Prezi

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in the manual

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

As bases do trabalho na sociedade moderna

SOCIOLOGIA: 2° Ano - 1° Bimestre - Aula 5
by Jean Pierre on 4 June 2013

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of As bases do trabalho na sociedade moderna

Manufatura No processo de manufatura (ou cooperação avançada), o trabalhador até continuava a ser artesão, mas não fazia tudo, do começo ao fim. (...) A manufatura foi o segundo passo para o surgimento do "trabalhador coletivo", ou seja, o trabalhador tornou-se um trabalhador sem entendimento da totalidade do processo de trabalho e também perdeu seu controle. Cooperação simples Causas e consequências A mudança na concepção do trabalho Com o fim do período medieval e a emergência do mercantilismo e do capitalismo, o trabalho "mudou de figura". Se antes era visto como uma atividade penosa e torturante, passou aos poucos a ser considerado algo positivo. Isso aconteceu porque, não sendo mais possível contar com o serviço compulsório, foi preciso convencer as pessoas de que trabalhar para os outros era bom; dizia-se que só assim todos sairiam beneficiados. As igrejas procuraram passar a ideia de que o trabalho era um bem divino e de que quem não trabalhasse não seria abençoado;
Os governantes passaram a criar uma série de leis e decretos que penalizavam quem não trabalhasse;
Os empresários desenvolveram uma disciplina rígida no trabalho, principalmente com horários de entrada e saída dos estabelecimentos;
As escolas passaram às crianças a ideia de que o trabalho era fundamental para a sociedade. Na cooperação simples, era mantida a hierarquia da produção artesanal entre o mestre e o aprendiz, e o artesão desenvolvia, ele próprio, todo o processo produtivo, do molde ao acabamento. A diferença é que ele estava a serviço de quem lhe financiava não só a matéria-prima, como até mesmo alguns instrumentos de trabalho, e também definia o local e as horas a ser trabalhadas. Prof. Jean Pierre Como os artesãos e pequenos produtores se transformaram em assalariado?
Primeiro, casa e local de trabalho foram separados; depois, separaram o trabalhador de seus instrumentos; por fim, tiraram dele a possibilidade de conseguir a própria matéria-prima. Os comerciantes e industriais que haviam acumulado riquezas passaram a financiar, organizar e coordenar a produção de mercadorias. As bases do trabalho na sociedade moderna Maquinofatura Com ela, definitivamente, o espaço de trabalho passou a ser a fábrica, pois era lá que estavam as máquinas que "comandavam" o processo de produção. Todo o conhecimento que o trabalhador usava para produzir suas peças foi dispensado, ou seja, sua destreza manual foi substituída pela máquina. Com esse processo ocorreu o convencimento do trabalhador de que a situação presente era melhor do que a anterior.
See the full transcript