Prezi

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in the manual

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

Pragas do Trigo

No description
by João Alberto Wink on 25 October 2012

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of Pragas do Trigo

TRIGO
Pragas e Controle André Feres;
Erik Nataniel da Silva Guedes;
João Alberto Wink;
Paulo Cícero da Silva Storti. PRAGAS * * Centenas causam danos á cultura;
* Somente algumas são consideradas pragas;
*Variam de região para região; *Principais Tipos de Pragas:
-Pulgões;
-Corós;
-Lagartas Desfolhadoras;
-Percevejos. PULGÕES a) Pulgão-da-espiga-do-trigo, Sitobion avenae b) Pulgão-verde-dos-cereais, Schizaphis graminum c) Pulgão-da-aveia, Rhopalosiphum padi d) pulgão-da-folha-do-trigo, Metopolophium dirhodum - Nas condições climáticas do Brasil não pões ovos, são viviparos;
-Geram apenas fêmeas;
-Desemvolvem-se rapidamente;
-Em invernos pouco rigorosos pode ocorrer surtos dessas espécies;
-Tem como hospedeiros outros cereais;
-Alimentam-se da seiva do trigo desde a emergencia até a formação dos grãos. DANOS GERADOS POR PULGÕES -Danos diretos;
*Diminuição do rendimento dos grãos:
>diminuição de peso e tamanho;
>Diminuição do poder germinativo; -Danos indiretos:
*Transmissão de virus:
>Barley Yellow Dwarf Virus (BYDV)
>Cereal Yellow Dwarf Virus (CYDV) CORÓS -São larvas de coleopteros, que estão presentes no solo.
-As espécies associadas ao trigo são a Diloboderus abderus e a Phyllophaga triticophaga, e começaram a causar danos a partir dos anos 80. Danos Causados
-Consomem sementes e raízes de plantas;
-Em atividade plena podem consumir até 2 plantas de trigo por semana; Controle:
-Tratamento de sementes b) Lagarta-do-trigo, Pseudaletia sequax c) Lagarta-militar, Spodoptera frugiperda CONTROLE:
-Quimico;
-Biológico;
-Cultural. -Alimentam-se das folhas e outas estruturas da planta;
-Provocam a diminuição da produtividade;
-Diminuição da área foliar e por consequencia geram menos fotoassimilados, que por sua vez diminui o rendimento da área. -Lagarta-do-trigo, Pseudaletia sequax;
-Lagarta-militar, Spodoptera frugiperda;
-Curuquerê-dos-capinzais, Mocis latipes. LAGARTAS DESFOLHADORAS DANOS PERCEVEJOS -Barriga-verde, Dichelops furcatus e D. melacanthus;
-Percevejo-raspador, Collaria scenica;
-Percevejo-verde, Nezara viridula;
-Percevejo-do-trigo, Thyanta perditor. DANOS:
-Folhas atacadas apresentam perfurações transversais e necrose;
-Pode haver o enrolamento das folhas;
-Diminução do desenvolvimento da planta;
-Gera diminuições na produção dos grãos. CONTROLE:
-Químico;
-Cultural. MANEJO CULTURAL -Praga
-Nível de Controle;
-IN's;
-Clima. FATORES A SEREM CONSIDERADOS: OBRIGADO! Controlar Somente quando for realmente necessário, pois gera aumentos nos custos.
See the full transcript