hipérion, na mitologia grega, é um dos titãs, filhos de Urano e Gaia. Por uma outra versão, atribuída por Diodoro Sículo aos cretenses, os titãs eram filhos de um dos curetes com Titaea, e o nome titãs deriva da sua mãe.
Jápeto
Jápeto é a terceira maior lua de Saturno com 1.436,0 km de diâmetro e com um período orbital de 79,32 dias, distando cerca de 3.564.300 km de Saturno.
Jápeto e seus irmãos, liderados por Cronos, conspiraram contra seu pai Urano, preparando-lhe uma emboscada quando desceu para se deitar com a Terra.
Febe
Febe (ou Phoebe) é um dos satélites de Saturno. Encontra-se a 12.952.000 de quilômetros (8 milhões de milhas) de Saturno. Foi descoberto por William Henry Pickering, em 1898.
Ela era um dos doze titãs, filhos de Urano e Gaia: Oceano, Céos, Crio, Hiperião, Jápeto, Teia, Reia, Têmis, Mnemosine, a coroada de ouro Febe e a amada Tétis e Cronos.
Marte é o quarto planeta em distância em relação ao Sol e segundo menor do sistema solar e possui dois satélites , pode ser visualizado sem ajuda de telescópio do planeta Terra. Tem uma atmosfera rarefeita e assemelha-se à Terra em vários aspectos. Sua atmosfera é formada de elementos tais como: gás carbônico, nitrogênio, argônio e oxigênio. A temperatura média de Marte é de aproximadamente 59 graus celsius negativos. Nos últimos anos tem sido o planeta mais estudado por agências espaciais do mundo todo, pois existem planos de buscar algum tipo de vida em marte e também projetos futuros e estudos para colonizar Marte. Grande parte destes projetos espaciais pertence a NASA. Marte batizado em homenagem ao deus romano da guerra, muitas vezes é descrito como o "Planeta Vermelho".
"Planeta Vermelho", porque o óxido de ferro predominante em sua superfície lhe dá uma aparência avermelhada
O planeta Marte provavelmente recebeu este nome devido à sua cor vermelha, que por ser a cor do sangue era associado à violência e não ao amor, como foi traduzido na cultura popular com associação às rosas.
É considerado o deus da guerra sangrenta, ao contrário da sua irmã Minerva, que representa a guerra justa e diplomática. Os dois irmãos tinham uma relação difícil onde prosperava uma rixa, que acabou por culminar no frente-a-frente de ambos, junto das muralhas de Troia, cada um dos quais defendendo um dos exércitos. Marte, protector dos troianos, acabou por ser derrotado
Marte possui dois pequenos satélites, Fobos e Deimos, os quais acredita-se serem asteróides capturados. Ambos os satélites foram descobertos em 1877 por Asaph Hall, e receberam o nome em homenagem às figuras mitológicas Fobos (medo/fobia) e Deimos (terror/pavor) os quais, na mitologia grega, acompanhavam seu pai Marte.
Fobos e Deimos são os únicos satélites conhecidos de Marte.
Os seus nomes (“medo” e “pânico”) recordam-nos a mitologia grega: Fobos e Deimos eram os filhos de Ares (Marte) e Afrodite (Vénus) e conduziam o carro do Senhor da Guerra.
Fobos é, em todo o Sistema Solar, o satélite que orbita mais próximo do planeta-mãe: menos de 6000 km acima da superfície marciana. Encontra-se, por isso, abaixo da órbita síncrona para Marte. Por esse motivo, a sua órbita vai descendo a um ritmo de 1.8 m por século. Assim, dentro de 50 Ma pode ocorrer uma de duas coisas: ou Fobos se despenha sobre Marte ou, o que é mais provável, antes que isso aconteça as forças gravitacionais destruirão o satélite criando um anel à volta de Marte.
Deimos é o mais pequeno satélite conhecido do Sistema Solar. A sua baixa densidade (1.8) é da mesma ordem que a de Fobos (1.9), o que indica deverem ter composições semelhantes - provavelmente uma mistura de silicatos e gelo, análoga à dos asteróides de tipo C.
Vitor Barbieri N°34
Alexsandra Oliveira N°01
Diego Henrique N° 07
Full transcript